Retardantes de chama – Descaso legislativo e falta de informação dos consumidores mantêm consumo de plásticos antichama em baixa no Brasil

Plástico Moderno, Sylvio Moreira do Carmo Jr., diretor-comercial, Retardantes de chama - Descaso legislativo e falta de informação dos consumidores mantêm consumo de plásticos antichama em baixa no Brasil
Carmo: vendas de bromados ocorrem sem restrições

Número dois no mercado nacional de retardantes bromados, a Neotrade é representante comercial no Brasil da Albermale, uma multinacional norte-americana com atuação global, fábricas nos EUA, Europa e Ásia, e grande tradição no mercado de antichamas. A Neotrade, como empresa de serviços, é a responsável pela importação direta para clientes com demanda por volumes maiores, enquanto a Formiquímica, parceira da representante, atua no mercado de distribuição. A química inicial proposta pela Albermale foi a do bromo, mas, no decorrer do tempo, a empresa agregou novos produtos e, segundo seu diretor-comercial, Sylvio Moreira do Carmo Jr., hoje apresenta um portfólio bastante completo em termos de elementos químicos, oferecendo produtos com base em cloro e fósforo, e cargas (alumina trihidratada e óxido de magnésio).

Nas contas de Carmo, a maior fatia de retardantes bromados consumida no Brasil é empregada em termoplásticos: HIPS e ABS (eletroeletrônicos e linha branca), PEBD (fios e cabos) e compostos de PP (principalmente em linha branca, mas também no setor automotivo). Com menor volume, aparecem alguns plásticos de engenharia, como as PAs (nas suas aplicações clássicas em peças próximas do motor de automóveis), e materiais como o PPO e suas blendas. Saindo dos retardantes bromados, os produtos da Albermale também têm participação interessante em resinas termofixas, caso de epóxis utilizados em placas de circuitos impressos e outras aplicações, além de resinas poliéster insaturadas, e espumas de PU rígidas (utilizadas na construção civil no fomrato de chapas para isolamento termoacústico) e flexíveis (empregadas particularmente em automobilística e eletroeletrônica, mas com um mercado bastante pulverizado).

[toggle_simple title=”Oferta será ampliada” width=”Width of toggle box”]
Plástico Moderno, Antônio Carlos Gonçalves, diretor da Focus Química, Retardantes de chama - Descaso legislativo e falta de informação dos consumidores mantêm consumo de plásticos antichama em baixa no Brasil
Vantagem da PAG é o amplo leque de produtos, explica o diretor Gonçalves

A Focus Química, uma empresa de distribuição e representação comercial de produtos químicos, está iniciando uma nova área de atuação com a representação e distribuição de retardantes à chama da PAG (Polymers Additives Group). Essa empresa, parte da Climax Molybdenum e da R. J. Marshall até o início de 2006, foi adquirida pela Metals & Additives Corporation, e se apresenta como uma especialista em retardantes de chama, supressores de fumaça e concentrados de retardantes. Segundo o diretor da Focus Química, Antônio Carlos Gonçalves, a vantagem da PAG se concentra em seu amplo leque de produtos, que inclui retardantes bromados, fosforados, retardantes com base em antimônio, aluminas trihidratadas e retardantes híbridos combinando retardância com supressão de fumaça.

A estratégia que a Focus pretende adotar se concentra na venda de retardantes tradicionais – como o óxido de decabromo difenila – a preços competitivos, além da oferta de produtos alternativos com melhor desempenho e menos perigosos. Gonçalves afirma já haver detectado possibilidades de negócios no mercado local, como no caso de transformadores de PVC, que se interessaram por um substituto para o trióxido de antimônio.

Uma das especialidades da PAG é uma linha de produtos com retardância à chama e supressão de fumaça superiores para uma variedade de polímeros, graças a uma tecnologia de recobrimento de retardantes hidratados ou materiais inertes comumente usados com películas de estanatos ou molibdatos, como molibdato de zinco recobrindo talco. Outro produto peculiar são os retardantes endotérmicos com base em hidróxidos de magnésio, hidróxi carbonatos de cálcio e magnésio e carbonatos de zinco, que absorvem energia em seu mecanismo de atuação e contribuem para reduzir a temperatura no processo de queima.

[/toggle_simple]

 

Carmo defende a excelência do bromo como base de aditivos antichamas, pela alta eficiência do elemento químico, e contra as restrições que os halogênios poderiam enfrentar, ressalta que a Albermale possui certificados assegurando que alguns dos seus carros-chefe, como o óxido de decabromodifenila e o tetrabromo bisfenol-A, estão em acordo com a diretiva RoHS, que impõe a restrição ao uso de certas substâncias perigosas em equipamentos elétricos e eletrônicos. A diretiva impede a venda de novos equipamentos na União Européia que contenham níveis acima dos permitidos de chumbo, cádmio, mercúrio, cromo hexavalente e retardantes de chama com base em bifenil polibromado e difenil éter polibromado. “A empresa opera com suas plantas em plena capacidade, vendendo na Europa, nos EUA e na Ásia sem nenhum tipo de restrição”, relata o gerente-comercial da Neotrade.

Mesmo assim, e até no mercado local, onde os retardantes bromados são utilizados livremente, já houve casos de clientes da Albermale procurando produtos que chamam de “não-deca”, referindo-se a retardantes sem o óxido de decabromo difenila. Atualmente, duas empresas locais compram uma molécula alternativa, com o mesmo teor de bromo que a convencional, mas com uma modificação – patenteada – na estrutura química.

Retardantes made-to-order  Uma das representantes da indústria nacional no fornecimento de retardantes, a Macroplast importa matérias-primas e também utiliza insumos nacionais para fabricar seus produtos halogenados na fábrica de São Bernardo do Campo-SP. Sem o perfil adequado (leia-se: equipamentos com alto volume de processamento gerando ganhos de escala) para enfrentar uma guerra de preços com os maiores competidores do mercado brasileiro, a empresa aposta na capacidade para atender às necessidades específicas de seus clientes como seu grande diferencial.

Fabricando retardantes principalmente para artigos moldados de PP, PS e ABS (empregados principalmente em linha branca e eletroeletrônica), a Macroplast, além de simplesmente vender o aditivo, também oferece o serviço de beneficiamento para seus clientes. Além disso, a empresa aposta em fabricar aditivos made-to-order, que atendam especificamente às formulações em que serão utilizados. “Nosso perfil é de fornecimento de produtos sob encomenda, até na cor que o cliente precisa. A fórmula da Macroplast é exclusiva para quem a adquiriu”, diz o gerente-comercial, Freitas. E essa versatilidade para adequar até o acerto de cor, segundo ele, ninguém mais tem no mercado brasileiro.

A produtora de São Bernardo também aposta em uma elevação das vendas ao redor de 35%, em comparação ao ano passado, até o fim de 2008. Em um mercado que pouco ultrapassa o crescimento vegetativo natural de plásticos, o número impressiona. Mas Freitas explica que a Macroplast não vem de uma base muito grande, pois sua atuação mais focada no sul do Brasil a deixava de fora dos transformadores de Manaus – a grande Meca dos retardantes no país, pois a existência da Zona Franca atraiu transformadores ligados à exportação e que estão entre os maiores consumidores dos antichamas por aqui. A empresa está aumentando o número de vendedores e representantes atuando no mercado, com uma pessoa focada especificamente no parque de transformação manauara. Além disso, está mudando um pouco o caráter de sua própria atuação, passando a enfatizar as vendas diretas, pois até então privilegiava os serviços de beneficiamento.

Outra novidade pode vir do departamento de pesquisa: a empresa estuda alternativas para seus produtos halogenados. As investigações, no entanto, ainda são embrionárias, e Freitas não adianta maiores detalhes.

Página anterior 1 2 3 4Próxima página

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios