Embalagens

Produção de embalagens no país registra baixa emissão de CO2

Jose Paulo Sant Anna
2 de setembro de 2017
    -(reset)+

    Poliamidas – Representantes da RadiciPlastics, unidade da multinacional italiana RadiciGroup, apresentaram no evento da Abief as características principais das poliamidas usadas para compor filmes multicamadas para embalagens flexíveis. A empresa, com fábrica no Brasil, produz as poliamidas 6, 6.6, 6.10 e 6.12 com a marca Radilon. “O segmento de embalagens é o terceiro segmento em vendas para nós, representou 14% do nosso faturamento em 2016”, explica Jane Campos, diretora geral no Brasil.

    Durante a palestra, foi ressaltado que o uso das poliamidas para essa aplicação é muito comum pela excelente resistência térmica e química, e de suas características mecânicas, flexibilidade, dureza, barreira contra oxigênio e conservação das propriedades organolépticas do alimento. “Quando falamos em embalagens flexíveis, as poliamidas possuem atributos que combinadas com outros materiais, como polietileno e EVOH, proporcionam filmes com proteção eficaz contra umidade e oxidação, assegurando ao mesmo tempo ótima transparência”.

    Jane tem expectativa de crescimento de vendas para o mercado de embalagens em 2017. “No ano passado as vendas foram boas. Trata-se de um mercado que não teve queda e que sempre apontou crescimento, independente da crise. Este ano, como já era previsto, o cenário está bom”. Ela espera que o escândalo político atual, que envolve a JBS, uma das maiores consumidoras de embalagens do país, não provoque nenhum impacto negativo nos negócios.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *