Vitrine Brasilplast 2009 – O que há para ver na feira*

* O texto desta seção foi editado com base nas informações das empresas, em resposta ao convite enviado por Plástico Moderno a todos os expositores da Brasilplast 2009

ACTIVAS

Em sua nona participação na Brasilplast, a Activas quer divulgar o amplo portfólio de resinas, que inclui PPs, PEs e EVAs (Quattor), PS e estirênicos (Basf), ABS (Lanxess), policarbonatos e acrílicos (Unigel), copoliésteres e celulósicos (Eastman), TPE (Multibase), modificadores de impacto para plásticos de engenharia (Rohm and Haas), blendas (Bayer) e as poliamidas 11 e 12 e outras especialidades (Arkema), além de masterbatches, compostos e serviços de sua linha própria, a Actplus. Segundo a direção da empresa, o estande aberto vai favorecer o contato com os clientes e auxiliar no desenvolvimento de novos negócios.

AÇOESPECIAL

Ao firmar contrato de distribuição com a Industeel, unidade francesa da ArcelorMittal, uma das maiores produtoras de aço do mercado mundial, a empresa se tornou fornecedora exclusiva dos aços-ferramenta da linha Superplast Family para o mercado brasileiro. O aço Superplast 300 (SP300) constitui material comercializado com valor médio de 300HB (aproximadamente 32 HRc) de dureza, e substitui, de acordo com informações da empresa, com vantagens o P20, quer pela sua usinabilidade, polimento, soldabilidade ou por suas características de condutividade térmica, melhorando a produtividade dos moldes nas ferramentarias e nas indústrias que injetam peças que poderão contar com moldes mais produtivos e com ciclos térmicos mais efetivos. Já o aço Superplast 400 (SP400), comercializado com 370HB de dureza, aproximadamente 40 HRc, também se destaca por suas elevadas características mecânicas e de usinabilidade, observadas principalmente nos processos de furação, encontrando-se disponível em espessuras até 820 mm e em larguras até 1.650 mm. Na oportunidade, ainda será apresentado ao público o aço 1045, agora com pequenas modificações em sua composição e que resultaram em melhorias no processo de usinagem.

ADIRPLAST

Criada no final de 2006, a Associação Brasileira de Distribuidores de Resinas Plásticas (Adirplast) participará pela segunda vez consecutiva da Brasilplast. A ideia é mostrar sua atuação nas dezessete empresas associadas que constituem a totalidade das atuantes na distribuição oficial das resinas termoplásticas, produzidas pelas petroquímicas com unidades produtoras no país. A associação visa à defesa dos interesses dessas empresas, além da promoção do desenvolvimento e a especialização da atividade, agregando valor ao produtor e ao transformador dessas matérias-primas.

ALFAVINIL

A empresa argentina, especializada em compostos de PVC rígidos e flexíveis, abastece com sua produção vários dos mais importantes mercados atendidos pelo setor plástico. No mercado elétrico, mantém a liderança nacional e regional no fornecimento de materiais para aplicações elétricas e telefônicas, notadamente no setor de cabos unipolares, multipolares, subterrâneos e que suportam altas temperaturas. No mercado da construção civil, tem participação destacada, fornecendo compostos de PVC para a fabricação de perfis, molduras e tubulações. No mercado de embalagens, os compostos de PVC se destacam em recipientes comportando volumes até 20 litros, utilizados pelas indústrias alimentícias, farmacêuticas e cosméticas. No mercado de calçados, as bases e solados de PVC compactos, expandidos e ultraexpandidos são encontradas numa infinidade de produtos. Em todos esses setores, incluindo as aplicações nas áreas médica e hospitalar, o PVC estará em destaque.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Altec exibe montadora de clichês

ALTEC

Sistemas de visão flexíveis e customizados para inspeção de rótulos e etiquetas e sistemas para detectar defeitos de dimensão, formato, cor, envase, tampas e lacres compõem alguns dos itens em exibição nesse estande. O público também poderá conferir equipamentos para controle e automação para as áreas de conversão e impressão como alinhadores de borda, controladores de tensão, freios e embreagens, células de carga, estroboscópios e sistemas de videoinspeção para imagens impressas, além de montadoras de clichês Smart Eye.

AMC

Especializada na fabricação de produtos químicos para o segmento de plásticos, a empresa divulgará os investimentos realizados em uma nova unidade fabril, recém-inaugurada. Totalmente automatizada, a fábrica absorveu R$ 5 milhões. A expositora ainda divulgará sua linha de aditivos, a saber: antibloqueio, antiestáticos, auxiliadores de fluxo, estabilizantes térmicos, estearatos, cargas minerais e ceras promoverá diversos produtos, entre os quais a nova linha Liquidmetal de concentrados que conferem aos frascos produzidos pelo processo convencional de sopro (blow) e aos de PET efeito metálico: as peças reluzem tanto quanto um metal altamente reflexivo. Além da novidade, a empresa destacará ainda o masterbatch auxiliar de processo 102823-BB para extrusão de filmes difíceis de processar, permitindo um desempenho mais eficiente, em especial no caso de filmes soprados de baixa espessura. O antilensing 103725-AB é constituído por agentes avançados que combatem problemas provocados pela umidade, tais como “olhos de peixe”. Destina-se principalmente a aplicações de filmes do tipo blow e cast. Entre outros benefícios, o fabricante assegura aumento de produtividade e redução de custos com equipamentos para secagem de matéria-prima. O purga 100400 e o antioxidante 100401 constituem soluções para limpeza e paradas de máquinas, com redução de custo relevante. O primeiro acelera a transição na mudança de cores ou fórmulas e reduz o tempo necessário à limpeza da extrusora. O concentrado de antioxidantes consegue um rápido set-up de máquina e minimiza os efeitos da degradação material. Segundo o expositor, o deslizante para laminação 102109 representa o maior avanço no controle do coeficiente de atrito, pois permite mantê-lo abaixo de 0,25 em filmes mono e multicamadas, mesmo após a laminação adesiva. Os retardantes à chama completam os destaques do estande. A Ampacet ressalta a melhoria significativa com respeito à estabilidade térmica, elevada eficiência antichama, mantendo a resistência à tração e alongamento, além de garantir um baixo ou nenhum impacto sobre os processos pós-conversão.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Injetora Golden Edition, de 200 t

ARBURG

O tradicional fabricante de injetoras comparecerá ao evento com três equipamentos: uma injetora hidráulica, uma elétrica e ainda um desumidificador e alimentador. A primeira máquina, uma Allrounder 570 C Golden Edition, de 200 t de força de fechamento, exibe sua tecnologia de duas bombas servocontroladas para movimentos simultâneos, válvulas com novo conceito de acionamento ultrarrápido e o servocontrole de velocidade e pressão para todos os eixos, sinônimos de uma produção econômica, confiável e peças de alta qualidade. A Allrounder 420 A 1000-400 Alldrive de operação elétrica tem seu foco no mercado de embalagens. O modelo, com 100 t de força de fechamento, exibirá sua rapidez e repetibilidade em altíssimo nível produzindo na feira uma caixa de 500 gramas, de parede fina (0,5 mm de espessura), em 3,5 segundos. A máquina tem a habilidade de operar simultaneamente com todos os eixos independentes. Os ciclos rápidos decorrem da alta potência dos eixos servoelétricos, de acionamento direto. O desumidificador e alimentador modelo Thermolift 100-2 complementará a exposição.

ARD

Várias linhas de equipamentos fabricados em Taiwan para atender às necessidades das indústrias de transformação estarão em destaque. Eis alguns exemplos: as injetoras horizontais CLF, em modelos desde 60 toneladas de força de fechamento até 4.000 toneladas de força de fechamento, são caracterizadas por seu design inovador, alta precisão, repetibilidade e baixo consumo de energia. As injetoras horizontais Ahitop, em modelos desde 15 toneladas de força de fechamento até 520 toneladas de força de fechamento, são apropriadas para a injeção de insertos e podem apresentar várias configurações para injeção horizontal, vertical, mesa fixa, rotativa, lado a lado e sem colunas. Já a linha para a produção de canudos Jumbo Steel é composta por extrusora, empacotadora, embaladora e corrugadora e alcança produções até mil canudos por minuto. A linha de periféricos Yann Bang, composta de alimentadores, secadores e desumidificadores, apresenta modelos com capacidade até 1.200 kg/hora e/ou 200 litros. As extrusoras para PVC rígido Twin Screw, em modelos com capacidade até 1.300 kg/hora, são caracterizadas por aliar alto desempenho e precisão na fabricação de tubos e perfis.

ATOM

O destaque da expositora será a série Flashcut, de mesas de corte com lâmina oscilante. Desenvolvida para empresas que atendem a pedidos de peças especiais e em quantidades pequenas, os equipamentos operam com desenhos eletrônicos realizados em CAD2D, com arquivos salvos na extensão DXF. A configuração do tipo de cabeça de corte e o ferramental permitem uma grande gama de configurações. As máquinas podem ser utilizadas em diversos setores como os de abrasivos, automóveis, borracha, brinquedos, calçados, embalagens, móveis e vestuário. Além dos equipamentos da série Flashcut, a Atom também exporá em seu estande diversos modelos de prensas hidráulicas.

AUSTROMAQ

No estande estarão presentes as marcas Cincinnati Extrusion-Áustria, Gruber&Co. Group-Áustria e a Unicor-Alemanha. Da Cincinnati, a empresa mostrará novidades na área de extrusão de tubos e perfis, assim como de chapas de policloreto de vinila (PVC), no entanto, a novidade ficará por conta do sistema Kryosys, capaz de permitir o dobro da fabricação de tubos de polietileno (PE), com a mesma refrigeração ou a mesma produção, com a metade de resfriamento. Da fabricante de ferramentas e linhas de extrusão de perfis de PVC para esquadrias, a Gruber&Co. Group, os destaques serão as técnicas de extrusão de perfis de janelas com até 1.000 kg/h, além da extrusão de WPC, compostos de madeira e plástico. A Unicor será representada no estande com linhas de corrugadores para tubos. A fabricante apresentará máquinas para altas produções, peças técnicas e para diâmetros de 3,5 a 2.500 mm.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Modelo ZRS 1500 tritura tubos de parede grossa

AUTOMAQ

A empresa divulgará equipamentos periféricos para a automação de linhas de produção, para os processos de injeção, sopro e extrusão. Um lançamento será o dosador gravimétrico de fabricação 100% nacional, modelo DG 100-4, com capacidade para 100 kg/h, para dosagem de até quatro componentes, com precisão de 0,1% de cada material. Outra novidade é o sistema de enchimento de caixas sobreposto por peso alimentado por uma esteira inclinada que leva as peças da máquina para uma caixa na posição de enchimento até que a mesma atinja o peso predeterminado, no comando CLP, dessa forma, o sistema para a esteira de alimentação e troca a caixa automaticamente, depois, faz a tara da próxima caixa e inicia o seu enchimento. O terceiro lançamento se refere a um secador desumidificador compacto modelo SAS 100, com recipiente de secagem com capacidade de 150 litros e com CLP interligado a um PC para coleta de dados em um supervisório que registra todos os parâmetros de secagem ao longo do tempo. Das empresas representadas, o estande abrigará três trituradores da Zerma: o modelo ZBS 600, para borras de até 300 mm de diâmetro, com capacidade para até 350 kg/h; o ZRS 1500, para a trituração de tubos de polietileno de alta densidade (PEAD) de parede grossa ou PVC, com dispositivo hidráulico para alimentação; e o ZSS 850 Plus, para pré-moagem de peças e borras de grande volume. Também estarão expostos: dosador volumétrico DV01, válvula proporcional VP 50, controlador de temperatura para moldes de câmara quente fabricados pela Gammaflux, modelo LEC para doze zonas, e o aquecedor de molde a água, da Sterling, modelo SEU, além de diversos moinhos.

BAERLOCHER

A empresa levará ao conhecimento do visitante as propriedades e diferenciais de sua ampla linha de estabilizantes, aditivos e lubrificantes para PVC, conhecidos pelas marcas Baropan, Barostab, Barolub, Ciaquistab, incluindo estearatos metálicos, fosfitos orgânicos, auxiliares de fluxo e modificadores de impacto. A empresa acompanha o desenvolvimento tecnológico dos vários setores atendidos – tubos, conexões, perfis, forros, fios e cabos elétricos, acessórios para as indústrias automobilística, de calçados, brinquedos, artigos domésticos, construção, tintas, revestimentos, cosméticos, embalagens –, com investimentos na modernização de seu parque fabril, maquinários e em novos produtos e soluções. Na área de aditivos, divulgará novidades à base de cádmio e zinco, desenvolvidos para substituir produtos à base de chumbo no processamento de tubos, perfis, forros e conexões. Os novos desenvolvimentos realizados pela empresa também atendem às novas especificações de resistência ao impacto estipuladas para tubos soldáveis e tubos de PVC.

BASF

A empresa inova mais uma vez na concepção do estande onde estarão em exposição as principais aplicações dos produtos e soluções desenvolvidas para vários mercados. A linha de plásticos biodegradáveis, compostáveis e/ou de fontes renováveis – Ecoflex, Ecovio e Ecobras – tem aplicações na produção de filmes, peças sopradas e injetadas, oferecendo inúmeros benefícios à agricultura, na fabricação de tubetes, bandejas de replantio, filmes mulch, e ao setor de embalagens. A linha de polibutilenos tereftalatos Ultradur High Speed, primeira na área de plásticos de engenharia a receber o selo de ecoeficiência, é fruto de nanotecnologia e pode ser empregada na fabricação de cadeiras como as conceituais Myto. A linha Lumogen IR é formada por pigmentos para aplicações que exigem transparência como solda de plásticos. A linha Styrolux é constituída de copolímeros em bloco de estireno-butadieno (borrachas de SBS), para utilização em embalagens alimentícias, copos termoformados, tampas, filmes termoencolhíveis e cabides transparentes, com diferenciais de transparência, brilho, resistência ao impacto, alta permeabilidade a gases e aos vapores d´água, sendo também atóxica. A linha Neopor de poliestireno expansível com micropartículas de grafite proporciona eficiente isolamento da condução e convecção de calor, enquanto a linha Elastocoast, constituída de componente de poliuretano, é utilizada na contenção de costas e diques. Já os poliuretanos termoplásticos e sistemas de poliuretano Elastollan e Elastopan, utilizados em muitos campos industriais, agora estarão presentes no calçado conceitual Pure 1.0.

BAUSANO

A extrusora MD-90-25, a quarta geração da série, será o destaque dessa fabricante de máquinas. Em relação aos modelos anteriores, a linha sofreu alterações na geometria da rosca e melhorias no LD, agora de 36. O modelo conta também com sistema de resfriamento individual, por dissipador de calor, com o qual há maior controle e precisão da temperatura. Além disso, todas as máquinas da linha possuem painel CLP.

BETA LASERMIKE

Várias tecnologias serão levadas à mostra. Uma delas está no novo medidor de excentricidade sem contato Centerscan 2000, que combina as capacidades óticas do medidor de diâmetro AccuScan 5000 com a tecnologia de posicionamento magnético para medir o diâmetro e a excentricidade da isolação em linha. Outras inovações podem ser vistas no controlador de processo industrial DataPro 3100 e no DataPro 5000, esse último agora mais avançado nas tecnologias do PLC e do fieldbus do software. A última versão do LaserSpeed também estará presente e pode agora medir a velocidade em ambos os sentidos de movimento, inclusive a velocidade zero. Também estarão expostos o Ultrascan para realizar medidas ultrassônicas da parede e da excentricidade, o CapScan para medições de capacidade, o SRL Pro para a predição da perda de retorno estrutural, além de preaquecedores e sparktesters.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Moinho ML processa até 50 kg/h

BGM

A empresa, especializada na fabricação de periféricos para linhas de extrusão, lança moinho e homogeneizador para laboratórios. O moinho ML tem capacidade para moagem de 50 quilos/hora. É silencioso e opera em mesa ou bancada. O homogeneizador Master Mix, nas versões para 150 gramas e 250 gramas, é ideal para testes com masterbatches, possuindo aletas removíveis que facilitam a limpeza nas trocas de cores, e já sai de fábrica com uma pequena prensa acoplada para a fabricação de corpos-de-prova. Outro equipamento em exposição é o granulador BGM1 com capacidade para 50 quilos/hora. A linha para laboratórios se tornou também mais completa com a extrusora dupla rosca com 20 mm de diâmetro, comercializada pela importadora BGM Import, empresa do grupo Unicoba, que também integra a exposição.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Enfardadeira para frascos, da Blufer

BLUFER/PINTARELLI

As empresas compartilham o mesmo espaço na exposição e levam ao público máquinas e periféricos. A Pintarelli Industrial destacará as sopradoras Starmaq e Versátile, com capacidade para até 10 litros, e promoverá o lançamento da sopradora Soprática, máquina de pequeno porte, com capacidade para até 4 litros, para sopro de PEAD, PEBD e PP, cujo principal atrativo é a simplicidade construtiva e o excelente custo/benefício. A Blufer Tecnoplast destacará o Sistema Integrado de Transferência (Sit) em vias de patente para ser aplicado à automatização da produção de frascos do tipo neck to neck, também conhecidos como frascos gêmeos, e também modelo de enfardadeira semiautomática para frascos soprados, potes e bombonas em sacos plásticos pré-fabricados.

BOSCH REXROTH

Vários serão os destaques da empresa. Os filtros e elementos filtrantes normalizados padrão Rexroth serão um deles. Desenvolvida de acordo com a norma DIN 24550, a linha possui também filtros de tamanhos intermediários, inferiores e superiores à DIN. A Bosch Rexroth desenvolveu também a solução CMS para controle de óleo e o IndraMotion for Plastics, para máquinas injetoras e sopradoras. A companhia mostrará ainda os sistemas transportadores por correntes VarioFlow e o novo cilindro sem haste, RTC, além do Inline DDL Master e do Módulo de Comunicação DDL.

BOY SERVICE

Quem for ao estande da empresa, conhecerá a máquina SS.Small 650 BF, compacta e direcionada a altas produções para fabricar sacolas e sacos, com solda fundo. O modelo pode produzir até 600 sacolas, por minuto, ou 100 sacos para lixo, de 100 litros, por minuto, ocupando metade do espaço dos equipamentos similares. Como características, apresenta a baixa manutenção, robustez e facilidade operacional, além de funcionar com polietileno (PE) convencional, biodegradável ou oxibiodegradável.

BRABENDER

Os dosadores FlexWallPlus para processos contínuos ou por bateladas estarão sendo exibidos ao público. Projetados com design trapezoidal em aço inoxidável com acabamento sanitário, são compactos e promovem dosagens gravimétricas ou volumétricas de matérias-primas sólidas e com as mais diversas características de fluidez. Seu recipiente de poliuretano, ativado por pás massageadoras, otimiza os enchimentos e torna as dosagens mais precisas.

BRASCHEMICAL

A empresa destacará produtos aprovados, segundo a norma 105, da Anvisa, como as microesferas plásticas, da Expancel, e os pigmentos fluorescentes, da Day Glo. As microesferas proporcionam baixa densidade, de até 500 g/l, depois de expandidas, e toque macio; são utilizadas em compostos termoplásticos, solados de calçados, rolhas plásticas e selantes, entre outros. O produto tem sido usado como expansor físico, em processos que necessitam de maior segurança e baixa toxicidade, além de ser utilizado como carga de baixa densidade para materiais termorrígidos. Já os pigmentos estarão em exposição com outros produtos da Day Glo, como os pigmentos invisíveis, fosforescentes e os de interferência, além dos branqueadores ópticos.

Outras representadas estarão presentes no estande da Braschemical, como: Taizhu, com glitters de poliéster em diversas cores e tamanhos de partículas, e pigmentos perolados; Meadowbrook, com glitters de alumínio resistentes à alta temperatura; Matsui, apresentando pigmentos termocrômicos e fotocrômicos, e Karntner, que levará seu óxido de ferro micáceo, para plásticos reforçados.

BRASFIXO

Estará em destaque o fixomolde para a fixação de moldes até 100 toneladas. Com prendedor de troca rápida para moldes, as injetoras terão setups reduzidos e elevada produtividade. Em máquinas até 8 mil toneladas de força de fechamento, pode eliminar chaves, prolongadores, porcas sextavadas, arruelas e esforços físicos, fixando moldes com abas ou aberturas laterais.

BRASKEM

Diversas novidades em polietilenos, polipropileno e PVC prometem agitar o público no estande da indústria petroquímica. Só em polipropileno são oito novos grades. Os mercados de eletrodomésticos, peças técnicas e compostos automotivos serão beneficiados pela CP202XP, resina caracterizada por excelente processabilidade, estabilidade dimensional e acabamento superficial, além de alta rigidez e resistência ao impacto, propriedades que permitem a injeção de peças grandes, de design complexo e com requisitos de elevada resistência mecânica associada à ótima qualidade dimensional. O segmento de injeção de peças que requerem um novo patamar de transparência, superior em relação a um copolímero random convencional, será contemplado com a Prisma 3410, que ainda incorpora excelente desempenho mecânico e boa processabilidade, indicada como substituta do poliestireno cristal, do SAN e do policarbonato, com ganhos de qualidade e de custos. Ainda para o segmento de injeção, a empresa lança a nova CP 404XP, uma resina com melhor processabilidade e excelente balanço de propriedades mecânicas, desenhada em especial para a fabricação de tampas para embalagens de bebidas carbonatadas e não-carbonatadas.
O mercado de fibras de PP ganha três novos produtos, baseados em uma nova tecnologia que resulta em grades de melhor processabilidade e produtividade: o H214, o H216 e o H217. Os três possuem distribuição estreita de peso molecular, sinônimo de maior resistência ao estiro e níveis elevados de tenacidade no fio. O destaque fica por conta do H216, indicado na produção de fibras cortadas especiais para substituir o amianto em telhas de fibrocimento. A H217 conta com proteção antiultravioleta e a H214 possibilita altas velocidades de fiação de filamentos contínuos de baixo título para fios e malharia.

Também o mercado de filmes será contemplado com dois novos grades selantes: o Symbios 3102 e o Symbios 4102. Ambos atenderão o segmento de coextrudados convencionais, com um diferencial para o 4102, que também será aplicável nos filmes coex biorientados. O primeiro se destaca por excelentes propriedades óticas e elevada resistência da solda ainda quente, que, associada à ampla janela de processamento, confere excelente desempenho e produtividade em processos como empacotamento automático. Permite, ainda, utilização em estruturas submetidas a processos como autoclavagem e cozimento. O segundo proporciona ótimas condições para tratamento superficial, com excelente desempenho em processos como impressão, laminação e metalização.

No campo dos polietilenos, a Braskem lançará nova família de PELBD de base octeno, com destaque para o LL5801N, grade caracterizado pelo baixo nível de géis, ótimas propriedades mecânicas, óticas e de selagem, desenhado para o segmento de filmes especiais. O novo LL6801N tem no foco o mercado de filmes técnicos e industriais. Mais apropriado para uso em filmes industriais, o LL6800N assegura ótimas propriedades mecânicas e resistência de solda.

O processo de rotomoldagem também terá novidades. A resina ML3601 U embute maior resistência mecânica e é indicada para aplicações de alto desempenho, como grandes tanques para armazenamento de água e de produtos químicos, além de cisternas. A resina atende à produção de peças com requisitos de maior rigidez, resistência ao impacto a baixas temperaturas e elevada resistência ao stress cracking.

O mercado automotivo será beneficiado com duas novas resinas: a GM 7746 C e a GM 7746 CA. Desenvolvidas para aplicação em tanques de combustível mono ou multicamadas, os lançamentos substituem as GM 7746 e GM 7746 A. Os diferenciais das novas resinas ficam por conta das propriedades mecânicas, elevadas resistências ao impacto e ao tensofissuramento. A variedade C destina-se em especial à produção de tanques de combustível para automóveis, enquanto a CA tem foco na produção dessas peças para caminhões.

Duas novas resinas contemplarão o segmento de infraestrutura e saneamento: a GM 5010 T2B, um polietileno 80 azul, para produção de tubos resistentes à pressão, e a GP 100 OR, um polietileno 100 laranja, para distribuição de gás. A primeira, em fase final de desenvolvimento, foi desenvolvida para transporte de água potável em redes de distribuição, adutoras e ramais prediais, e complementará a atual linha dirigida a essas aplicações. A outra, de uso exclusivo em redes de distribuição de gás, já está sendo testada por alguns clientes da empresa.

Os fabricantes de filmes termoencolhíveis (shrink) poderão conferir a nova resina LD7000A, indicada na produção de filmes finos de alto desempenho, em máquinas de maior produtividade. Entre as principais vantagens, o fabricante ressalta a possibilidade de obtenção de filmes com menor espessura com a manutenção das propriedades mecânicas, excelente nível de encolhimento e elevada resistência mecânica.

A exposição da Braskem se completa com o lançamento de um novo PVC com baixo peso molecular e excelente fluidez em processos de injeção. Trata-se da S50SA, ofertada para o mercado de conexões e peças técnicas. O grande diferencial do produto fica por conta do seu peso molecular: valor K de 50, enquanto nas resinas convencionais, varia entre 57 e 58. O valor reduzido confere ao novo polímero um aumento significativo na fluidez do composto durante o processo de injeção, facilitando a moldagem de peças de parede fina.

BRASTEC

A empresa destacará a extrusora de 80 mm EXB 80-24D Brastec/Maillefer, para isolação de fios e cabos elétricos, fabricação de mangueiras, tubos e perfis, entre outros itens. A expositora também aproveitará a ocasião para divulgar outros equipamentos da linha, que abrange desde a EXB 30 até a EXB 150 (roscas de 150 mm de diâmetro), destinadas a variadas aplicações. A feira ainda servirá para a Brastec lançar seus holofotes sobre a série de bunchers, equipamentos empregados para reunir fios e cabos elétricos, depois encaminhados para a isolação nas extrusoras.

BRINDEC

O Anhembi será palco para o lançamento de uma nova tecnologia da Brindec, empresa que atua no projeto e produção de emblemas, acessórios e soluções. A novidade é o IML, uma tecnologia que permitirá decoração e acabamento interno e externo diferenciados, para diversos segmentos, com efeito madeira e cromo, entre outros. A empresa também divulgará sua linha de produtos: Cristal Label, etiquetas confeccionadas com resina poliuretânica, com efeito lenticular de alto brilho e alta durabilidade; MicroWriting, que agrega todas as características da tradicional etiqueta resinada com PU, porém agora disponível para micro escrita, ou seja, para pequenas letras, detalhes delicados e filetes com espessura inferior a 2 mm; Cristal Domes, produzido com materiais nobres e submetido a um rigoroso padrão de qualidade, dá efeito lenticular com alta durabilidade e é capaz de oferecer proteção aos impressos, substituindo o complexo processo de resinagem; Batentes, para serem utilizados como distanciadores, absorvendo vibrações e ruídos; 3D Real Shape, tecnologia para produzir emblemas e logotipos tridimensionais, por meio da combinação variada de compostos poliméricos; Tapa Furos, autoadesivos com temas amadeirados ou monocromáticos; Calotas, acessórios para rodas com base plástica injetada e adesivo resinado; e os Painéis, com alta resistência térmica, química e mecânica, uniformidade e transparência cristalina, que permitem versatilidade na identificação técnica ou promocional dos produtos.

BRÜCKNER

Nesta edição da Brasilplast, a Brückner Maschinenbau GmbH & Co. KG mostrará soluções tecnológicas para a produção eficiente e rentável de filmes plásticos de alta qualidade, atendendo à demanda do mercado de embalagem da América Latina.

Linhas para produção de BOPP desenhadas para capacidades de 900 kg/h a 7.000 kg/h, com velocidades de produção de até 525 m/min e larguras de produção de 4 m a 10 m, são destaques no portfólio, assim como as linhas para BOPET de alta performance – uma grande variedade de inovações para aumentar a produtividade e a rentabilidade dos produtores. Também divulgará as linhas para filme encolhível, in-line & off-line, com capacidades de produção de 350 kg/h a 3.100 kg/h, larguras de trabalho de 3,4 m até 6,2 m, e linhas de estiramento monoaxial para etiquetas e fitas adesivas (orientação MD), entre outros.

A empresa apresentará ainda tecnologia de filme plano. São linhas de CPP de alta velocidade com larguras de trabalho de 3,2 m até 6 m e capacidade de 1.000 até 2.500 kg/h, para filmes de laminação, embalagens de flores e stand-up pouches, entre outras; linhas de filme rígido por Roll Stack, para PET-A ou PET-G, com capacidade para 1.000 kg/h a 3.000 kg/h, e linhas cast para filme rígido de PET, com capacidade de 1.800 até 5.000 kg/h para vários tipos de embalagens.

Haverá espaço para as linhas para filmes especiais, como os óticos, de alta temperatura, feitos de PTFE ou PEEK, e linhas para telas e redes, entre outros. Os visitantes também poderão ver os últimos desenvolvimentos do exclusivo centro de tecnologia da Brückner, os pacotes modulares de turnkey e o Brückner Servtec.

BY ENGENHARIA

O expositor comparecerá ao evento para divulgar as novidades de suas representadas e ainda contará com equipe de técnicos para dar suporte aos clientes na feira. Da italiana Maris, divulgará lançamentos em extrusoras corrotantes para compostos, masterbatches e outros produtos. Da empresa norte-americana Gala, apresentará sistemas de granulação imersa em água. A reconhecida fabricante de linhas completas de extrusão de filmes, chapas, perfis e revestimentos Davis Standard, dos Estados Unidos, também divulgará novos produtos. Outra representada da By, a também americana Xaloy, fabricante de camisas bimetálicas, roscas, bombas de engrenagens, entre outros acessórios, também apresentará novos produtos ao mercado. Fabricante de matrizes planas e feedblocks para filmes planos e chapas, entre outros, a EDI completa a relação de representados da expositora. O público poderá conferir no local a nova extrusora dupla rosca corrotante da Maris, modelo TM 31 HS de alto torque e igualmente alto volume, obtido pela razão 1,65 entre diâmetros, o que confere um maior volume livre.

CARTON ACCESS

Conhecida pela fabricação de bombas de tintas e doctor blades para impressão flexográfica, a empresa também abraçou a produção de equipamentos periféricos, como lavadoras e rebobinadeiras. As lavadoras, além das lavagens, enxáguam e secam os cilindros anilox, executando limpezas mais completas. A linha de rebobinadeiras é composta por modelos tangenciais, com eixos aéreos, e semiautomáticos, também contam com shaft-less. Operando a velocidades de 500 m/minuto até 650 m/minuto, podem oferecer itens opcionais tais quais as importadas. Produzidos com itens de segurança como dispositivos para parada de emergência, porta de proteção do sistema de corte e sensores de aproximação, a empresa oferece, enfim, linhas completas de equipamentos para corte, revisão e rebobinamento.

CHEMSON

A nova linha de estabilizantes para PVC à base de cálcio-zinco e orgânicos para aplicações em tubos, conexões, perfis, fios e cabos constitui um dos destaques por oferecer vantagens técnicas de qualidade e produtividade. A empresa ainda apresentará demais linhas de estabilizantes à base de chumbo, sais de chumbo, estearatos de cálcio e zinco, lubrificantes e blendas para poliolefinas.

CIBA

A tradicional fabricante de especialidades químicas focará em seu amplo leque de lançamentos novos efeitos para melhorar o aspecto, a funcionalidade, o desempenho e a eficiência do processamento do plástico. Incluem pigmentos de alto desempenho e de efeito, preparações pigmentárias, antioxidantes e estabilizantes. O novo Irgaclear XT 386, agente clarificante para polipropileno promete definir um novo padrão, com dosagem até doze vezes menor em comparação aos produtos do mercado; assegura excelente transparência e propriedades superficiais, além de ótimas propriedades organolépticas, nenhuma alteração de sabor ou odor, estabilidade térmica e química. O fabricante também garante a manutenção das propriedades durante a regranulação e reciclagem, possibilidade de combinação com os pigmentos transparentes da Ciba de alto desempenho.

Aditivo antirrisco para polipropileno e TPO, o Irgasurf SR 100 ainda garante resistência mecânica. A novidade não exuda, não deixa a superfície da peça pegajosa e ainda tem ótimo desempenho na combinação com estabilizantes à luz ultravioleta e corantes. Pode ser dosado diretamente durante a fase de injeção da peça.

A família Irgastab contemplará vários novos produtos. Os sistemas de antioxidantes e formulações de antioxidantes mais estabilizantes à luz ultravioleta (Irgastab FS 042 e Irgastab RM 68) para polietilenos de média densidade transformados por rotomoldagem. Possibilitam, ainda, a redução do ciclo de produção e melhoria das propriedades mecânicas. O Irgastab NA 287 consiste em um agente hipernucleante de polipropileno homopolímero (e/ou copolímero) recomendado para a redução de ciclos de injeção, melhoria de estabilidade dimensional e aumento de propriedades mecânicas. A variedade FS 533 constitui um aditivo não-fenólico para fibras staple e massa contínua com propriedades de reduzir a descoloração por efeito de gas-fading, melhorar a resistência térmica e à luz ultravioleta de longo prazo em aplicações como carpetes, mobiliários e geotextiles, com baixa interação com os peróxidos utilizados em polipropileno de reologia controlada (craqueado).

O estabilizante para poliuretano termoplástico transparente Tinuvin PUR 866 oferece excelente cor inicial, permitindo sua utilização em artigos esportivos e para lazer, brancos e transparentes. O produto reduz a descoloração e aumenta a estabilidade à luz ultravioleta. Ainda nessa família, o Tinuvin XT 833, um estabilizante à luz de alto desempenho para PVC flexível, garante maior durabilidade e a resistência aos raios ultravioleta em comparação com os produtos similares disponíveis no mercado, além de manter as propriedades mecânicas por longo tempo, em aplicações sujeitas a intempéries. Estabilizante à luz de alto desempenho para PP e seus compostos, o Tinuvin XT 850 aumenta a durabilidade e a resistência à luz, conferindo, ainda, manutenção do brilho de peças com e sem cargas. De baixa interação química, pode ser usado em combinação com antichamas halogenados.

O novo Flamestab NOR 116, antichama não-halogenado para fibras e filmes, contempla o mercado de fibras e filmes poliolefínicos. Além da propriedade de resistência à chama, o aditivo aumenta a resistência térmica e à luz ultravioleta, sem interagir com estabilizantes à luz do tipo HALS e sem interferir nas propriedades mecânicas da resina.

Um aditivo para plásticos modificados com nanocompostos, o Irgatec NC 66 aumenta a estabilidade de processamento, permitindo transformação a temperaturas mais altas e velocidades maiores, além de reduzir o amarelamento por causa do envelhecimento, aumentar a estabilização térmica e à luz ultravioleta de longo prazo e diminuir a formação de odor durante a transformação.

A linha de pigmentos Cromophtal ganha dois novos produtos: o Yellow 4GV e o Yellow 2GO. O primeiro é um pigmento amarelo-esverdeado 100% orgânico, livre de metais pesados e de excelente estabilidade térmica e resistência à luz ultravioleta – mesmo em baixas concentrações –, ideal para coloração de peças injetadas de PEAD para aplicações externas. O segundo se refere a um pigmento amarelo esverdeado com alta saturação e força colorística, aprovado para contato com alimentos e recomendado para uso em poliolefinas, PVC flexível e rígido, resinas estirênicas e, ainda, PBT e PET.

A exposição se completará com a nova série de pigmentos Xymara Nordic, caracterizada por produtos com tonalidades naturais e efeitos exclusivos. Podem ser combinados com pigmentos transparentes ou opacos para obtenção de novos estilos e efeitos visuais.

CIOLA/ACMACK

Novidades poderão ser conferidas na coextrusora de PP com PE em três camadas que opera de acordo com o processo Quench System, o qual utiliza água para promover o resfriamento, em vez de ar, assegurando filmes com maior qualidade, transparência e brilho, além da produção de filmes com propriedades de barreira e transparência do PP, agregadas à elasticidade do PE, bem como com maior resistência a rasgos e perfurações e excelente soldabilidade. Outra novidade é a parceria firmada entre a Ciola e a Gap, que disponibilizará para o mercado várias linhas de máquinas como linhas de extrusão para filmes stretch em três camadas, alcançando velocidades até 1.200 kg/hora e linhas de coextrusão para filmes termoencolhíveis, biorientados e com barreira com cinco ou sete camadas, incluindo linhas de extrusão para coatings. A parceria Ciola/Gap também irá resultar no lançamento de filmes com barreira em cinco camadas, fabricados pelo processo Quench System de refrigeração por água.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Novo organizador dobrável com tampa da Cobrirel

COBRIREL

Especializada na construção de moldes de alta precisão para a injeção de termoplásticos de engenharia, a empresa se dedica aos setores automobilísticos, eletroeletrônicos, embalagens, telecomunicações, entre outros, destacando-se por sua ferramentaria e centro de usinagem certificados por associação alemã (DQS). Na oportunidade, estará também apresentando organizador dobrável e empilhável com tampa, ideal para estocagens.

COLORFIX

Em sua estreia na Brasilplast, essa fabricante de masterbatch, aditivos e compostos levará sua linha completa de produtos ao Anhembi e apresentará algumas novidades, como o aditivo Process Plus, um agente nucleante para polímeros cristalinos e semicristalinos, que atua como agente de polimerização, diminuindo a temperatura de cristalização e, por consequência, aumentando a produtividade. O produto restabelece as propriedades de resinas recicladas e aparas, eleva a dispersão dos masters e a incorporação de outros aditivos, além de funcionar como auxiliar de fluxo e deslizante, entre outras características. Outro destaque será o MB Filler, aditivo ecologicamente correto capaz de possibilitar a substituição de parte da resina, melhorar os efeitos indesejados de deformação e ruptura, oferecer resistência a altas temperaturas e não prejudicar os processos de impressão, por exemplo. Quem for ao estande, também poderá conferir a linha de Master de Efeitos Especiais, de pigmentos diferenciados de fornecedores mundiais, voltados para produtos inovadores e exclusivos. Com sede no Paraná e vinte anos de mercado, a Colorfix pretende ainda divulgar a inauguração de sua filial em São Paulo.

COMERSUL

Na qualidade de representante e distribuidor oficial no Brasil da Wall Colmonoy Corp. e Deloro Stellite, a empresa apresentará ligas de altíssima resistência a desgastes, utilizadas na fabricação e recuperação de roscas extrusoras, canhões bimetálicos e ponteiras e que podem ser fornecidas nas formas de varetas, arames e pós.

COPERION

A expositora exibirá o novo modelo de extrusora STS 75 Advanced, com possibilidade de processamento a 800 r.p.m., elevando em cerca de 30% a capacidade da máquina, para a maioria das formulações. O equipamento, montado na China, também permite incluir uma automatização do sistema de controle com CLP e painel touch screen, para facilitar a operação, além de poder incorporar equipamentos acessórios no mesmo sistema de controle. A família de extrusoras STS incorpora redutores alemães Flender, acoplamentos da também alemã Bibbygard e sistemas de controle individual de zonas de aquecimento. Também serão divulgadas a ZSK 18 Megalab, máquina de última geração que permite desenvolver formulações, com capacidade de 200 g/h até a produção de lotes-piloto a 40 kg/h; a extrusora ZSK Megacompounder Plus, de alto torque (13,6 Nm/cm³ de torque específico), rotação de rosca máxima de 1.200 r.p.m. e volume livre elevado; e a ZSK Megavolume Plus, com um volume livre maior, razão de diâmetros externo e interno de 1,8, com torque específico acrescido em 30% (de 8,7 para 11,3 Nm/cm³), igualando o desempenho da ZSK Megacompounder.

CORONA BRASIL

A mais recente parceria firmada pela empresa com a americana Empire Treater Rolls resultou na introdução no mercado de cilindros revestidos de vidro, com vida útil prolongada, para aplicação nos tratamentos corona. Mas na exposição também poderão ser vistas fontes de potência, estações de tratamento, estações especiais com eletrodos de cerâmica para materiais metalizados, incluindo sistema de tratamento para peças tridimensionais.

CORREIAS SCHNEIDER

O destaque da empresa serão as polias sincronizadoras, de operação conjunta com as correias, desenvolvidas para sincronizar os movimentos de máquinas, em especial as que exigem grande precisão no movimento ou na rotação. As polias operam a seco e aí reside a grande vantagem do produto em comparação com correntes e engrenagens: ausência de contaminação por graxa ou óleo lubrificante. Além disso, oferecem baixo nível de ruído, maior velocidade e peso reduzido. Encontram-se disponíveis em vários diâmetros e larguras, com ampla possibilidade de rotações e asseguram grande precisão.

COSA INTERMÁQUINAS

A expositora levará para a feira novidade destinada ao mercado de reciclagem: a linha de extrusoras tipo cascata, construída em série com duas extrusões, a fim de assegurar um processo de degasagem mais eficiente. De acordo com o fabricante, o equipamento possui projeto técnico diferenciado observado no sistema de alimentação, nas degasagens, e nos resfriamentos das roscas e canhões. A linha oferece como opcional alimentação forçada com funil especial, ou do tipo girafa, o que leva o reciclado até o funil alimentador com boa vazão, podendo até dispensar um sistema de aglutinação. Os equipamentos operam com alta produtividade, alcançada pelas trocas de telas hidráulicas, e os granulados são produzidos uniformemente.

COTEC

A fabricante de tintas para serigrafia e tampografia destacará sua linha completa de produtos “amigos” do meio ambiente, ressaltando que não emprega solvente tóxico, como a isoforona, ou pigmentos à base de metais pesados na sua composição. Todos os produtos à base de solventes, denominados SolvStar, estão de acordo com a legislação IMDS da indústria automotiva. O maior foco da expositora estará voltado para o sistema SolvStar Of, indicado para aplicação serigráfica e tampográfica sobre polipropileno não tratado, até mesmo o BOPP (PP biorientado) e ráfia. O produto dispensa os tratamentos superficiais, como corona, flambagem e aplicação de promotores de aderência e pode ser usado em peças injetadas, etiquetas e fibras, entre outros.

CRODA

Líder mundial na fabricação de aditivos orgânicos deslizantes e antiblocking, a Croda lançará a linha Solasorb, uma nova geração de absorvedores UV, baseados em uma tecnologia única de óxidos metálicos ultrafinos, que oferece melhor dispersão e transparência ao plástico; além disso, a absorção UV é de longa duração e de baixos níveis de migração para filmes e embalagens. A empresa também mostrará outros produtos, como as linhas: Incromold, agentes internos de desmoldagem; Incroslip, aditivos deslizantes para aplicações sensíveis a odor e sabor; IncroMax PET 100, agente deslizante para PET; IncroMax PS, para poliestireno; Crodamide, amidas primárias, secundárias e bis-amidas; aditivos concentrados da Atmer, deslizantes, antiestáticos e antifog; e os aditivos antiestáticos e antifog, também da Atmer.

CROMASTER

Duas linhas de masterbatches serão lançadas pela empresa: a WET e a CM. A primeira é uma família de masters líquidos para aplicações especiais de PET, PVC e plásticos de engenharia; permite altas concentrações de pigmentos, com dosagens muito pequenas e com alto grau de homogeneidade, brilho e transparência. A linha CM se refere a masters especiais, com condições de processamento para aplicações com exigências extremas de dispersão de pigmentos, em particular, as fibras e multifilamentos para produção de carpetes, tapetes e cobertores. O produto admite o processamento contínuo por parte do cliente, por causa do alto grau de dispersão, na fabricação de fibras para diversas aplicações.

CROMEX

Masterbatches de cores e aditivos com características para melhoria do desempenho produtivo e dos produtos finais constituem os atrativos dessa tradicional fabricante do setor, que preparou três lançamentos para o evento. As novidades envolvem retardantes de chama não-halogenados, compostos para ráfia e aditivos de performance para polipropileno. O primeiro produto foi desenvolvido para aplicação em fios e cabos com a função de evitar a propagação de chamas e a geração de fumaça tóxica ao entrar em combustão. Destinado aos setores de energia (baixa tensão), telecomunicações e automotivo, o aditivo atende às normas específicas para fios e cabos, eletroeletrônicos e linha branca. Também observa as diretrizes da diretiva RoHS (Restriction of Certain Hazardous Substances), o que permite sua aplicação em plásticos destinados aos setores da construção civil e ambientes fechados.

A linha de compostos tem por objetivo melhorar o processo de fabricação ráfia. São três concentrados com codificação especial: o PP-RF 10146, um composto antifibrilante com dióxido de titânio; o PP-RF 10149, um composto antifibrilante; e o PP-RF 5453, com propriedade antiultravioleta e capacidade de redução no arraste de água. Entre os principais benefícios, o fabricante ressalta a maior produtividade nas linhas de ráfia; a inibição na geração de pó no processo, contribuindo para evitar a abrasão e o desgaste das máquinas; a redução de aparas; e ainda melhor desempenho mecânico.

A série de aditivos para polipropileno atende à produção de peças diversas como cadeiras, mesas e banquetas, entre outras, com redução no ciclo de injeção e melhor estabilidade dimensional. Além disso, conferem ao produto final propriedades retardantes à chama e resistência à intempérie.

DACARTO BENVIC

A empresa disponibilizará sua equipe de profissionais com formação técnica e comercial, capaz de identificar as necessidades dos clientes, indicar e desenvolver produtos adequados e prestar um serviço de pós-venda com qualidade. Com duas unidades fabris, a Dacarto Benvic mostrará sua especialização na fabricação de compostos de PVC e masterbatches e também na produção de borrachas termoplásticas e compostos olefínicos.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Dal Maschio expõe robô orbital da CMA

DAL MASCHIO

Conhecida no mercado como DM, a expositora comemora dez anos de produção de robôs para automação de injeção de plástico no país, única fabricante do gênero no mercado doméstico. A empresa levará para seu estande diversos modelos da nova geração nacional da série PL, destinados a injetoras desde 60 t até 3.500 t de força de fechamento, com destaque para o PL 1, que possui peso manipulável de até 20 quilos, velocidade de movimentação de 4,2 m/s, com três eixos servocontrolados e comando numérico de uso fácil. Livremente programável, é aplicável em injetoras de até 600 t de força de fechamento, para operações como extração de peças, montagem de insertos ou decorações no molde (in mold labeling), além de corte de canal, empilhamento e outras operações. De acordo com o fabricante, o equipamento propicia aumentos de produtividade da ordem de 20% em relação a ciclos semiautomáticos, podendo até dobrar a produção em alguns casos, com garantia de retorno rápido de investimento. Os visitantes poderão conferir no estande uma célula integrada de manipuladores modelos PL 1 e PL 3 com robô orbital de 5 eixos para pintura, este último produzido pela CMA, empresa italiana representada pela DM, e projetado especificamente para tal aplicação. Com todos os eixos balanceados pneumaticamente, este equipamento permite a programação manual dos seus movimentos de ciclo (modo auto-teach), com o operador atuando diretamente no cabeçote de pintura. Pode operar até duas pistolas simultaneamente e possui sistema de troca rápida de cores, com limpeza automática das pistolas. O uso de robôs para pintura pode reduzir o consumo de tintas em até 70%.

DANISCO

A empresa promoverá as linhas Grindsted Soft N Safe e Grindsted Acetem 60 Veg. Os emulsificantes têm origem vegetal e estão em conformidade com as legislações brasileira, europeia e a americana, da F.D.A.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Máquina da Deb’Maq injeta peças técnicas

DEB’MAQ

O expositor reservou para a feira equipamento de grande porte destinado, em especial, à produção de peças técnicas. A vedete será uma injetora de última geração, dotada de fechamento hidráulico/mecânico individual nas quatro colunas, com garantia de 100% na pressão de travamento em todos os ciclos. A máquina possui duas placas e comando B&R austríaco. Outra novidade ficará por conta de uma injetora para PVC rígido com 260 t de força de fechamento, igualmente equipada com comando B&R. Ambas as máquinas complementam a família Spazio Platinum Plus, da linha Diplomat, que também poderá ser conferida no estande da empresa, desta vez com 360 m², três vezes maior que o da edição anterior da Brasilplast.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
OPT Trol: controle para extrusoras

DIGITROL

A representação exclusiva da Dynisco no Brasil possibilitará à empresa mostrar o OPT Trol (optimal control), um sistema do tipo plug and play, projetado para pequenas extrusoras, porém com características encontradas em sistemas maiores de controle de extrusão. O controle de temperatura com autossintonia com duas saídas de baixa corrente de 24 Vcc permite que todas as zonas possuam sistema de aquecimento ou aquecimento e resfriamento. A estação do operador inclui um display de cristal líquido com tela sensível ao toque, entre outros recursos. O sistema é pré-programado para atender às necessidades dos clientes, e seu programa é testado, carregado e conta com um cartão de memória, disponível para um sistema backup externo. O equipamento possui sintonia adaptativa total de controle de temperatura, telas predefinidas e uma sequência lógica que simplificam a instalação e o setup. Receitas, capturas de tela e funções de registro podem ser armazenadas e carregadas nos vários dispositivos de memória, além de possuir relógio em tempo real e bateria de backup.

No estande também estará exposta toda a linha da Dynisco. São transdutores e transmissores de pressão para o processo de extrusão e injeção e uma linha abrangente de equipamentos para ensaios de materiais plásticos, como HDT/Vicat, testadores de impacto Izod/Charpy, determinação de flamabilidade de resinas e medidores de índice de fluidez, entre outros.

DINATESTE

Na linha de plastômeros, o principal destaque caberá ao modelo MP600, um medidor do índice de fluidez para termoplásticos, provido de sistema motorizado dos pesos e transdutor de deslocamento do pistão, para execução de ensaio conforme procedimento B da ASTM D-1238 ou similar. O equipamento também pode determinar as taxas de volume (MVR) e de tensão de cisalhamento, a densidade do fundido e a viscosidade dinâmica, com a inserção de acessórios. Em se tratando de máquinas universais de ensaios, os principais destaques aparecem nos modelos H10KL e H5KL, com capacidades desde 1 N até 300kN, para ensaios de tração, compressão, cisalhamento, flexão, entre outras propriedades. A máquina de ensaio de impacto por pêndulo em plásticos também foi equipada com um avançado microprocessador que permite realizar ensaios do tipo Charpy/Izod. Já os modelos de máquinas automáticas para ensaios de deflexão por temperatura (HDT/Vicat) permitem testar até seis diferentes corpos-de-prova, simultaneamente.

DORNBUSCH

A companhia marca presença na feira com a apresentação de tecnologia em serviços e fabricação de cilindros laminadores para plásticos, chapas e filmes. A Dornbusch destacará sua atuação nos segmentos de chapas rígidas, filmes planos ou flexíveis; acabamento espelhado, gravado ou fosco; circulação de água quente, fria ou óleo térmico; revestimento externo bimetálico de alta dureza, e cilindros chill roll.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Stand-up pouches ganham nova resina de alto peso molecular

DOW BRASIL

Diversos segmentos de mercado deverão se beneficiar com os lançamentos dessa tradicional fabricante de resinas. Direcionado ao mercado de extrusão para monofilamentos, a empresa apresentará o Elite XUS 59900.81, um polietileno de base octeno produzido com catalisador metaloceno. A tecnologia exclusiva (Solution), confere propriedades como ótimo balanço entre estiramento, resistência mecânica e rigidez, aliadas a uma excelente processabilidade. Outra novidade consistirá no Elite 5960G, opção de resina de alto desempenho para filmes que requerem barreira à umidade. O expositor ressalta que o produto oferece uma combinação única de barreira e resistência mecânica, além de excelente estabilidade de balão durante o processo de extrusão-sopro.

Uma nova e exclusiva família de polietilenos lineares de base octeno, baseada em tecnologia inovadora de catálise e controles de processo durante a polimerização, também promete esquentar a apresentação da Dow na feira. Os principais diferenciais desse lançamento ficam por conta de melhores propriedades óticas, de brilho e transparência, aliadas a uma resistência ao impacto e à perfuração superior.

Também o mercado de tubos para distribuição de gás natural sai beneficiado com as novidades da empresa, que oferecerá em seu estande o produto 8818 YL-CF, um composto amarelo livre de cádmio. Formulado com pigmentos e aditivos altamente dispersos, a novidade apresenta excelente estabilidade a intempéries e alta resistência à degradação durante o processamento e à sua vida útil. Entre as principais propriedades, dispõe de excelente processabilidade, alta resistência química, suporta bem impactos e confere às peças alto desempenho sob baixas temperaturas.

A empresa também levará à feira uma alternativa para melhorar as propriedades de barreira de embalagens flexíveis. Trata-se do PEAD 90057L, resina de alta densidade e alto peso molecular, destinada a películas coextrudadas, termocontráteis, embalagens flexíveis, sistemas de embalamento automático e stand-up-pouches. As principais características do produto ficam por conta da excelente processabilidade, rigidez elevada às estruturas e propriedades de barreira à gordura e à umidade.

O mercado de injeção de ciclo rápido ganhará nova linha de polietileno de alta fluidez, com distribuição de peso molecular estreita. O produto é sinônimo de maior produtividade, em razão da redução no tempo de ciclo. Também contribui para diminuir o peso das peças, já que a melhor fluidez permite um preenchimento mais fácil das cavidades do molde. Entre as indicações, a Dow sugere peças de parede finas, sobretampas e tampas com espessura reduzida ou com detalhes.

A exposição se completa com uma linha de polietilenos voltada ao segmento de rotomoldagem. De acordo com a fabricante, são grades exclusivos com base hexeno, o que proporciona ganhos em propriedades físicas a uma mesma densidade/fluidez, e possibilita a produção de peças com excelente acabamento e alta durabilidade. As resinas foram desenhadas para aplicações que requerem excelentes propriedades mecânicas, acabamento, resistência ao stress cracking e baixo empenamento.

DRY COLOR

A companhia apresentará sua linha de masterbatch, para embalagem soprada de PE, incluindo as cores de efeitos especiais e aditivos. A linha Liquidpet, formada por pigmentos líquidos para embalagem de PET para contato com alimento, mostrará os pigmentos aprovados pelo FDA em aplicações sensíveis. O portfólio da Dry Color conta com linha de pigmentos Colormatch, microesfera, pastas, líquidos e masterbatches.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Serigráfica Space, da Dubuit, imprime até seis cores

DUBUIT

A expositora promoverá a sua nova máquina serigráfica universal modelo Space, com opção entre uma e seis cores, resultado de dois anos de desenvolvimento simultâneo entre os engenheiros das unidades brasileira e tailandesa em conjunto com a matriz, na França. O equipamento dispõe de um sistema de operação patenteado que permite a impressão em objetos ovais e planos, além de embalagens cilíndricas. Com capacidade de produção entre 4.000 e 4.500 peças por dia, a impressora efetua troca simples de frasco oval para cilíndrico reduzindo o tempo de set-up para poucos minutos, sem necessidade de mover peças pesadas ou aquisição de um novo ferramental de alto custo. As estações de flamagem localizam-se todas na entrada da máquina.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Peça técnica moldada com resina da DuPont

DUPONT

Os destaques contemplam as áreas de polímeros de engenharia, modificadores e compatibilizantes para polímeros, incluindo tecnologias para impressão. O novo poliacetal (Delrin 300CP) combina alta resistência contra impactos, mesmo sob baixas temperaturas, com rigidez elevada, resistência mecânica e alongamento, permitindo reduzir a espessura de paredes e viabilizando projetos mais complexos. Já o poliéster termoplástico Crastin SF é capaz de reduzir o ciclo de moldagem de peças de PBT até 30%, podendo ser oferecido sem reforço ou reforçado com 15% ou 30% de fibras de vidro. O adesivo de coextrusão DuPont Bynel, utilizado em estruturas em multicamadas, é capaz de promover adesão entre PE e náilon e PE e EVOH, entre outros, podendo ser utilizado tanto em embalagens rígidas quanto flexíveis. As resinas Nucrel, cujas propriedades incluem resistência química a produtos agressivos e excelente selabilidade a produtos ácidos e oleosos, fornecem alta adesão às folhas de alumínio, aos náilons e aos papéis, podendo também ser utilizadas na produção de tubos flexíveis e transparentes para a indústria de cosméticos. Já o modificador de polímeros DuPont Fusabond atua na melhoria das propriedades mecânicas e também na melhor homogeneização entre polímeros e cargas minerais, enquanto o copolímero DuPont Elvaloy pode ser utilizado tanto para modificar o impacto de PA, PP e ABS, como na fabricação de embalagens rígidas ou de filmes. Outro destaque envolverá a apresentação do sistema de impressão DuPont Cyrel Fast, para aplicações em rótulos, etiquetas e filmes flexíveis, por meio de processo térmico de gravação das imagens em chapas flexográficas, totalmente isento de solventes.

ELEKEIROZ

A tradicional fabricante de produtos químicos mostrará durante o evento algumas aplicações de sua linha de produtos: ácido fumárico, empregado em resinas poliéster, fenólicas e alquídicas, em elastômeros, em fungicidas e em adesivos; ácido 2 etil hexanóico, um estabilizante para PVC e na produção de plastificantes, entre outros usos; anidrido ftálico, aplicável em plastificantes, resinas poliéster, alquídicas e maleicas, além de outros empregos; formol e concentrado de ureia-formol, matéria-prima para as resinas ureia-formol, melamínica e fenólica; plastificantes, de amplo uso em compostos de PVC; álcoois, insumo utilizado na produção de plastificantes, acrilatos, acetatos, éteres glicólicos e solventes para tintas; e resinas de poliéster.

ELETRO FORMING

A maior atração no estande estará na apresentação da termoformadora com área de moldagem de três metros por dois metros e profundidade máxima de 0,6 m, maior máquina no gênero já construída pelo fabricante. Trata-se do modelo Supravac 2, com duplo forno, sensor infravermelho de temperatura, balão e contra-molde, controle de “embarrigamento” durante o aquecimento, entre outras características que permitem operações com quaisquer tipos de termoplásticos.

ELETROTHERMO

Em duas versões, com resistências de cerâmica ou de quartzo, os fornos para máquinas de vacuum forming em exposição foram dotados de isolamento térmico em fibra cerâmica (D 96), entre a câmara de calor e o compartimento de ligações elétricas, o que incrementou seu rendimento e reduziu as perdas térmicas por dissipação e convecção. Com resistência de cerâmica, resultam em inércias mais longas e propiciam duração prolongada nos efeitos de dissipação térmica, permitindo trabalhar com método de controle retardado. Com resistência de quartzo, apresentam aquecimento rápido e inércia reduzida, exigindo métodos mais rápidos e eficazes para controle de temperatura com frequência acelerada.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Transformadora da Gabler de alta produção

EMATEC

Máquinas e equipamentos das várias representadas poderão ser apreciados nesse estande. Da Weber, a tradicional linha de extrusoras, define padrões para esse segmento de bens de capital, oferecendo equipamentos downstream completos para linhas de extrusão de tubos e perfis e para a transformação de materiais fibrosos como polímeros e madeiras, incluindo extrusoras dupla-rosca paralelas e cônicas, extrusoras monorrosca e modelos com zona de alimentação ranhurada e para coextrusão. Da Gabler, os maiores destaques ficarão por conta da termoformadora Focus, para produções mais econômicas de potes e tampas, e do modelo M98, com tecnologia de mesa basculante e acionamento por servomotor, de mais alta produtividade. Além das máquinas, o visitante poderá conferir as técnicas para impressão de imagens com qualidade fotográfica em offset a seco e para gravação de clichês a laser, desenvolvidas pela Windelev.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Elementos de rosca da Eme

EME

De Novo Hamburgo-RS, a empresa traz para a feira máquinas, acessórios e peças de reposição como barris, elementos de rosca e liners, aproveitando também a oportunidade para selecionar representantes e distribuidores para toda a América Latina. Sua linha é formada por extrusoras dupla rosca corrotante, desde 20 mm até 93 mm de diâmetro e rotações desde 600 r.p.m. até 1.800 r.p.m.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Injetora com IML para rotulagem dentro do molde

ENGEL

No estande da empresa poderão ser conferidos três modelos de injetoras. A Speed 280/70, que conta com molde para quatro cavidades e com sistema IML da Beck Automotion AG (Suíça), estará produzindo potes decorados de 500 ml. Projetadas para trabalhar com peças de paredes finas e sob ciclos ultrarrápidos, essas máquinas alcançam entre 1,3 s e 2,1 s, e velocidades de injeção até 1.000 mm/seg. Já o modelo sem colunas de máquina híbrida e-victory 440/120 oferece maior espaço e flexibilidade para os moldes, baixo consumo de energia, alta precisão na injeção e flexibilidade na utilização de acionamentos hidráulicos nos moldes, abrangendo machos e bicos valvulados. Da família victory estará em destaque o modelo 500/120 tech, provido de sistema de automação da Stäubli AG (Alemanha), que permite controle visual total das peças.

ENTEC-RAVAGO

Trading e distribuidora de resinas, a empresa assumiu o controle da renomada Muehlstein há dois anos. Com participação institucional, a empresa ressaltará parcerias consolidadas com fornecedores como Ticona e Dow Química e a concretização de novos negócios com a Rhodia (poliamidas) e a Unigel (policarbonato e acrílico). A expositora divulgará seu amplo portfólio de termoplásticos commodities, borrachas e diversos tipos de plásticos de engenharia.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Sistema da Erhardt para injeção de imagens impressas

ERHARDT+LEIMER

A família de produtos Elscan será destaque da expositora. São sistemas de observação e inspeção de banda para de supervisão de imagens impressas. Eles podem visualizar marcas de registro de impressão, de densidade de cor, marcas de dobra e corte com uma grande ampliação, elevada nitidez de imagem e ótima reprodução de cores. O sistema possibilita grande produtividade, devido à alta velocidade da banda. Também da família Elscan, a empresa divulgará os sistemas de supervisão e inspeção da impressão. Esses são capazes de registrar e processar imagens de forma completamente digital. Além disso, um amplo leque de funções com alta capacidade de adaptação viabiliza soluções de sistemas individuais para as mais variadas tarefas.

EVONIK

Polímeros de alto desempenho, acrílicos, silanos, pigmentos e catalisadores estarão entre os produtos em destaque. A extensa linha de polímeros de alta performance é constituída de materiais customizados e sistemas e produtos semiacabados com base em poliamidas 12, inclusive em pó, poliamidas transparentes, copoliamidas, PBT, PEBA, chapas de PMMI e espumas de poliimida, incluindo polímeros utilizados para substituir metais em aplicações de altíssima temperatura, como o poliéter-éter-cetona (PEEK) e as poliftalamidas (PPA). Os polímeros acrílicos (PMMA) contam com aplicações nos mercados automobilístico, ótico, médico-hospitalar, aeronáutico, eletrônico, entre outros, e as resinas e chapas acrílicas de altíssima transparência, coloridas ou do tipo cristal, também oferecem excelente desempenho. Já os silanos organofuncionais (Dynasylan) atuam como reticulantes de polietileno na produção de tubos para transporte de água quente, cabos elétricos e também no tratamento de cargas minerais. Os negros-de-fumo, além de oferecer maior resistência a UV, contam com grades específicos para contato com alimentos, em conformidade com as normas da F.D.A. e os catalisadores Catylen S e Catylen D atuam, respectivamente, como suportes e agentes isotácticos.

EXFAK

Novos modelos de lâminas fabricados em tungstênio e com durabilidade superior estão entre os destaques nesse estande. Com experiência de mais de catorze anos na fabricação de lâminas industriais, a empresa também levará ao público lâminas para refiles com diversos formatos para cortes, além de suportes que garantem a segurança de utilização e o total aproveitamento das lâminas.

EXTRUSÃO BRASIL

A expositora comparecerá à feira com dois equipamentos de sua linha de fabricação: um conjunto completo (composto de extrusora dupla-rosca com diâmetro de 67 mm, mesa porta-calibradores, puxador tipo Caterpillar, serra automática e calha receptora) modelo EB-DR 67 para extrusão de perfis, destinado à produção de forros de até 200 mm de largura, à velocidade de 7 m/min; e uma extrusora dupla-rosca contrarrotante modelo EB-DR 75:28, equipamento com rosca de 75 mm de diâmetro, L/D 1:28, de produção estimada de 400 kg/h, destinada à produção de perfis de PVC rígido, do tipo forro duplo 200 mm, e tubos de PVC rígido.

FCC

Serão dois os principais lançamentos. Um deles é o Fortiprene TPV 6005, uma nova opção ao TPV tradicional (PP mais EPDM), totalmente nacional e 100% reciclável, que pode ser usado na fabricação de peças injetadas, sopradas e extrudadas. A outra novidade, o Fortiflex TPO, trata-se de uma família de elastômeros termoplásticos de base olefínica, desenvolvida para substituir o PVC flexível. Os produtos Fortiflex TPO apresentam excelente resistência à água, sabões, sais e ácidos, dissolvidos em água, bem como solventes leves. Também resiste ao ozônio e ao UV (na cor preta), podendo ser utilizado em aplicações que sejam expostas às intempéries. Está disponível nas cores natural e preta, com durezas de 55 shore A até 60 shore D. Entre as vantagens estão: os compostos são livres de halogênios, metais pesados e substâncias tóxicas; não liberam gases tóxicos e nem corrosivos quando expostos à alta temperatura, podem ser utilizados numa ampla faixa de temperatura de serviço, e são até 30% mais leves, se comparados ao PVC, com densidade a partir de 0,97, entre outras.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Ferramentas Gerais mostra injetora Ideale Primma

FERRAMENTAS GERAIS

A participação será marcada pela apresentação da linha de injetoras high speed, Ideale Chronos FG 160S. Com capacidade de força de fechamento de molde de até 160 toneladas e motor com potência de 22 Kw, a máquina foi desenvolvida com tecnologia de ponta, configurada para operações de transformação de plástico em alta velocidade. A empresa mostrará ainda as injetoras Ideale Primma. O modelo FG 68 V atua com até 68 toneladas de força de fechamento e é equipado com cilindro de plastificação e rosca nitretados, com acionamento por motor hidráulico e bomba de vazão variável. Além das injetoras, o estande da Ferramentas Gerais contará com sua ampla variedade de equipamentos periféricos.

FLEXO STEEL

Ampla gama de cilindros para impressão flexográfica poderá ser conferida nesse estande. Entre os destaques estão cilindros nicroanilox cerâmicos, gravados a laser ou mecanicamente, cilindros para banda estreita, cilindros cromados e gofradores contínuos. Além de fabricar, a empresa também se dedica à recuperação de cilindros gravados tanto para impressão flexográfica como para rotogravura.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Extrusora Torino contempla várias configurações

FLEXO TECH

A nova linha de equipamentos para extrusão será a novidade da empresa. Controlados via PLC e IHM, os modelos Firenze 50 e 60 mm e Torino 75 e 100 mm são os destaques. O diferencial dos projetos se refere ao sistema de aquecimento do conjunto de rosca e cilindro, feito por um sistema infravermelho, que oferece vantagens como o reduzido consumo de energia e a baixa necessidade de manutenção. Também sobressaem porque contemplam várias configurações, como cabeçote monofluxo ou bifluxo, fixo ou giratório; torre fixa ou giratória; bobinador simples ou duplo, contraposto ou sobreposto; troca-telas tipo leque, pneumático, hidráulico ou cartucho; sistemas de corte manual, semiautomático ou automático, e rosca/cilindro nitretado ou bimetálico.

A Flexo Tech ainda quer mostrar ao visitante que neste ano priorizará o desenvolvimento de novos projetos, como os de coextrusão. Quem passar no estande também poderá conferir vídeo com as máquinas produzindo na sede da empresa, em Curitiba, ou na fábrica de clientes.

FLEXOPOWER

A impressora Flexo Beta 8 CNC/SE será o destaque da fabricante. A máquina opera sem engrenagem e apresenta setup rápido, estrutura fechada, além de comando numérico computadorizado para posicionamento dos cilindros do grupo impressor, com acionamento por servomotor com encoder absoluto. A impressora conta com registro lateral e longitudinal motorizado; sistema “doctor blade”, com posicionamento pneumático e revestimento antiaderente (o depósito coletor de tinta e as proteções laterais das camisas anilox também possuem revestimento antiaderente); interface homem-máquina com doze páginas do tipo tela touch screen; troca automática na entrada, com mancais porta-bobina, com abertura rápida e autotravantes; secagem final e entre cores dotadas de ventiladores para insuflamento de ar quente e exaustão independentes para extração de vapores saturados, e lubrificação centralizada automática e pré-programada, entre outras características.

FORTYMIL

Compostos industriais e resinas fabricadas com resíduos industriais poderão ser conferidos nesse estande. Os compostos são aditivados de acordo com as necessidades específicas apresentadas pelos clientes, entre eles as indústrias automobilísticas e fabricantes de peças técnicas e de linha branca. Já as resinas, também desenvolvidas para aplicações específicas, são isentas de cargas minerais, e podem atender aos pedidos das indústrias de utilidades domésticas, embalagens e os mercados agrícola e da construção civil.

FRANSSONS

Essa fabricante de periféricos estará na feira para mostrar sua experiência de sessenta anos de atividade na área de moinhos, trituradores e separadores. São 4 mil modelos destinados a um tratamento avançado de resíduos, dos quais os destaques ficam para inovações como rotor com corte geométrico e patenteado e moinho de alimentação horizontal com três eixos, entre outros. Os equipamentos também não necessitam de sistema de refrigeração do rotor. Os moinhos trituram fibra de vidro e de carbono, tubos de PEAD e big bags, entre outros, com produção 20% superior à de modelos similares. Da Suécia, a Franssons tem a Klimenko & Semblat como filial para toda a América Latina. A Brasilplast será ainda uma oportunidade para mostrar aos visitantes que a fabricante oferece serviço técnico e dispõe de peças originais para troca.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Redutor GH da Geremia garante alto rendimento

GEREMIA

Os visitantes poderão conferir a Linha GH. Trata-se de redutor GH que veio para complementar a linha de redutores da Geremia, com o diferencial de ser um redutor de eixos maciços paralelos ou ortogonais. Entre suas principais características estão: alto rendimento e facilidade de manutenção graças à caixa bipartida; instalação feita por órgãos auxiliares e a transmissão, por dentes helicoidais, com perfil retificado. O equipamento é solicitado para aplicações que exigem elevado torque, em setores de siderurgia, usinas e polímeros, entre outros, e se destina a motores de grande porte.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Máquina de eletroerosão por CNC, da GF

GF AGIECHARMILLES

A empresa pertencente ao grupo suíço Georg Fischer traz ao mercado brasileiro uma nova máquina de eletroerosão por penetração CNC. O modelo, denominado Form 30, é considerado ideal para a produção de peças de grande porte com usinagem de alto desempenho e baixo consumo de energia, contando com gerador de 104 A. De fácil operação, vem equipado com trocador de eletrodos de seis posições e trabalha com peças até 1.000 kg, nas dimensões de 1.000 mm x 700 mm x 400 mm.

GLOBAL

Produtora de máquinas automáticas e semiautomáticas para a fabricação de MOPS, a empresa apresentará também máquinas complementares, como soldadoras para embalar os produtos finalizados, e as cortadoras de rolos de tecidos sintéticos, formando as tiras para as esfregonas. Haverá ainda modelos para acabamento de vassouras e escovas, com equipamentos para recortar, plumar os fios e colocar automaticamente a capa plástica em vassoura angular.

GLOBALTEK

A estreia da empresa nesta edição da Brasilplast se dará com a apresentação de linha de equipamentos de tecnologia de ponta para automação do controle da qualidade de vários polímeros, que podem ser utilizados para automação do laboratório ou instalados on-line. Esses equipamentos, fabricados por sua parceira alemã OCS – Optical Control Systems, asseguram soluções tecnológicas como a leitura do índice de fluidez, miniextrusoras para filmes (flat die e blow), inspeção ótica para contagem de géis e pontos pretos em filmes, contaminação em pellets e pó, tamanho e forma de pellets, espectroscopia para aditivos, densidade, brilho, opacidade e linhas de transporte de pellets.

GNEUSS

Inovações nos sistemas rotativos de filtração e seu mais recente desenvolvimento, o sistema de extrusão MRS, integrarão o estande da empresa. Esse último se trata de uma tecnologia única de dosagem de polímeros, que se baseia num sistema multiuso, de rosca e tambor com parafusos satélites, capaz de fornecer ampla e rápida troca de massa na superfície de degasagem. A extrusora MRS assegura o processamento de flakes ou chip/pellets de garrafa PET úmidos, diretamente, para chapas, fibras ou fitas de arquear, com um sistema de vácuo simples de 20 a 40 mbar. Conta com um design simples modular, tornando-se ideal para o processamento de materiais extremamente contaminados. Além disso, em conjunto com o viscosímetro on-line Gneuss, o monitoramento contínuo da viscosidade da massa se torna possível.

Já no caso dos sistemas de filtração, os visitantes poderão conferir dois tipos: o SFXmagnus e o RSFgenius. O primeiro é particularmente adaptado para aplicações nas quais é importante o processo constante e/ou operação de pressão constante, mas a autolimpeza não é tão necessária por conta dos longos intervalos entre a troca de elemento filtrante. É caracterizado por sua operação simples, segura e fácil, cujo design evita influência externa como a umidade do ar. Já o RSFgenius estabeleceu o padrão de filtração de massa por meio do processo com sistema de autolimpeza desde sua introdução no mercado há mais de dez anos. O equipamento também oferece troca de telas sem interferência no processo, área de filtração ativa de até 5.140 cm² e compatibilidade com todos os tipos de polímeros, entre outras características.

HAITIAN

Pela primeira vez exposta no Brasil, a máquina da série Vênus, totalmente elétrica, foi desenvolvida e fabricada na Alemanha pela Zhafir, que mantém unidade na China para atender aos pedidos do mercado mundial. Em operação em países como Estados Unidos e México, essas máquinas se destacam por sua velocidade e segurança. No estande, também estarão sendo expostas máquinas das séries Marte e Saturno. As primeiras promovem economia de energia e apresentam baixo nível de ruído, além de precisão, enquanto as segundas podem ser configuradas de acordo com as necessidades dos clientes, sempre levando em consideração o custo/benefício.

HDB REPRESENTAÇÕES

A empresa mostrará uma nova série de termorreguladores de sua representada da Suíça HB-Therm. O equipamento apresenta alto desempenho e conta com novo display colorido, com opção de vinte línguas diferentes e sistema de ajuda integrado ao software; o monitoramento do fluxo do fluido de transparência térmica é padrão, utilizando novo método de controle de vazão por ultrassom, o que permite resposta rápida e precisa. Além disso, possui um revolucionário sistema de monitoramento do desempenho da bomba, possibilitando ao usuário saber em quais condições o equipamento está operando e os dados de processo podem ser salvos no próprio aparelho ou ser armazenados em um pen-drive. O HB-Therm série 5 também mantém suas características fundamentais, como sistema hidráulico fechado, sem contato com oxigênio e totalmente confeccionado em material não-corrosivo e resistente ao desgaste; resfriamento indireto; controle de temperatura nas linhas de avanço ou de retorno; resfriamento com segurança e esvaziamento de molde standard.

HTMIR

O grupo, composto pelas empresas HTinn, com sedes na Itália e China; Mir, da Itália; e Wave, com sedes na Itália e Suíça, exibirá três de seus modelos, com ênfase na injetora HTSilver 250, de tecnologia híbrida, equipada com inversor de frequência no motor principal, comando Gefran e hidráulica Rexroth. De acordo com o expositor, a série Silver se destaca pela qualidade europeia (certificada CE) aliada a um custo baixo, competitivo com as injetoras asiáticas no mesmo patamar de preços. Todos os equipamentos do grupo são certificados pela CE e padronizados nas normas Euromap. O grupo considera seu diferencial a oferta de uma vasta flexibilização construtiva pelo fato de só fabricar injetoras. Assim, abrange grupos de fechamentos mecânico, hidroblock, hidráulico (de duas placas), grupos de injeção com motor hidráulico ou elétrico na carga, além de injetoras totalmente elétricas. A HTinn produz injetoras nas séries Silver e Gold com forças de fechamento entre 60 t e 4.000 t; a Mir, máquinas convencionais desde 60 t até 10 mil t de força de fechamento e injetoras especiais (verticais, para processamento de elastômeros, termofixos, BMC e injeção de múltiplos materiais); e a Wave, injetoras de 40 t até 450 t de força de fechamento para as áreas médica e farmacêutica, entre as quais se inserem equipamentos totalmente elétricos e com fechamento hidroblock.

ICO POLYMERS

Especializada na fabricação de compostos poliméricos micronizados para aplicações em rotomoldagem, recobrimento de metais por leito fluidizado e auxiliares de dispersão para a produção de masterbatches, a expositora destacará as aplicações para seus produtos, como tanques de grande capacidade de estocagem e peças decorativas com efeito de pedra. Sua linha engloba polímeros como polietileno de média densidade linear, polietileno reticulado e polipropileno, disponíveis em ampla gama de cores, efeitos visuais e aditivações especiais.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Implastic destaca extrusoras de chapas da PTI

IMPLASTIC

A feira será palco do lançamento no país da PTi, fabricante de linhas de extrusão de chapas classe mundial representada exclusivamente pela expositora. A PTi dispõe de sistemas de monoextrusão e coextrusão especialmente projetados para produzir uma ampla gama de chapas personalizadas e industriais. A empresa oferece variadas configurações de rolos para a fabricação de chapas com espessuras desde 0,15 mm a 25 mm, e larguras de linha desde 600 mm até 3.300 mm. O seu estande também destacará vários produtos da NDC, produtora de sistemas de medição on-line.

INBRA

Serão destacados os estabilizantes térmicos para PVC rígido, à base de Ca/Zn, para aplicações nas linhas de extrusão e injeção, além do monoestearato de glicerila, bastante requisitado nos setores cosmético e de alimentos. Entre outras especialidades químicas, serão também apresentados estabilizantes térmicos com diferentes bases como Ba/Cd/Zn, Ba/Zn, Ca/Zn e estanho, kickers, agentes expansores, fosfitos orgânicos, branqueadores ópticos, estearatos metálicos, ácidos esteáricos de dupla e tripla pressão, ácidos graxos de sebo de soja, glicerina bidestilada, ácido oléico fluido e óxido de zinco.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Câmara quente série DF Gold, da Incoe

INCOE

As inovações contemplam o desempenho e a robustez dos sistemas de câmara quente. Na série Incoe DF Gold, a resistência blindada Twin Heater possui dois filamentos separados em cada resistência de bico, tendo fixação por anel elástico, não requerendo a desmontagem da ponta para as trocas. Também foram adicionados novos tipos de diretores de fluxo, para tornar mais flexíveis as aplicações, e os insertos de aço também facilitam a usinagem do alojamento no molde e possibilitam a refrigeração na área do gate. Outras inovações, presentes na série Incoe Hot-Half, propiciam redução do tempo do teste inicial do molde, pois vêm prontas para montagem. A Incoe Color Seal apresenta solução final para os problemas de troca de cor. Na Incoe Multi-Tip chegou-se a uma solução econômica para grande número de cavidades em peças que não demandam grandes investimentos, fazendo com que peças de dimensões reduzidas possam ser totalmente injetadas.

INEAL

A expositora comparecerá com toda a sua linha de equipamentos. São sistemas de alimentação e mistura individual/centralizada; dosagem volumétrica individual/central; sistema de secagem ar quente, e desumidificação, além de moinhos de baixa rotação, sistema de cristalização de PET flake, moinhos trituradores e sistema de pesagem de matéria-prima. Um aprimoramento que terá ênfase durante o evento se refere à multiplicidade de recursos do painel de comando touch screen adotado no sistema de desumidificação.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Injecom desenvolve peças técnicas

INJECOM

A empresa oferece soluções na área de injeção de peças técnicas para os mercados interno e externo. Com parque industrial atualizado, conta também com equipe especializada no desenvolvimento, execução e manutenção de moldes e ferramentas.

ION TECH

A ampla linha de produtos para controle de eletricidade estática para aplicação em máquinas de corte e solda, sopradoras de frascos, injetoras e rebobinadeiras de filmes será apresentada nesse estande, juntamente com a exclusiva tecnologia Shockless, que proporciona aos usuários maior segurança e produtividade.

ITATEX

Tradicional fabricante de especialidades a partir da modificação físico-química de minerais industriais por processos térmicos, mecânicos e químicos, a expositora lançará três versões comerciais de argilas organofílicas para produção de nanocompósitos com poliolefinas e termofixos (resinas epóxi, poliéster e fenólica). Divulgará, ainda, sua ampla linha de produtos, com destaque para as famílias de hidrossilicatos de alumínio micronizados, e os ultrafinos; hidrossilicatos de magnésio micronizados; silicatos de alumínio calcinados; de silicatos de magnésio calcinados, bem como os calcinados e revestidos; dos hidrossilicatos de alumínio revestidos com organossilanos e polidimetilsiloxanos; de silicatos de alumínio calcinados e revestidos com organossilanos; sílica natural revestida com organossilanos e natural amorfa; antichamas não-halogenados e não-halogenados revestidos (hidróxido de magnésio e hidróxido de alumínio, ambos revestidos com organossilanos e ácidos graxos); bentonitas intercaladas para produção de nanocompósitos com poliolefinas; óxido de alumínio calcinado; óxido de magnésio reativo; carbonato de cálcio revestido com ácido graxo e magnesita micronizada. Entre as principais aplicações para esses produtos, o expositor menciona: reforço mecânico para termoplásticos, estabilidade dimensional, extensor de fibra de vidro (substitui uma parte da fibra na composição), pigmento extensor (substitui uma parte do dióxido de titânio na composição), fosqueante, desmoldante, antichama, supressor de fumaça, aditivo antigotejamento e promotor de resíduo. Aditivo antitrilhamento elétrico, carga dielétrica para fios e cabos, aditivo antiblock para filmes termoplásticos, barreira térmica para lençóis termoplásticos, cargas hidrófobas, secante reativo, e nanocompósitos poliméricos.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
JM 1545 solda plásticos por vibração linear

JM AUTOMAÇÃO

O visitante conhecerá equipamento para soldagem de termoplásticos por vibração linear. Trata-se do modelo JM 1545, que realiza solda por meio de movimentos lineares repetitivos de uma peça contra a outra, gerando calor nos pontos de contato até alcançar o ponto de fusão. Funciona com amplitude de vibração de 0,5 a 1,8 mm e frequência de vibração de 240 Hz. Suporta dispositivos de até 45 kg e permite controle do posicionamento da mesa, mudança de velocidade, controle de profundidade da solda, além de inúmeras funções para sistema de receitas. De fácil operação, possui ciclos rápidos, baixa manutenção, itens de segurança conforme NR 10 e solda praticamente todos os materiais termoplásticos.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Inclinadoras de contêineres é novidade da JMB

JMB ZEPPELIN

A principal novidade está na unidade inclinadora de contêineres. Denominada Bulktilter, trata-se de equipamento ideal para carregamentos e descarregamentos de contêineres (padrão 20 pés), com liner interno para diversos pellets plásticos, permitindo grande versatilidade na movimentação de granéis, principalmente por parte dos usuários localizados distantes dos fabricantes de resinas ou dos grandes centros de distribuição. Além de permitir maior economia e racionalização nos procedimentos, o equipamento, construído de aço carbono, possui unidade hidráulica e controles totalmente automatizados e integrados com CLP e IHM.

JOMAR

A fabricante americana de sopradoras do tipo injection-blow comparecerá à feira por intermédio de sua representada no país, a Kal Internacional. A empresa aproveitará a oportunidade para divulgar o novo equipamento M-175, o maior do mundo para a fabricação de frascos por injeção-sopro. Mesmo com 175 toneladas de força, a máquina ocupa pouco espaço, por conta de seu projeto com plastificador vertical. Equipada com sistema de controle que assegura melhor distribuição das espessuras de paredes, pesos, tolerâncias dos gargalos, maior resistência ao impacto e, ainda, melhor consistência da cor e acabamentos mais brilhantes, a sopradora também opera com consumo reduzido de energia. O processo ocorre em estação de três estágios, com alta produtividade: equivalente a duas máquinas de extrusão-sopro de características comparáveis, de acordo com o fabricante.

JON WAI BRASIL

Exibirá uma injetora de ciclo rápido, modelo JW-180TW, cujo diferencial é a sua capacidade de promover ciclos menores de cinco segundos. A empresa de Taiwan conta com um portfólio com mais de sete séries e cem modelos, com aplicações específicas para cada usuário. A companhia brasileira é uma joint venture formada entre Taiwan e Brasil, com o objetivo de trazer ao país um conjunto de soluções para a indústria de injeção, como moldes da CNN-Taiwan e os robôs Alpha Robot, que incluem a realização de try-outs de moldes e de processos.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Kal apresenta sopradora Jomar

KAL

Impressoras serigráficas da Kammann e da Thieme e sopradoras da Jomar e da Davis-Standard estarão em destaque nesse estande do representante. As impressoras serigráficas Kammann contam com versões automáticas e semiautomáticas e são configuradas para trabalhar com desde uma cor até dez cores, podendo produzir desde mil até 12 mil impressões por hora, sendo bastante conhecidas no mercado de decoração de embalagens cilíndricas, ovais, planas e cônicas. Já as linhas da Jomar abrangem desde modelos convencionais de sopradoras por extrusão até máquinas injection-blow.

KARINA

Compostos de PVC, especialidades poliolefínicas e uma infinidade de cores em masterbatches formam a linha de produtos da empresa. Equipada com laboratório, a Karina realiza parcerias com institutos privados de pesquisa para desenvolver e testar os mais diferentes compostos. Além de atender ao mercado interno, com suas exportações, tornou-se também conhecida em países da América Latina, África, União Europeia, Estados Unidos e China.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Linhas para reciclagem com moinhos Mak no estande da Kie

KIE

A empresa lançará a linha de secadoras Shik para filmes de PE pós-consumo. O visitante também poderá conferir as linhas de reciclagem para PET, PE e PP pós-consumo e pós-industrialização, incluindo moinhos Mak para peças e aparas e moinhos MBK para borras, além da extrusora EK-100 com capacidade operacional para 300 kg/hora.

KORBETY

Todas as especialidades em masterbatches de cor e de aditivos – fotossensíveis, desmoldantes, antiultravioleta, antichama, antiestático, antioxidante, deslizante, auxiliares de fluxo e de processo – poderão ser conferidas nesse estande, além dos recursos oferecidos para a fabricação de compostos e para tingimentos, tanto para plásticos convencionais quanto para plásticos de engenharia.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Novo refrigerador de água da Körper

KÖRPER

A expositora, atuante há 23 anos no mercado de sistemas de resfriamento de água industrial e sistemas de ventilação, promete novidades que agitarão o mercado de sistemas de resfriamento e refrigeração de água, como uma nova linha de equipamentos para controle térmico. Entre os lançamentos, o público poderá conferir a linha de resfriadores de água, com capacidades desde 2.300 kcal/h, fabricada com condensação a ar ou a água, circuito de gás com válvula de expansão, pressostato de alta e baixa pressão, reservatório de aço inoxidável, fluido refrigerante ecológico, ventilador axial centrífugo, painel de controle microprocessado, by-pass automático no circuito hidráulico e manômetro de pressão. Outra novidade, o Mchill – Tchill, agrupa em um único equipamento as funções de aquecimento e resfriamento de água, com temperatura ajustável entre -5ºC e 90ºC. O controle eficaz de temperatura e fluxo de água permite ao cliente obter parâmetros constantes. O equipamento é controlado por termorregulador com função PID e controle preciso de temperatura. A bomba de água de alta pressão, em aço inoxidável, garante ótimo resfriamento ou aquecimento. Fabricado em dimensões reduzidas, silencioso e fácil de instalar, o equipamento opera com água de condensação até 40ºC.

O ABF – Inverter constitui o mais moderno equipamento de refrigeração para extrusão de filme do tipo balão. O controle de parâmetros constante de temperatura e fluxo de ar permite obter um produto final com características constantes, independentemente de alteração nas condições climáticas ambientais. De acordo com o fabricante, o equipamento propicia aumentos de produção de até 30%, com melhora da qualidade do filme, maior transparência e brilho. Além disso, o refrigerador mantém padrões constantes nos parâmetros produtivos 24 horas por dia. Seu sistema de refrigeração de ar é feito por expansão direta, o que permite uma economia de até 50% de energia em comparação com os sistemas convencionais, e ainda dispõe de controle de temperatura com precisão de mais ou menos 0,2ºC, possibilidade de resfriamento a baixa temperatura (3ºC).

A relação de lançamentos ainda inclui os termorreguladores WTC e OTC, capazes de operar com circuito hidráulico em pressão ou depressão. O mesmo equipamento pode operar tanto com água (até 95ºC) como com óleo (até 150ºC). Possui reservatório e resistências de aço inoxidável de baixo peso específico, controle de temperatura com função PID e sistema para troca de molde a seco.

A exposição de novidades se completa com o Drytech, um equipamento baseado em sistema de absorção química, que produz ar seco abaixo do dew point. O ar de processo sopra por um ventilador diretamente sobre o molde, impedindo a formação de condensação. Os transformadores ganham com aumento de produção, melhoria na qualidade do produto e molde, sempre em perfeito estado. Os equipamentos são fabricados com vazões de 300 até 3.000 m³/h.

KRATON

A família de polímeros Kraton G ERS, alternativa ao PVC, estará entre os destaques da empresa. Mais compatível com PP, permite maior transparência e apresenta ampla faixa de índices de fluxo. Outra alternativa tecnológica ao PVC, que não requer o uso de plastificantes, também integra as apresentações. Disponível em viscosidades apropriadas para filmes e processos de extrusão, o novo material é resistente ao calor e aos processos de esterilização, sendo também compatível com poliolefinas. As novidades ainda se estendem ao campo dos adesivos intercamadas, que têm a propriedade de unir resinas de barreira com poliolefinas em aplicações como stand up pouches e embalagens transparentes retornáveis.

KRAUSS MAFFEI

O processamento de fibras naturais com polímeros será o destaque da divisão de 

extrusão desse tradicional fabricante europeu. A tecnologia de dupla-roscas corrotantes, utilizada na família de extrusoras ZE Compounders, permite o processamento de fibras com índice de umidade de até 10% do peso do material, dispensando a pré-secagem das fibras, além de proporcionar excelente mistura e homogeneização da massa. A máquina aproveita o excesso de calor gerado pelo processo de extrusão para a evaporação da umidade das fibras.

 

A tecnologia da dupla-rosca corrotante no processamento de fibras naturais com plástico conta com elementos de roscas especiais patenteados pela KM – denominados de MPE (mult process element), que permitem o processamento de fibras extremamente sensíveis, visto que reduz sobremaneira o atrito, cisalhamento e estresse térmico sobre as mesmas. Dessa forma, evita-se o corte e a degradação das fibras, preservando as suas características físicas, como a resistência mecânica. Outro benefício da dupla-rosca corrotante é o baixo índice de desgaste da rosca e cilindro, em razão das geometrias especiais e materiais inovadores de proteção ao desgaste. O sistema de resfriamento intensivo do cilindro da extrusão confere controle preciso das temperaturas em cada zona, também contribuindo para evitar a degradação das fibras naturais, por superaquecimento. A tecnologia permite a utilização de fibras longas e inteiras.

KURZ

A tradicional linha de máquinas e fitas hot stamping será apresentada ao público juntamente com a nova linha de equipamentos mais econômicos para hot stamping, que inclui máquinas com três toneladas de pressão. Entre os destaques está a máquina para hot stamping periférica roll on KP-3, desenvolvida para diferentes produtos cilíndricos e diferentes substratos, cuja decoração é feita com o uso de clichês de silicone de diferentes tamanhos e níveis de dureza. Também para gravação periférica roll on, a KC-100 foi desenvolvida para gravações cilíndricas, curvadas e em formatos irregulares, como tampas, bisnagas, luvas de batons e canetas.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Addolink TT aumenta grau de reticulação

LANXESS

Quatro unidades de negócios levam à exposição várias novidades. A unidade Functional Chemicals (FCC) lançará o plastificante Unimoll AGF, produzido com matérias-primas renováveis, para aplicações na produção de filmes estiráveis de PVC e brinquedos. Também serão apresentadas linhas de plastificantes isentos de ftalatos (Ultramol, Adimol, Unimol e Mesamoll) e de retardantes de chamas livres de halogênios, além de corantes orgânicos para plásticos de engenharia (Macrolex). A unidade Pigmentos Inorgânicos destacará as linhas Bayferrox Z e T, mas a principal novidade é o Bayferrox 624 M, que complementa a oferta de tons marrons. Já a unidade RheinChemie dará ênfase à linha de aditivos para PU. Na linha de reticulantes, a novidade ficará por conta do Addolink TT, um reticulante em base isocianato bloqueado que aumenta o grau de reticulação, melhorando a adesão entre o PVC e o PET. Já a unidade Semi-Crystalline Products estará dedicada à apresentação das linhas Durethan C e Durethan DP, produtos de alta rigidez e com excelentes propriedades mecânicas e que diminuem o tempo de ciclo de injeção.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Nova dupla-rosca da LGMT consegue atingir 600 r.p.m.

LGMT

Essa fabricante de máquinas fará, oficialmente, o lançamento da extrusora dupla-rosca corrotante LGEX – COR 30/40. O modelo promete maximizar a produção de compostos “blendas” de plásticos e vem equipado com sistema de degasagem e alimentador lateral para cargas, além do alto poder de homogeneização e incorporação, podendo atingir até 600 rpm. A empresa é especializada no segmento de extrusão, com atuação nas áreas de granulação, tubos rígidos, flexíveis, corrugados, perfis e laboratório.

LUBRIZOL

A empresa anuncia a introdução dos poliuretanos termoplásticos (TPU) Isoplast e Pellethane e comemora os 50 anos de sua atuação. O primeiro se aplica em ampla gama de nichos de mercado que demandam transparência, resistência ao impacto e resistência química. O outro reúne elastômeros de poliuretano termoplástico utilizados em ampla variedade de aplicações de alto valor as quais incluem calçados, tubos para utilização na área médica, filmes e componentes automotivos. As novas marcas foram incorporadas com a aquisição de ativos do negócio de TPU da Dow Chemical Company. Os novos produtos adicionados à linha TPU Estane complementam e enriquecem a oferta da empresa.

MAINARD

Grande destaque será dado aos medidores voltados a medições contínuas. Indicados para filmes flexíveis, possibilitam controlar sua espessura com precisão absoluta. Em exibição, o público poderá conferir o modelo M-73151DG. Trata-se de equipamento digital, com roletes formados por rolamentos blindados de alto desempenho que garantem o deslizamento suave dos filmes, além de base plana em aço inoxidável com diâmetro de 10 mm e arco de 30 mm, fabricado em alumínio fundido estabilizado. Especialmente para os visitantes da Brasilplast, os usuários de medidores de espessura e durômetros shore de quaisquer marcas e modelos poderão solicitar manutenção de seus equipamentos durante a feira.

MAIS POLÍMEROS

A empresa da área de distribuição de resinas termoplásticas informará o visitante sobre a qualidade de seus serviços e a parceria com a petroquímica Quattor e a fabricante de masterbatches Ampacet. Os produtos distribuídos são: PP, PEAD, PEBD, PELBD, EVA e master.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Linha MP 1100 SW é para operar em alta velocidade

MAQPLAS

Especializada na produção e comercialização de máquinas para confecção de sacos e sacolas plásticas, a empresa planeja desfilar na feira todo o seu know-how em equipamentos de corte e solda. Entre os modelos de máquinas em exposição no seu estande, a Maqplas destacará a linha MP 1100 SW para confecção de embalagens com solda lateral e operação em alta velocidade, e com opção para incorporar vários tipos de acessórios. Além disso, a fabricante divulgará toda a sua linha de máquinas e acessórios, considerada a maior da América Latina para seu ramo de atuação, com soluções para fabricação de diversos tipos e modelos de embalagens plásticas flexíveis.

MASH

Novos masterbatches de aditivos e novos compostos serão destacados na feira. A linha de masterbatches de aditivos (MasterMash) conta com itens UV para mono e multifilamentos e filmes agrícolas e também com masterbatches branqueadores ópticos e itens desmoldantes para peças injetadas com PP, isentos de silicone, e que não interferem nos processos de pintura, impressão e colagem. Na linha de compostos (MashComp) serão apresentados novos compostos de PP condutivos e dissipativos para injeção, extrusão e termoformagem, e novos compostos de PP modificado em extrusão reativa, permitindo substituir poliamidas 6 e 6.6 em várias aplicações. Também nesse campo estarão sendo apresentados novos compostos de PP retardante à chama e com alta resistência aos raios UV e compostos de PP com elevada resistência mecânica e trilhamento elétrico. Especial destaque ainda será dado ao nanocomposto de PP, desenvolvido em parceria com a Quattor, que propicia alta resistência ao risco de compostos de PP carregados com carga mineral, amplamente utilizados na injeção e extrusão de peças automotivas.

MDL-DANLY

A fabricante de porta-moldes, bases para estampo, molas industriais e punções, aproveita a feira para mostrar parte de seus produtos, que englobam oito mil combinações de porta-moldes padronizados e serviços tais como: processamento de placas e cavidades de molde com até 10 toneladas.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
A BT-3200 V injeta peças de ciclos rápidos

MEGGAPLÁSTICO

Com força de fechamento de 3.200 KN e dez parâmetros de regulagem para injeção, a injetora hidráulica BT-3200 V, fabricada pela Sinitron – Borchê, constitui a principal atração nesse estande. Desenvolvida para operar com ciclos rápidos e movimentos simultâneos, efetua a extração de peças sem interromper o movimento de abertura da placa móvel ou a plastificação. Seu curso máximo de abertura de 580 mm e o espaço entre colunas de 670 mm x 670 mm, entre outras características, tornam a máquina indicada para injetar ampla gama de peças.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Homogeneizador da MH tem controle CLP

MH

A linha de homogeneizadores para produção de masterbatches, compostos e blendas estará no estande da empresa. O equipamento conta com medição de temperatura da massa em tempo real, por meio de uma sonda sem contato. Esta tecnologia possui um filtro eletrônico que lhe permite medir somente a temperatura da massa em processo, mesmo estando a 30 mt/seg. de velocidade, com precisão de 0,5% da escala. Os novos homogeneizadores, além de possuírem essa tecnologia, dispõem de velocidade variável e controle de processo por CLP.

Para a área de laboratório, a empresa oferece a nova prensa compacta, para instalação sobre bancada. O equipamento possui acionamento hidráulico-pneumático, com duas aberturas: uma quente e outra fria, para moldagem de termoplásticos, e capacidade de carga para oito toneladas, além de sistema de controle automático.

MILACRON

A mostra será palco para a apresentação da linha de máquinas injetoras 100% elétricas, modelo Roboshot S2000iB. No estande, haverá uma injetora com 150 toneladas de força de fechamento, produzindo tampas, com rótulo, para um pote de patê, em um tempo de ciclo muito reduzido. O rótulo será aplicado por um sistema de automação inédito no mercado brasileiro, fornecido por um parceiro da Milacron.

No caso da linha S2000iB, são máquinas que não utilizam óleo para nenhum de seus movimentos, proporcionando redução no consumo energético de 60% a 85%, mesmo quando comparadas às máquinas híbridas, com dosagem elétrica. Entre os benefícios da linha, destaque para o recurso de inteligência artificial: na pressão de injeção, o que elimina variações de processo ocasionadas pelo desgaste do conjunto de anel de bloqueio/ponta de rosca; na plastificação, evitando variações de peso de suas peças; na proteção do molde e na extração. Além disso, há outras características como baixa emissão de calor para o ambiente, pré-injeção e reduzido nível de ruído, entre outras.

MILLIKEN

A tradicional fabricante de clarificantes e nucleantes para poliolefinas, reproduzirá no estande as instalações de um supermercado para mostrar aos visitantes o atrativo visual das embalagens de PP clarificado. Tomando como exemplo vários projetos já realizados, apresentará os benefícios de clarificar o PP e os serviços oferecidos tanto para o desenvolvimento de novos conceitos como de apoio aos lançamentos de embalagens diferenciadas e com alto valor agregado. Entre as últimas inovações, destacará o Millad NX8000, quarta geração de clarificantes para PP, lançada na América Latina em 2008. Além de evidenciar em quais mercados o PP clarificado já vem oferecendo vantagens competitivas, a empresa também abrirá o leque dos potenciais usuários desse material, abrangendo os mercados de eletrodomésticos, utilidades domésticas, embalagens para cosméticos, para produtos de higiene pessoal e para produtos de limpeza, incluindo alimentos.

MIOTTO

A tradicional fabricante de máquinas levará várias extrusoras monorrosca e dupla-rosca, incluindo os modelos “multifuncional” e “economáquina”. As melhorias tecnológicas a ser apresentadas nesta edição são significativas no que se refere ao desempenho e, consequentemente, aos resultados do dia-a-dia da unidade fabril, com a produtividade e qualidade dos produtos. E a grande responsável é a geometria das roscas e cilindros. Um exemplo fica por conta da extrusora EM-03 Ø 60 mm, em que a Miotto garante 160 kg/h de PVC flexível, no revestimento de cabinhos elétricos. A empresa também divulgará outras máquinas: extrusora Ø 120, que a 90 rpm produz 720 kg/h de PVC flexível; dupla-rosca 90 mm para produção de 480 kg/h de PVC rígido; dupla-rosca Ø 110 mm, capaz de produzir mil kg/h de PVC flexível para granulação, e outra dupla-rosca Ø 140 mm com capacidade para fazer 2.000 kg/h em PVC flexível, e PVC 1.500 kg/h em PVC rígido.

A fabricante falará ainda sobre a automação das linhas, como a utilização de controladores lógicos programáveis de última geração e softwares supervisórios que permitem todo o gerenciamento do processo. Essa tecnologia é muito utilizada no encapamento de fios e cabos elétricos e em linhas de tubetes, direcionadas à indústria automotiva. Pode ser incorporada também em linhas de tubos de PVC rígido, em linhas de tubetes medicinais e tubos de irrigação.

MOLD-MASTERS

A empresa exporá várias inovações nos sistemas de câmara quente desenvolvidos para a indústria automobilística, linha branca e peças de grande porte, em que todo o sistema segue o conceito drop-in, ou seja, totalmente pré-montado, ajustando-se às necessidades do cliente. Possuem sistema de bico valvulado híbrido, que pode operar tanto com óleo quanto com ar, sem a necessidade de trocar componentes. No segmento de embalagens, os destaques serão os sistemas Master PET, desenvolvidos sob a mais avançada tecnologia para moldes de pré-forma, e capazes de se adaptar aos alojamentos padronizados dos bicos injetores dos mais diversos fabricantes de moldes. Na área de múltiplas cavidades, a Mold-Masters conta com completa linha de bicos, totalizando quinze tipos diferentes de vestígios. A linha Melt Disk vem ainda para complementar o leque de inovações para peças cilíndricas ou aplicações que necessitam de injeção com pontos atacando o produto lateralmente. A empresa possui também linha completa de controladores de temperatura, capazes de proporcionar um controle perfeito dos sistemas e segurança para as partidas de produção. Aproveitará para divulgar ainda sua ampla estrutura de fabricação, centros de usinagem e ferramentas desenvolvidas com alta tecnologia para a produção de manifolds, hot halves e porta-moldes.

MONY

A empresa apresentará suas três divisões. São elas: Mony Care, de Cosméticos, para fabricação própria e fornecimento de embalagem para terceiros; Mony Toys, de brinquedos, nesse caso, a companhia terceiriza a mão-de-obra de injeção e sopro, e Mony Ware, de pentes, escovas e utilidades domésticas, a empresa também terceiriza mão-de-obra de injeção e sopro.

MULTIANGULARI

A expositora especializada na fabricação de todos os tipos de limitadores de adesivo para laminadoras do tipo solventless divulgará sua linha de produtos, feitos 100% em politetrafluoretileno (PTFE). Segundo a fabricante, os limitadores obedecem a um rigoroso sistema de tolerâncias e se destinam tanto às laminadoras nacionais como às importadas em operação no país. Além dessas peças, a Multiangulari também atua com outros componentes para reposição, substituição e recuperação nos segmentos de laminação, impressão flexográfica, e equipamentos como dosadores de adesivos, desbobinadores, rebobinadores e outros.

MULTI MACHINES

Em parceria com a Chiang Máquinas e Equipamentos Ltda., esta empresa representa a Golden Eagle, uma das maiores fabricantes de injetoras, moinhos e geladeiras industriais da China. A máquina que será exposta tem capacidade de fechamento de 450 toneladas e unidade de injeção para 1.959 cm³ (1.783 gramas em PS ou 1.410 gramas em PP). Tem todos os parâmetros regulados por comando PLC A-80, e conta com tela de 14 polegadas, de fabricação da Techmation/Taiwan, equipamentos hidráulicos da Yuken/Japão e todo o sistema de lubrificação centralizado, óleo (automatizado) e graxa.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Envasadora linear para frascos até 5 L

NARITA

A Envasadora Linear Narita estará em exposição. O equipamento para frascos de 110 ml a 5 litros, envasa bebidas, produtos domissanitários, alimentícios e cosméticos, por gravidade ou volume, de acordo com a viscosidade do produto. O fabricante destaca algumas características. São elas: produção nominal de até 3 mil frascos/hora; doze bicos de enchimento, no envase gravimétrico, ou seis pistões dosadores, no volumétrico; dispositivo individual de regulagem de volume e controle preciso do nível de enchimento; estrutura de aço inoxidável; tanque de alimentação de PVC ou inox 304, com capacidade para 250 litros, e sistema automático de detenção dos frascos, embaixo dos bicos, acionado pneumaticamente. O painel digital oferece touch screen policromático, manual de funcionamento e instruções para operador da máquina e programação de acordo com a aplicação do cliente, entre outros.

NETSTAL

Poderão ser conferidos nesse estande vários sistemas para injeção de plásticos como injetoras Netstal, moldes Otto e automações Ilsemann, voltados às produções de alta escala. Também serão evidenciados os serviços de assistência técnica e de reposição de peças, realizados sob o acompanhamento de técnicos treinados na matriz da empresa, na Suíça.

NEXO INTERNATIONAL

Especializada em aditivos para plásticos, a empresa se considera a maior distribuidora do país. Suas representadas, a Songwon, da Coréia, e a Fine Organics, da Índia, possuem modernas plantas, inauguradas há menos de dez anos, e com grande capacidade de produção, além de estarem sediadas em áreas de baixo custo de produção.

Durante o evento, a Nexo International vai ressaltar a atuação de suas representadas. A Fine Organics é produtora de aditivos deslizantes, desmoldantes e lubrificantes. Ela prima por ter seus produtos reconhecidos pela pureza e qualidade superior, sempre de origem vegetal (oleoquímica) e com tecnologia de última geração. A Songwon International-Americas Inc. e a Nexo International estão celebrando dois anos de distribuição de polímeros estabilizantes no Mercosul. Essa é uma das principais produtoras de aditivos antioxidantes e protetores de luz, com alta capacidade de produção. As duas empresas festejam o rápido crescimento nas vendas no Brasil, Chile e Argentina. O acordo cobre principalmente a comercialização e distribuição no Mercosul dos produtos das marcas Songnox, Songlight e Songsorb.

NGR

A tecnologia dessa fabricante austríaca de máquinas para recuperação de resíduos termoplásticos estará em exposição. A linha da NGR processa todos os tipos de plásticos, como PP, PE, PA, PC, ABS e PET, entre outros. Quem for ao estande conhecerá a sua tecnologia patenteada que combina as operações de extrusão e de retalhamento do material. As máquinas se voltam, sobretudo, às indústrias que exigem alta produtividade e qualidade superior.

NOVUS

O lançamento da expositora é o N1200, um avançado controlador de processos desenvolvido e fabricado no Brasil. Seu algoritmo de controle PID autoadaptativo monitora constantemente o desempenho do processo e ajusta os parâmetros PID a fim de obter a melhor resposta para o controle. É ideal para processos que sofrem variações ou são extremamente rápidos. Atua com até 55 amostras por segundo e possui detecção de resistência queimada. Toda a configuração do controlador é feita pelo teclado, sem qualquer alteração no circuito. Dessa forma, as seleções do tipo de entrada e saída e da forma de atuação dos alarmes, além de outras funções, são acessadas e programadas via teclado frontal. Entre algumas características estão: resolução interna de 15 bits, amostragem de 55 medidas por segundo, detecção de resistência aberta (modelo HBD), consumo máximo de 9 VA e atualização da saída de controle de até 20 ms.

OSCAR FLUES

A participação da empresa será marcada pelo lançamento da máquina tampográfica para impressão de três cores. Os tampões colhem a tinta no tinteiro simultaneamente, porém, ao depositar a tinta na peça, cada tampão o faz de forma indiferente e precisa. Por ser um modelo flexível, pode ser estendido, ou seja, os tampões se movimentam para a direita, esquerda ou para frente, imprimindo em diferentes posições ao mesmo tempo. Além da novidade, a Oscar Flues apresentará máquinas de impressão em tampinhas de PET e em régua, entre outros.

OURO BRANCO

A empresa mostrará na feira seu extenso portfólio composto por aditivos minerais, como o carbonato de cálcio precipitado, agalmatolito, barita, calcita, carbonato de cálcio revestido, caulim, dolomita, mica, óxido de magnésio, quartzo, sílicas, sulfatos e talco. Também apresentará sua linha de especialidades químicas, como o carboximetilcelulose, os estearatos de alumínio, cálcio e magnésio, a sílica precipitada/dióxido de silício, da marca Ourosil 200, carga para borracha e agroquímicos; o silico aluminato de sódio, Ourotix, agente tixotrópico para tintas, entre outros. Haverá espaço ainda para sua linha celulose, com destaque para os substitutos de asbestos, e de pigmentos, como o dióxido de titânio, dos tipos anatase e rutilo.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Micronizador PM para produzir master e compostos

PALLMANN

Um dos produtos expostos será o sistema mecânico de micronização da linha PKM, em sua nova versão. Totalmente fabricado no Brasil, o equipamento possui as seguintes características: pista de moagem segmentada, que facilita e reduz custos de manutenção, uma vez que a afiação e a reposição se restringem aos segmentos; tubulação montada com fecho rápido, o que diminui o tempo de limpeza, na troca de cor e de material, além disso, o sistema é montado sobre estrutura tubular, mantendo espaço reduzido e facilitando a manutenção.

A série PKM conta com sistema que não altera as características da resina micronizada e mantém granulometria uniforme, proporcionando alta produtividade a baixo custo. São quatro modelos diferentes, com capacidades entre 120 kg/h a 1.200 kg/h. Ainda na linha de micronizadores exporá o sistema da série PM, versão para produção de masterbatches e compostos; sistema compacto, construído em monobloco, sem cantos vivos.

Além dos equipamentos, mostrará o espaço Pallwood, para a produção de composto plástico/madeira. Com o Palltruder, a Pallmann considera ter lançado uma nova referência na produção de composto no segmento. O desenvolvimento produz um composto de alta qualidade, que resulta em um granulado uniforme e de baixo custo. O granulado produzido Pallwood pode ser usado pela indústria de transformação em diferentes processos produtivos, como extrusão de perfis para pisos e decks de piscina; injeção de peças de acabamento, e produção de placas para divisórias e portas.

PARABOR

A principal novidade a ser apresentada por essa empresa é o Struktol TPW709. Trata-se do único lubrificante não-metálico e com ação externa e interna, concebido para promover melhorias no processamento por extrusão de compostos carregados com “farinhas” de madeira ou fibras naturais. Como benefícios podem ser citados a melhor dispersão da fibra/madeira, o fluxo balanceado pela matriz, a eliminação de defeitos de superfície, redução de torque e das temperaturas de processo, baixa dosagem, aumento da produtividade e resultados comprovados em PEAD, PP, PVC, ABS e PS.

PAVAN ZANETTI

A linha de sopradoras da série Bimatic estará em exposição no estande dessa fabricante de máquinas. Os modelos escolhidos são: BMT 10.0D/H, BMT 5.6S/H e BMT 3.6S. As duas primeiras são automáticas com saída lateral dos frascos soprados, totalmente automatizada, com rebarbação automática e coleta e reciclagem em sistema fechado das rebarbas. A BMT 10.0D/H, para embalagens de até 10 litros, conta com esteira reunidora para saída dos frascos, cabeçote quádruplo com produção das embalagens com visor transparente de nível, programadores de espessura de 100 pontos e CLP de última geração, enquanto a 5.6S/H sopra embalagens até 5 litros. O modelo BMT 3.6S sopra embalagens até 4 litros, tem uma estação de sopro e trata-se de uma versão básica, com rebarbação simplificada e baixo valor de investimento, cabeçote triplo, sem automatização de coleta de rebarbas.

A empresa também exporá a injetora TRX 188, com força de fechamento de 188 toneladas, automática e que atende às normas de segurança, além de ser rápida e silenciosa. Outro modelo presente no estande é a sopradora para pré-forma de PET para produção de até 4 mil frascos de 500 ml, totalmente automática, com alimentador de pré-formas.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Novo produto da Pepasa molda rotores

PEPASA

A empresa destacará novo material desenvolvido para a moldagem de rotores de bombas para piscinas e banheiras de hidromassagem. Trata-se do AACF-8006-L, que resulta em peças com alta precisão dimensional e com resistência térmica para suportar o calor gerado pelo atrito nos casos em que a bomba roda a seco, e também de alta resistência mecânica, oferecendo fácil soldagem por ultrassom.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Trocador de calor para extrusão da Piovan

PIOVAN

A tradicional fornecedora de equipamentos periféricos, e que acaba também de ingressar no mercado de trocadores de calor para extrusão, apresentará várias soluções para injeção, sopro, extrusão e refrigeração industrial. A linha de trocadores de calor para extrusão em aço inoxidável, e com pontos de leitura e controle da temperatura do ar, microprocessador digital e bandeja de condensado isolada, propicia aumentar a produtividade e a estabilidade dos balões, oferecendo maior qualidade e lucratividade aos negócios.

PIRAMIDAL

Essa distribuidora de termoplásticos apresentará em seu estande aditivos, masterbatches, além das resinas: PP, PEAD, PEBD, PEBDL, PEMD, PS Cristal, PS AI, ABS, PMMA, SAN, ABS + PC, PC, EVA, POM, PA, UTEC, TPU e PP composto.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Dosador série RDG comporta 400 kg/h

PLAST-EQUIP/RAX

Tradicional fornecedora de periféricos, a empresa comparecerá com toda a sua linha, com destaque para dois lançamentos em alimentação, dois em dosagem e mais dois em secagem e desumidificação. No primeiro campo, as novidades ficam por conta do alimentador em vidro para pequenas quantidades de material já desumidificado e para equipamentos destinados ao transporte de flakes, especialmente de PET.

Os lançamentos em dosadores compreendem a linha RDG, de equipamentos gravimétricos para até quatro componentes e capacidade de 400 kg/h, além de uma nova geração de dosadores volumétricos RDV, também para até quatro componentes, porém com 1.000 kg/h de capacidade. O público ainda poderá apreciar novos secadores tipo funil com até 300 litros e desumidificadores com maior eficiência energética e tamanhos compactos, para até 750 m³/h.

Em estande de 120 m², o público terá a oportunidade de conferir diversos equipamentos em funcionamento. A linha completa da Plast-Equip/Rax contempla: alimentação individual; válvula proporcional; dosagens volumétricas e gravimétricas; secadores; desumidificadores; centrais de alimentação, dosagem, secagem e desumidificação; moinhos; silos externos e internos; chillers; controladores de temperatura de moldes; e controladores de espessura para linhas de filme.

PLASTENG

Nano-óxidos de titânio, silício, magnésio, alumínio e zinco são algumas das especialidades que poderão ser conferidas nesse estande. Acrescente-se às novidades também as nanoargilas da Nanocor, dos EUA, que podem ser incorporadas em poliolefinas e poliamidas, aumentando a viscosidade dos fundidos e a cristalinidade, com consequente aumento da rigidez e da barreira a gases e à água, melhorando ainda a propriedade antichama. Também serão destacados os náilons da EMS-Grivory (Suíça) para extrusão, injeção e para alto impacto. Da série PAA, para substituir metais, serão apresentados novos tipos com até 70% de reforço e com fibras longas. Da série HT, serão apresentados materiais resistentes às temperaturas de motores e também mais resistentes à hidrólise, inclusive extrudáveis. Da série PA12L, serão apresentados novos tipos para extrusão de tubos para biodiesel e para injeção de peças alternativas ao latão. Da série PA12TR, serão apresentadas poliamidas transparentes, inclusive para suportar temperaturas mais elevadas, além de poliamidas elastoméricas.

PLASTIVIDA

O mote principal da Plastivida Instituto Sócio-Ambiental dos Plásticos será a reciclagem energética. A ideia é mostrar como ela recupera a energia dos plásticos, por meio de processos térmicos e resolve a questão do resíduo sólido urbano, isso porque a energia contida em 1 quilo de plástico equivale a 1 litro de óleo diesel. Também pretende apresentar seus programas, voltados para a tríade: reduzir, reutilizar e reciclar. Para tanto, o estande abrigará um espaço para a Oficina de Reutilização de Recicláveis, onde irá contemplar o reaproveitamento dos plásticos que são descartados pela população. Haverá ainda a promoção do Projeto Repensar – ações direcionadas à reciclagem do poliestireno expandido e extrudado (EPS e XPS), conhecido pela marca Isopor – e a divulgação do Programa de Qualidade e Consumo Responsável de Sacolas, que prevê a conscientização da população sobre o uso responsável do material, além da participação de grandes redes de supermercados que passaram a usar sacolas feitas de acordo com a norma ABNT 14.937, identificadas com o Selo de Qualidade Abief-INP, entidades parceiras do programa.

O estande divulgará a iniciativa dos Pontos de Entrega Voluntária Monitorado. São contêineres em bancas de jornal de São Paulo para receber e armazenar, de forma adequada, os plásticos em geral, papel, metal, vidro e óleo de cozinha. Para finalizar, a entidade exporá as sacolas retornáveis, Ecobags, para falar sobre o conceito Reutilizar.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Tecnologia de plasma da Pluritec

PLURITEC/PLASMATREAT

O expositor destacará em seu estande sistemas de plasma para tratamento de superfície e adesão de plásticos. A tecnologia de plasma Openair, em pressão atmosférica, caracterizada por potencial zero, constitui um sistema amigável do meio ambiente, isento de primers, que permite a ativação em linha.

De acordo com explicações da empresa, o plasma se baseia em um conceito físico: ao acrescentar energia, o estado da matéria muda de sólido para líquido e para gasoso. Se mais energia for adicionada, o gás se torna ionizado e passa para o estado de plasma – quarto estado da matéria. Por sua instabilidade, entretanto, este estado, pode ser difícil de ser usado na pressão normal. O processo Openair em pressão atmosférica, patenteado pela Plasmatreat, criou jatos de plasma que podem ser usados em processos produtivos, em linha de montagem. A energia adicionada do estado de plasma pode ser transferida para a superfície do material, tornando-o receptivo a subsequentes reações, criando superfícies com propriedades ideais para receber tinta, impressão ou processo de adesão.

O fabricante destaca o fato de o jato de plasma ser eletricamente neutro, abrindo campo para diversas aplicações. A fonte de plasma é movida em uma distância de 10 a 40 mm da superfície a ser tratada, a uma velocidade de 6 a 600 m/min. São mais de 300 tipos de bicos diferentes e, de acordo com o arranjo dos jatos de plasma, é possível tratar áreas de até 2.000 mm de largura com uma única passada. O aumento da temperatura do plástico durante o tratamento é inferior a 20ºC.

O tratamento e a limpeza microfina de superfícies a ser coladas pela ação do plasma em pressão atmosférica são efetuados sem a necessidade de solventes, além de permitir o uso de adesivos ultravioleta e sistemas à base de água: a vantagem consiste em poder unir substratos incompatíveis aplicando produto à base de água ou UV e, em geral, dispensar tratamentos adicionais como primers e lixamento.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Polimate exibe durômetro da Bareiss

POLIMATE

Novidades de oito empresas internacionais representadas no mercado brasileiro integram a mostra do representante. Da alemã Bareiss, será o durômetro automático Digi-Test, para escalas Shore e IRHD. Da italiana Ceast, a linha de medidores de índice de fluidez, com construção modular, e também novo equipamento para testes de resistência ao impacto Izod, Charpy e tração por impacto, modelo Resil Impactor II. Da alemã IPT Test Equipment, equipamentos para testes de pressão hidrostática de longa duração, testes de pressão de arrebentamento em tubos e conexões, entre outros. Da também alemã Lauda, sistema automático de medição da viscosidade cinemática. Da inglesa Lloyd, máquinas para ensaios universais e acessórios para a realização de testes de tração, compressão, flexão, perfuração, delaminação, fricção, entre outros. Da MMM, estufas de laboratório com ventilação forçada da linha Venticell. Da dinamarquesa PBI-Dansensor, novo equipamento para medição da permeabilidade ao O2 (Permate) em embalagens PET. Da Thermo Fisher Scientific, o novo reômetro de torque Polylab QC, que permite conexão a extrusoras ou câmaras de mistura.

PREMIX

A empresa mostrará sua ampla gama de produtos. Distribuidora oficial da Quattor, das resinas PEBD, PEAD, PEBDL, PP e EVA, e da Videolar, com o PS, a Premix também revende PET, importado do maior fabricante da China. Quem for ao estande, conhecerá melhor essa companhia cuja atuação cobre todo o território brasileiro, com sede em Barueri-SP, e filiais em Contagem-MG, Vitória de Santo Antão-PE e Joinville-SC.

PREST-MAC

Atuante no ramo de automação industrial, a empresa destacará máquina de revisão de equipamentos de banda estreita para bobina de entrada de 500 mm e saída igual, com produtos e automação da Prest-Mac. Alinha a impressão ou a borda do material processado. Com dimensões de 380 mm de largura x 250 mm de comprimento e 150 mm de altura, pesa 6 kg, dispõe de dois roletes de 47 mm de diâmetro por 320 mm e inclui servoatuador e transdutor de centralização. A empresa ainda exibirá freio modelo FPM 200-2 PE também para máquinas de banda estreita com controlador CT 320P e células de carga eletrônicas PML-25, com a finalidade de controlar a tensão do material, do início ao fim da bobina. Apresentará sistema de estroboscópio modelo fixo PSFX-50 para visualização da impressão em alta velocidade e modelo portátil PSP-50 portátil, para visualização da imagem em alta velocidade “parada”. O estande contará ainda com sistema de medição de diâmetro CD-20E com sensor de ultrassom USPM-21, para medição do diâmetro da bobina e controle da tensão do início ao fim da mesma. A exposição também contemplará unidade pneumo-hidráulica PPM-3B com sensor e base para máquinas de corte e solda.

PRIMAC

O lançamento da embolsadeira automática IM/75D para tubos de PVC rígido será destaque. A máquina, de diâmetro de 20 mm a 75 mm, trabalha em linha com extrusão dupla saída e possui sistema de aquecimento do tubo com forno por raios infravermelho. A formação da bolsa é feita por mandril insuflado por ar e estampado, e o resfriamento dos estampos se dá por circulação de água, além de contar com CLP para controle dos parâmetros de processo.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Novo equipamento da Primotécnica para moagem de pneus

PRIMOTÉCNICA

A tradicional fabricante de periféricos reservou para o evento o lançamento de uma linha de moinhos para pneus, batizada de PMPS 400. Esses moinhos, do tipo Schreder’s, são capazes de moer os mais variados tipos de pneus (de carros, caminhões, tratores etc.). A família engloba moinhos com câmaras de moagem de 1.600 x 2.000 cm, motor de 400 HP e produção horária de 10 toneladas.

PRINCZ

Empresa argentina de compostos de PVC, a expositora divulgará sua atuação nos segmentos moveleiro, automobilístico, alimentício, médico-hospitalar e construção civil, nos processos de extrusão, sopro e injeção. Em destaque na feira estarão os compostos especiais e técnicos.

PRO-COLOR

A empresa aproveitará a oportunidade para divulgar ao mercado os investimentos realizados nos dois últimos anos no seu parque industrial, aumentando sua capacidade produtiva, com a aquisição de equipamentos. No estande, a companhia mostrará os lançamentos de masterbatches para TR, policarbonato, poliuretano, mono e multifilamento, além de sua linha de aditivos.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Laminadora Pronatec opera a 30m / min

PRONATEC

O principal destaque da empresa atuante no segmento de máquinas ficará por conta de uma laminadora para coating, fruto de uma recente parceria com fabricantes chineses, que abrange uma linha de processamento de polietileno expandido, composta por extrusoras, laminadoras e equipamentos de coating. O equipamento que estará em exposição lamina camadas de filmes plásticos e outros materiais, à velocidade de 30 metros por minuto e comporta bobinas desde 500 mm até 1.600 mm de largura. A empresa completa sua exposição com seus equipamentos tradicionais: rolos curvos, eixos pneumáticos e mancais de troca rápida.

QUANTIQ

Antiga Ipiranga Química, a empresa distribuidora de produtos químicos e petroquímicos, agora controlada pela Braskem, concentrará o foco na sua nova marca – quantiQ – e atual portfólio, baseado nas resinas da Braskem (PEAD, PEBDL e PP), da Petroquímica Triunfo (PEBD e EVA) e da Innova (PS), distribuído em todo o território nacional. A expositora terá como novidade o lançamento do elastômero Vistamaxx, resultado de parceria exclusiva com a ExxonMobil Chemicals, de quem também fornece, com exclusividade, todo o portfólio do elastômero termoplástico Santoprene, referência mundial em TPVs de alto desempenho. O Vistamaxx consiste em um copolímero com atributos únicos de elasticidade, suavidade, resistência, flexibilidade e adesão a vários tipos de resina, propriedades aliadas à facilidade de processamento.

A expositora também aproveitará a ocasião para anunciar a nova parceria para a distribuição local de plásticos de engenharia da Mitsubishi. A linha é composta por policarbonatos, poliamidas, PBT e poliacetais, com foco em produtos de alto desempenho e diferenciais técnicos.

Fruto de nova parceria fechada no ano passado, a linha de hiperdispersantes Solsperse, da Lubrizol, será promovida pelas suas aplicações de alto desempenho em masterbatches. Soma-se à exibição a linha de aditivos da Chitec, de Taiwan, composta por absorvedores UV, fotoiniciadores, antioxidantes e estabilizadores à luz, além dos agentes de biodegradabilidade (produtos “verdes”) e retardantes à chama.
Entre os destaques no estande, a quantiQ promoverá o agente de fluxo Enhance, da sua parceira Sasolwax, da África do Sul. Polímero de baixo peso molecular, o aditivo assegura aumento de produtividade e economia na produção. As resinas recicladas de linha própria constituirão outra atração e complementam o pacote de serviços que conta, ainda, com concentrados de cor, pigmentos e dióxido de titânio.

QUATTOR

A petroquímica estreia nessa edição da Brasilplast com soluções em resinas e serviços oferecidos de forma integrada. Destacam-se os nanocompósitos de PP e o propeno “verde”. As resinas especiais de PP, baseadas em nanotecnologia, adquiriram novas funcionalidades, como resistência a riscos e à propagação de chamas, além de oferecer proteção contra as radiações ultravioleta (UV). Na feira, porém, o maior destaque em PP nanotecnológico ficará por conta da resina Diya 721. Com propriedade bactericida, essa resina é destinada ao mercado de injeção. Já o propeno “verde”, a ser obtido da glicerina, subproduto da produção do biodiesel, servirá de matéria-prima para a produção do PP “verde”, programada para o futuro próximo. Com comercialização prevista para 2012, o processo de obtenção dos novos propeno e PP “verdes” foi patenteado conjuntamente pela companhia e a Universidade Federal do Rio de Janeiro, a UFRJ, e conta com o apoio da Finep e do Ministério da Ciência e Tecnologia e recursos do FNDCT. Além das inovações, outro ponto alto no estande será celebrar a inauguração da terceira unidade de produção de polietilenos, localizada no ABC paulista, e que responderá por um aumento de capacidade de produção de PE da ordem de 230 mil toneladas/ano.

RAPOSO

A empresa de reciclagem oferece ao mercado PP, PE, PS, além de serviços de aditivação de EPDM, incluindo resinas com fibras de vidro, talco e carbonato de cálcio.

REBRASIL ELETROMETALÚRGICA

A empresa desenvolve soluções em aquecimento industrial e neste ano apresenta na mostra a tecnologia da Elstein Werk, líder mundial na área de resistências cerâmicas de infravermelho, com aquecedores cerâmicos modelos standard, hi-tech e especiais, entre outros. A Rebrasil divulgará novos produtos, como: microaquecedores, aquecedores superfinos, aquecedores de parafuso e painéis de aço inoxidável.

RECYCLEAN

As resinas PET pós-industrial e pós-consumo da linha Petclean contam com superlavagem e apresentação na forma de grãos cristalizados. Também serão divulgados o sistema de reciclagem para PE e PP e os serviços de remoção de serigrafia e de granulação.

REFRISAT

A empresa apresentará uma nova linha de soluções e equipamentos para o controle térmico. As novas unidades de água gelada com condensação a ar ou a água trazem um design exclusivo e inovador, mais agilidade na produção e montagem, o que garante melhores prazos de entrega. Trata-se da SAT-Ar e Água, com capacidade para 5.000 a 180.000 kcal/h, compressor de 2 a 5 cv e possibilidade de fornecer de 2 a 45 m³/h de água gelada.

O CLP permite automação personalizada de acordo com o processo requerido e os compressores Scroll e o novo colarinho do ventilador das máquinas com condensação a ar garantem eficiência e economia, além de menor ruído. Toda essa tecnologia foi estendida para os demais equipamentos da Refrisat, como termorreguladores, resfriadores de óleo, desumidificadores de ar e trocadores de calor.

Outras novidades ficarão por conta do desumidificador de ar DSA, capaz de permitir vazão nominal de ar de 300 m³/h a 3.000 m³/h, temperatura média do ar de 10ºC a 40ºC e umidade relativa de 5% a 95%, e do termorregulador TMTI, que para aquecer utiliza resistência elétrica e para resfriar, trocador de calor interno. Além disso, tem capacidade a partir de 3 kW e funciona com temperaturas até 90ºC, utilizando água como meio circulante, e até 25ºC, com óleo térmico.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Renamak destaca máquina para vacuum formig

RENAMAK

Termoformadora de corrente para a fabricação de embalagens e de peças técnicas de PVC, PET, PS e ABS, além de seladoras de blisters, máquinas para vacuum forming, máquinas para corte e vinco, entre outras, serão exibidas nesse estande para atendimento não só ao mercado interno, mas também com disponibilidade para atender os países do Mercosul.

REPLAS

Distribuidor autorizado da Petroquímica Triunfo, Nitriflex e Videolar, a Replas anuncia o lançamento de novos produtos de outros dois parceiros comerciais. Da Sabic, apresenta o polietileno de alta densidade e o linear de baixa densidade; da Petroquímica Cuyo, a linha de polipropileno.

RESIMAX/NANOX

O aditivo antimicrobiano ANR será o mote da presença da Resimax na feira. O lançamento foi desenvolvido em parceria com a Nanox, empresa de nanotecnologia multimercados, e tem por finalidade tornar as peças isentas de bactérias e fungos por toda a sua vida útil. Segundo os parceiros, o aditivo é inédito no mercado brasileiro e emprega um princípio natural, ecologicamente correto, certificado pelo Ministério da Saúde, constante da lista positiva da Anvisa, o que lhe confere aprovação para uso em contato com alimentos e até mesmo com a pele humana. A expositora apresentará em seu estande exemplos de aplicações do ANR. O produto será comercializado para compor formulações de concentrados de cor, aditivos e compostos termoplásticos. A Nanox é detentora da tecnologia NanoxClean, aplicada no novo aditivo e a Resimax, produtora de masterbatches, compostos, aditivos e beneficiadora de resinas tingidas.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*RHODIA

A área de plásticos de engenharia da empresa acaba de completar 40 anos de atividades no Brasil e é justamente dos seus desenvolvimentos que surge a principal novidade a ser apresentada na feira. Trata-se de Technyl A 118 V33 LP, criado para aplicações em bicos de injeção eletrônica de combustível. Em substituição ao aço no revestimento exterior, o produto, conhecido como Laser Markable, reduziu em 30% o peso da peça. Outro destaque será o Technyl A 218W V30, material com certificação W270 e que se tornou  referência para aplicações que envolvam contato com água potável como em sistemas de aquecimento, bombas e válvulas elétricas. Trata-se de poliamida 6.6 reforçada com 30% de fibras de vidro, altamente resistente à hidrólise e de alto desempenho mecânico. Outros destaques ficarão por conta de Technyl Star AFX e de Technyl Heat Performance. No primeiro caso, trata-se de geração de poliamidas 6.6 que combina alta fluidez e nível de reforço jamais alcançado. No segundo exemplo, trata-se de nova família de poliamidas 6.6 que oferece soluções avançadas de resistência às altas temperaturas encontradas sob os capôs dos veículos.

ROMI

Líder nacional na produção de máquinas para o processamento de plástico, a Romi estará com um amplo estande, no qual apresentará novidades em injeção e sopro. Um destaque ficará por conta do reforço no conceito das máquinas elétricas, com a Romi Eletramax 150, Euromap 485, 269 g. A série Eletramax terá lançamento simultâneo com a Romi Itália. A máquina tem novo painel de comando e.ONE, e estará transformando biopolímero Basf, material biodegradável, obtido por fonte renovável. Em um conceito de célula de produção, do granulado à peça embalada, o visitante poderá ver um equipamento capaz de economizar até 80% de energia, em relação aos modelos convencionais, e água em até 75%, além de apresentar nível de ruído de 60 dB.

Outra novidade será a máquina híbrida Primax 300 H, que conta com acionamentos hidráulicos, para os movimentos de fechamento e injeção, e acionamento elétrico, para o movimento de plastificação. Tem capacidade para 300 toneladas de força de fechamento e o diferencial de reduzir o consumo energético em até 30%, por causa da plastificação elétrica. O ciclo também é menor, cerca de até 15% mais rápido, em comparação a um modelo com plastificação hidráulica.

No segmento do sopro, mostrará a sua recente aquisição de tecnologia da DigMotor para a fabricação de sopradoras para pré-formas de PET. Ainda neste segmento apresentará o modelo 5 TD, com cabeçote duplo, dupla produtividade e extrusor de 90 mm da linha de sopro convencional Romi JAC.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Rotomoldadora é voltada ao mercado de grande porte

ROTOLINE

A empresa exibir a máquina de rotomoldagem da série DC Shuttle. Desenvolvida para rotomoldar os mais diversos produtos em PELMD, entre outras resinas, trata-se de máquina provida de dupla estação, que opera com forno central e duas estações de resfriamento, possuindo dois carros com suporte para a instalação de moldes. Também será divulgado na oportunidade o lançamento da Rock and Roll Oven Shuttle. Trata-se da RR7030DC que chega ao mercado para atender às necessidades de rotomoldadores de grande porte como tanques e barcos e que possui forno central com capacidade para moldes com três metros de diâmetro e sete metros de comprimento.

ROTO PLASTIC INTERNACIONAL

Uma das novidades desse fabricante de equipamentos para rotomoldagem se trata do Sway. O modelo permite ao cliente sua montagem de forma paulatina, ou seja, à medida que a produção cresce, pode-se montar um novo braço do equipamento. Dessa forma, ao adquirir todos os braços, este vai se transformando no modelo Carrossel. Outro equipamento da marca é o tradicional Spinner, mais conhecido no mercado nacional como Shuttle. O fabricante também divulgará um diferencial de seus equipamentos: a unidade de medida e controle da temperatura interna do molde, modelo TemLogger. O seu sistema interage com o programa de comando da máquina, monitorando automaticamente os ciclos de trabalho.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Linha EC 130 de chapas, da Rulli

RULLI

O visitante poderá apreciar três linhas completas para extrusão e coextrusão de filmes e de chapas. Na linha para chapas será exibida a EC 130, para largura de 2,30 m. A linha de coextrusão de filmes de três camadas tem 1800 mm de largura e a linha de monoextrusão de filmes destacará o modelo EF-2.1/2”.

SABIC

Com um estande interativo para proporcionar uma experiência diferenciada aos visitantes, a Sabic Innovative Plastics pretende divulgar as diferentes texturas, cores, formatos e inúmeras soluções que seus produtos podem oferecer. Os principais destaques ficarão por conta das linhas com foco na sustentabilidade e na eficiência térmica, mecânica e de design. Quem for ao estande, poderá ver as vantagens das resinas da família iQ, o composto Faradex, os copolímeros de policarbonato Lexan, a linha de alto brilho e as resinas Ultem PEI de alto brilho.

As resinas iQ funcionam como soluções imediatas e ambientalmente responsáveis, produzidas do PET pós-consumo. Essa linha de PBT e PBT/PC tem desempenho equivalente ao dos compostos, misturas e ligas que contêm o PBT fabricado tradicionalmente, e agrega economia de energia aos processos de fabricação, entre outras características. Na feira, dessa série, a Sabic divulgará novos grades, como o Valox iQENH4550, um PBT com 30% de fibra de vidro, retardância à chama e livre de halogênios.

Outro destaque: o novo grade de compostos Faradex, termoplásticos condutivos eletricamente, utilizados na blindagem eletromagnética. A sua principal vantagem é evitar a interferência eletromagnética em celulares, GPSs, equipamentos médicos e afins. A Sabic também apresentará seu amplo portfólio de copolímeros de policarbonato Lexan. A resina PC Lexan, conhecida por ser transparente e resistente ao impacto e à temperatura, ganhou grades com propriedades, como a alta resistência a intempéries e ao risco, baixa emissão de fumaça e toxicidade, além de ótima processabilidade, e uma nova linha, a resina Lexan HFD, de alto fluxo, produzida com matéria-prima renovável.

As resinas de alto brilho e resistência ao risco também estarão em foco. Desenvolvidas nas resinas Lexan PC, Cycolac ABS e Noryl PPO modificado, permitem a eliminação da pintura e possuem grades com propriedades antichama, além de serem livres de halogênio, contam com alta resistência ao impacto e a intempéries. A petroquímica desenvolveu ainda a resina Ultem Super High Flow. Essa linha apresenta características de alta resistência térmica e autoclavagem, antichama inerente, resistência química e transparência na cor âmbar, com um alto fluxo para injeção.

SAGEC

Ao lado da tradicional linha de granuladores, o público poderá conferir peneira vibratória e ensacadeira, além de recuperadora de refiles e cabine de luz para laboratórios. Providos de inversores de freqüência, que proporcionam menor consumo de energia elétrica, e de sistema de corte que resulta em menor ruído, alguns modelos realizam cortes microgranulados. Já a peneira vibratória foi projetada com capacidade de produção de 500 kg/hora, enquanto a ensacadeira, construída de aço inoxidável, é automática e tem capacidade para armazenamento de 500 kg de material granulado.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Logica, da Sandretto do Brasil, ganhou maior velocidade

SANDRETTO DO BRASIL

Três novas séries de injetoras contemplarão o espaço de visitação da fabricante brasileira, que propõe soluções simples para as necessidades da transformação. Todos os equipamentos em exposição estarão em operação em regime de células automatizadas e independentes.

A exposição resulta de aprimoramento tecnológico, com novas versões de seus modelos tradicionais. A série Logica conta agora com maiores velocidades de operação, sem perda de rendimento, novo comando eletrônico, inovações e otimizações hidráulicas. A série Nove HP Fast embute acumuladores para injeção de produtos de parede fina e aplicações técnicas especiais. A empresa também irá expor equipamentos de sua linha convencional das séries Logica e Nove HP.

Da série Logica, o público terá oportunidade de conferir três modelos: o 370/70, o 770/170 e o 770/220. O primeiro dispõe de 70 t de força de fechamento, 220 cm³ de volume de injeção e 80 cm³/s de velocidade de injeção. A segunda opera com força de fechamento de 170 toneladas, volume de injeção de 507 cm³ e velocidade de injeção de 140 cm³/s. O maior equipamento possui 220 t de força de fechamento e processa volumes de 607 cm³ à velocidade de 235 cm³/s.

Da linha Nove exibirá duas máquinas: a 1320/300 HP e a 1320/300 HP Fast. Ambas com 300 t de força de fechamento e 658 cm³ de volume de injeção, diferenciam-se na velocidade: 464 cm³ por segundo na primeira e 1.027 cm³ por segundo no modelo Fast.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Inversores Sinus Penta, da Santermo

SANTERNO

Multinacional de origem italiana, a empresa levará para o seu estande a sua nova linha de inversores de frequência Sinus Penta, com faixa de potência de 1,8 até 2.200 kW e tensão (alimentação) de 220 a 690 Vac trifásico. O produto possui controles escalar V/F, de torque vetorial (malha aberta/fechada) e de campo orientado (FOC); e ainda, motores síncronos (brushless), sistema regenerativo e protocolo Modbus Standard. A empresa, que também divulgará linha de conversores CA/CC e Soft Starters, concede até três anos de garantia aos seus produtos.

SANTORO

Estará sendo lançada na feira máquina de corte e solda automática para a produção de sacos plásticos. Trata-se do modelo CS-600, com comprimento total de 3,25 m, sistema de solda no fundo e nas laterais, novo acionamento por CLP e IHM touch screen colorido, além de novo sistema de servomotor digital, com mesa empilhadora, sistema de refrigeração e comando de fotocélula, para produções até 450 sacos por minuto.

SANWEY

Essa fabricante de contentores flexíveis Big Bags, da marca Sanbag, mostrará os seus pontos fortes, como a qualidade dos produtos, confeccionados com materiais altamente resistentes; certificações nacionais e internacionais, incluindo ISO 9001 e 14.001, além de enfatizar sua atuação em vários segmentos, como o químico, petroquímico, alimentício, resíduos em geral, entre outros. A Sanwey também pretende ressaltar ao visitante que possui produtos homologados para transportes terrestres e marítimos de produtos perigosos, podendo acondicionar diversas substâncias, como oxidantes, corrosivos e sólidos inflamáveis, entre outros.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Nova geração de moinhos da Seibt

SEIBT

Mais compactos e eficientes, os moinhos da nova geração de baixa rotação das linhas LR e LRX possuem sistema de corte em “X” e construção que permite a rápida limpeza, atendendo totalmente às normas de segurança da ABNT, ou seja, a NBR 15107. Ao lado deles, também estarão sendo expostos moinhos das linhas A e N, para as mais diversas aplicações, como em centrais de moagem de peças e rebarbas de maior volume e de grande produção horária, e reciclagens de plásticos pós-consumo como PE, PP e PET. As linhas para reciclagem de PET podem contar com sistema de lavagem a quente.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Sew-Eurodrive exibe os redutores MC

SEW-EURODRIVE

Líder mundial no fornecimento de soluções em acionamentos, a empresa faz sua estreia na Brasilplast. A principal novidade será o Redutor Compact MC, para extrusoras. Além desse lançamento, os visitantes poderão conferir as linhas de motorredutores e de eletrônicos. Os redutores industriais da série MC (Compact) oferecem opções de oito tamanhos com eixos paralelos ou ortogonais, carcaça monobloco, posições de montagem universais e curto prazo de entrega. O equipamento apresenta como características: maior densidade de torque, mais torque por massa de redutor e elevada capacidade de absorção de esforços externos, entre outras.

Os motorredutores possuem ampla faixa de torque, de 25 Nm a 50 mil Nm. Por ser modular, a linha possibilita várias configurações, pois o equipamento pode ser fixado por pés, flange, braço de torção ou bucha elástica, além das possibilidades de eixo maciço, eixo oco com chaveta, eixo oco com disco de contração, por exemplo. A Sew disponibiliza a linha 7 de redutores e motorredutores, composta por redutores de engrenagens helicoidais (linha R), redutores de eixos paralelos (linha F), redutores de engrenagens cônicas (linha K), redutores de rosca sem fim (linha S) e redutores Spiroplan (linha W).

SGS

Recentes lançamentos de plastificantes da linha Olvex, produzida com base em matérias-primas vegetais, configuram as atrações do estande dessa fornecedora de aditivos. Plastificante primário, o Olvex 51 substitui produtos à base de ftalatos, em particular em aplicações dirigidas ao mercado de alimentos, brinquedos e artigos médicos. De ótima compatibilidade com a resina de PVC, é indicado para aplicações em mangueiras, perfis flexíveis, isolamento de fios, cabos elétricos, extrusão e calandragem de filmes laminados semirrígidos e flexíveis.

De acordo com o fabricante, a variedade 50 substitui integralmente os plastificantes convencionais à base de ftalatos. O produto apresenta alta compatibilidade com elastômeros. No caso de borrachas nítrilicas (NBR), requer apenas pequena correção na utilização de enxofre para apresentar propriedades similares às obtidas com o dioctilftalato (DOP). Caracteriza-se por não exudar em blendas de NBR/PVC.
O tipo 5 constitui uma alternativa de óleo extensor para compostos de borrachas de estireno-butadieno (SBR), em substituição a óleos aromáticos e parafínicos. Possui alta compatibilidade com esses elastômeros, apresentando propriedades físicas e de processo similares às obtidas com os óleos aromáticos e parafínicos.

Segundo a SGS, a grande vantagem da estrutura molecular dos plastificantes vegetais da linha Olvex é a sua possibilidade de sofrer modificações estruturais para atender aos requisitos dos diferentes segmentos de consumo de plastificantes.

SICCUS

A empresa apresentará secadores e desumidificadores simultâneos e dinâmicos para grãos de plásticos, flake-PET e pó de madeira – Wood Plastic Composites – WPC´s. A Siccus, preocupada com a racionalização de energia e conservação do meio ambiente, desenvolveu a tecnologia de desumidificar o pó de madeira juntamente com os grãos de plástico. As máquinas secam e desumidificam todos os lados do material, flutuando em corrente de ar quente e desumidificado, em curto espaço de tempo, alcançando uma economia significativa e, como resultado no produto final, mais resistência e qualidade. Para grãos, há modelos de três tamanhos, com capacidade para 50 kg/hora, modelo Compact Plus, e para 300 kg/h e 500 kg/h. Já para flake-PET e pó de madeira, a empresa conta com dois tamanhos, para 300 kg/h e 500 kg/h. A Siccus mostrará ainda uma peneira vibratória para grãos de plástico, com capacidade para 300 kg/h.

SILVER VÊNETO

A empresa exporá sua linha de misturadores verticais e horizontais; roscas transportadoras; e misturadores-aquecedores para pigmentos, reciclados e resinas. Apresentará como novidade um conjunto composto de misturador e aquecedor com sistema de pesagem e dosagem de resinas ou reciclados, acondicionados em um ou mais big-bags. As capacidades dos misturadores verticais abrangem desde 0,3 até 24 m³; a dos horizontais, de 0,15 a 5 m³. A empresa ainda fabrica misturador Y, duplo-cone e de tambor, roscas transportadoras (de acordo com o projeto do cliente), transportadores pneumáticos, silos, e peneiras rotativas e vibratórias.

SIMPLÁS

O Sindicato das Indústrias de Material Plástico do Nordeste Gaúcho – Simplás divulgará a Plastech Brasil 2009 – Feira de Tecnologias para Termoplásticos, Termofixos, Moldes e Equipamentos. Trata-se da segunda edição da feira, que será realizada de 28 a 31 de julho, no Complexo dos Pavilhões da Festa da Uva, em Caxias do Sul-RS. Organizada e realizada pelo Simplás, a Plastech conta com o apoio do Sinplast/RS – Sindicato das Indústrias de Material Plástico no Estado do Rio Grande do Sul, e do Simplavi – Sindicato das Indústrias de Material Plástico do Vale dos Vinhedos, de Bento Gonçalves.

SIRESP

O Sindicato da Indústria de Resinas Plásticas (Siresp) participará do evento, com o objetivo de mostrar sua legitimidade e capacidade de liderar algumas ações essenciais para elevar o patamar da competitividade brasileira e melhorar a imagem do plástico. À frente da entidade, Vítor Mallmann, também presidente da Quattor Petroquímica, apresentará seu foco na gestão do Siresp: a competitividade, a sustentabilidade ambiental e a inovação. A entidade trabalha para eliminar a aparente dicotomia entre os benefícios do uso do plástico na vida das pessoas e as consequências dessa utilização. A ideia também é explicar ao visitante que o plástico é 100% reciclável e tem propriedades para ser considerado amigo do ambiente. Além disso, divulgará que estuda uma parceria com o governo para a reciclagem energética: transformação do plástico e demais resíduos do pós-consumo em energia. Quem for ao estande, também ficará sabendo sobre a importância da inovação. Para a entidade, a disputa pelo mercado nacional ocorre não apenas na importação de resina, mas, sobretudo, nos produtos transformados. O seu presidente se baseia na proposta de que a indústria precisa desenvolver uma abordagem conjunta com os transformadores, para preservar o mercado doméstico e ampliar a atuação no mercado externo, se pautando na inovação.

SOFTER

Vários lançamentos foram programados para essa feira. Em TPO, novo grade da linha Forflex, desenvolvido especialmente para o mercado de embalagens, oferece características de processo, resistência ao impacto e translucidez necessárias às tampas de cosméticos. Em TPE, a linha Laprene oferece grades atóxicos e translúcidos, especialmente desenvolvidos para o mercado médico-hospitalar, e de fácil processamento tanto em injeção como em extrusão. Em TPV, o maior destaque ficará por conta de desenvolvimento assinado pela Softer Itália para a fabricação de perfis automotivos.

SOLÉFLEX

Importadora e distribuidora de materiais usados em processos de impressão, em especial flexografia, a expositora apresentará inovações em adesivos para fitas dupla-face acolchoadas; nova tecnologia na gravação de cilindros dosadores para flexografia, laminação e corrugados (em parceria com a empresa holandesa Apex); e lançará a linha exclusiva de fotopolímeros Exaprint. A linha de produtos da empresa é composta de fitas adesivas dupla-face acolchoadas e rígidas para montagem de clichês, lâminas raspadoras para doctor blade e rotogravura, produtos para limpeza e manutenção de cilindros anilox e para laminação de adesivos, spray preventivo contra entupimento de clichês, fitas adesivas para bordas de clichês e fixação; vedação de lâminas raspadoras, roletes de pressão para montagem de clichês, conta-fios e microscópios.

SOLVAY

A tradicional fabricante de resinas pretende que seu estande reflita os avanços da empresa em busca de matérias-primas e insumos sustentáveis, bem como divulgar os investimentos no PVC “verde”, com planta prevista para produzir 60 mil toneladas de etileno de base etanol.

A empresa destacará que as ampliações em curso nas unidades de cloro/soda e PVC servirão especificamente para ampliar a fabricação já existente, expandindo, neste ano, a atual capacidade de soda cáustica, de 120 mil t para 170 mil t; com redução de 30% no consumo de energia elétrica, proporcionada pela conversão total da planta para a tecnologia de membrana.

Outro ponto a ser ressaltado é a assinatura recente de um contrato da Solvay Indupa com o grupo de energia argentino Rafael Albanesi, para a criação da Solalban Energia, joint venture (58% Solvay e 42% Albanesi) que irá construir e operar uma nova usina termoelétrica na unidade de produção de plásticos e químicos da Solvay Indupa em Bahía Blanca, na Argentina. Com investimentos de USD 160 milhões, a usina está programada para entrar em operação no segundo trimestre deste ano, com 120 megawatts, a ciclo aberto. Posteriormente, a capacidade subirá para 165 MW.

Os investimentos ainda contemplam a expansão de capacidade de PVC na Argentina, das atuais 220 mil toneladas para 260 mil toneladas. A previsão de recursos é de USD 60 milhões e de início de operações, em 2010. O aporte total nas plantas do Brasil e da Argentina somará algo em torno de USD 500 milhões (de 2006 até 2010).

SPRIMAG

O fabricante de máquinas e sistemas automáticos de pintura para as mais variadas aplicações destacará nova bomba pneumática com duplo diafragma, a Sprimag MP-SP2. Desenvolvida para transferir até 360 l/h e com pressões de trabalho até 16 bar, essa bomba utiliza razão de transmissão 1:1, podendo ser comparada, em termos de capacidade, com modelos similares que utilizam razão 3:1, sem, no entanto, apresentar o inconveniente das frequentes substituições de diafragmas rompidos.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Star Seiki aprimorou linha de robôs

STAR SEIKI BRASIL

Três atrações para a indústria de injeção estarão presentes no estande da empresa: duas na área de equipamentos acionados por servomotores e uma na fabricação de garras para manipulação das peças. Lançado na Brasilplast de 2007, o robô GX-700IV conta com novo recurso, o controlador STEC-380NC. Este opcional se difere de outros por ser o primeiro controlador livremente programável dessa série de robôs, carro-chefe da Star Seiki, no Brasil. Considerado prático por ser pré-programável de fábrica para uso em injetoras, o controlador agiliza muito o início de produção.

O segundo destaque é o lançamento oficial dos robôs da série CZ, para injetoras de 75 até 1.300 toneladas de força de fechamento. Dotado de servomotores no acionamento dos eixos, além de seu formato compacto, a série possui como principal característica ser um equipamento de baixo custo. Em tempo: ele é fabricado na unidade chinesa da empresa. Outros benefícios ficam por conta do fato de apresentar grande desempenho em termos de velocidade e precisão nos movimentos.

Para finalizar, a EINS, divisão da Star Seiki para confecção de componentes e garras para manipulação das peças extraídas pelos robôs, exporá a terceira novidade reservada para a feira: os EOAT (End of Arm Tooling), como são conhecidas as garras (máscaras para alguns). São importantes em questões de qualidade e produtividade, pois devem ser resistentes e precisos, mas ao mesmo tempo leves e compactos. Seu catálogo contém itens diversos, como minicilindros de acionamento pneumático, tesouras especiais de corte de canal e ventosas de vários tamanhos que dão versatilidade às garras.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Starlinger mostra sacola de PP

STARLINGER

Tradicional fabricante mundial de teares circulares, a empresa austríaca, atuante no país e na América Latina no ramo de sacaria de ráfia, apresentará na feira três novos tipos de embalagem: o saco AD*Star, o big-bag para até 2.000 kg e sacolas com imagem impressa para consumidor final para 10 kg ou mais. Patenteado em todo o mundo, o primeiro lançamento consiste de um saco valvulado, produzido sem uso de adesivo, com tecidos de ráfia laminados. Atende em especial os mercados de cimento e outros produtos para construção civil. O big-bag (flexibe intermediate bulk container) pesa menos de dois quilos e suporta até duas toneladas de produtos. Quanto à sacola para o consumidor, fabricada com tecido de PP laminado com um filme pré-impresso de PP orientado, visa a atingir o segmento avulso de embalagens com dez ou mais quilos. É ideal para embalar produtos como arroz, cereais e ração animal, a custos inferiores em comparação com sacos de papel multifoliados. A impressão no verso dos filmes assegura uma apresentação atrativa na prateleira e reprodução precisa de códigos de barra.

STARSHINI

Apresentará ao público periféricos e acessórios da linha Shini Tecnologia Plástica para injeção, compreendendo alimentadores, funis secadores, geladeiras, desumidificadores, moinhos, esteiras, válvulas proporcionais e controladores de temperatura de moldes.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Stäubli Rep203 reúne robustez e conexão rápida

STÄUBLI

O provedor de soluções mecatrônicas lançará na feira placa para a conexão de circuitos de potência de câmaras quentes e dos sistemas de controle de injeção sequencial. Trata-se da placa Stäubli Rep203, sistema que reúne robustez para enfrentar ambientes fabris e conexão rápida, assegurando perfeita vedação, possuindo até 144 contatos elétricos e 110 A, em conformidade com o IP 67”.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Injetora híbrida será destaque da Sumitomo-Demag

SUMITOMO-DEMAG

Após a fusão das organizações de vendas e assistência técnica no Brasil, a Sumitomo-Demag se apresentará na Brasilplast como uma empresa só para o mercado latino-americano. Pela primeira vez, após a fusão, em março do ano passado, a nova multinacional fabricante de injetoras estará na Brasilplast, não só com as conhecidas linhas para o setor de embalagens e automotivo, mas também com novidades. Entre elas, destaque para a máquina de alta performance El-Exis, que poderá ser vista em uma célula de in-mold labeling, com uma montagem totalmente automatizada, que produzirá com ciclos de 5,7 segundos duas embalagens alimentícias com rótulos e alça automaticamente integrada em uma máquina de 200 toneladas. Trata-se da primeira máquina injetora híbrida com reaproveitamento energético que se tornou padrão para a série.

 

A companhia também apresentará uma nova linha de injetoras totalmente elétricas SE 180 DUZ, com acionamentos diretos. A máquina de 180 toneladas de força de fechamento estará produzindo durante a feira.

SUN PLASTECH (MMS PLÁSTICOS)

A Sun Plastech divulgará a marca líder de compostos de purga Asaclean. Na feira, um representante técnico da empresa estará disponível para debater aplicações específicas e adequadas dos vários grades dessa ampla linha. Essa tecnologia de limpeza permite a troca rápida de cor ou da própria resina, removendo também materiais degradados durante sua aplicação. O produto pode ser usado em limpeza de câmara quente, e também durante as paradas das máquinas.

Responsável pela produção e distribuição da linha de compostos de purga Asaclean, para sistemas de injeção e extrusão de termoplásticos, a empresa tem o suporte tecnológico de sua coligada Asahi Kasei Chemicals Corp. A MMS Plásticos é a distribuidora autorizada da linha Asaclean no Brasil.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Máquina da Dr. Boy tem baixo consumo de energia

SUNNYVALE

Presente há mais de trinta anos no mercado brasileiro, a companhia comercializa e presta suporte técnico no país para máquinas e equipamentos voltados para o processamento de plástico e borracha. Injetoras, robôs e periféricos são alguns dos produtos disponíveis. Para esta Brasilplast, em particular, reservou o lançamento de dois produtos: um secador desumidificador Matsui MJ3 e a injetora série Boy 35. O primeiro, além de secar as resinas, desumidifica o ar, utilizado no processo de secagem, reduzindo o tempo necessário para secar o material. O diferencial se refere à tecnologia de desumidificação via “honeycomb rotor”, que evita oscilações na umidade do ar usado no processo de secagem, propiciando estabilidade. O equipamento conta com alimentação primária, até o funil de secagem, e secundária, até a máquina injetora. A desumidificação e secagem são realizadas juntas em estrutura única e compacta.

A outra novidade será a série da Dr. Boy, de injetoras com força de fechamento de 35 toneladas. A linha apresenta alta precisão, consistência, design compacto, baixo consumo de energia e construção com duas placas na área de fechamento. A Dr. Boy é especialista no segmento de injetora de pequeno porte, neste caso, são modelos até 90 toneladas de força de fechamento.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Techmer apresenta master para agrofilmes de PE

TECHMER

Um novo masterbatch refletor de raios infravermelhos destinado em especial para o segmento de agrofilmes de polietileno será a principal atração dessa expositora. A novidade foi apresentada recentemente na Conferência Internacional de Filmes para Agricultura (AMI), realizada em Barcelona, Espanha. A Techmer considera a nova tecnologia refletora de raios infravermelhos a melhor alternativa no controle efetivo da absorção de calor e energia, por refletir os raios e calor, atuando em duas regiões de comprimento de ondas: do NIR, de 750 a 1.400 nm, e do FIR, de 15.000 nm a 30.000 nm. O resultado disso é um controle do calor e também manutenção do equilíbrio de radiação dentro da estufa. Além disso, como não afeta a transparência do filme, não bloqueia a luz visível.

Diferentemente dos métodos tradicionais de produção dos filmes térmicos de PE aplicados em estufas agrícolas (que compreendem a adição de vários compostos químicos ao polímero para dar o efeito de opacidade ao filme e bloquear a passagem dos raios solares), a nova tecnologia divulgada pela Techmer consiste na manipulação dos comprimentos de ondas de regiões específicas e permite maior controle do equilíbrio de radiação dentro das estufas. Assim, reduz a temperatura do filme enquanto mantém 90% da transmissão das ondas de comprimento de 400 a 700 nm.

TECNOFER

Soluções para o segmento de reciclagem dos plásticos é o que essa empresa italiana pretende apresentar no evento. No caso do PET, a Tecnofer desenvolveu recursos para separar a etiqueta e outros contaminantes, com a série MTC, que usa água quente, aditivos e detergentes a baixos custos. Também divulgará as máquinas Deballer e Iper Wash. A Deballer constitui a primeira fase de pré-lavagem, em que se abrem os fardos com densidade de cerca de 350 kg/m³ de garrafas prensadas, sem rompê-las. O funil de alimentação pode operar com um fardo de material que é transportado para o rotor, que, graças à sua rotação alternada, desmembra-o, separando as garrafas, friccionando-as e eliminando os contaminantes. A outra máquina que compõe o sistema opera com fricção, força centrífuga e água fria e foi projetada para lavar garrafas inteiras com ou sem água, tirando etiquetas, pedras, areia e outros contaminantes de diâmetro pequeno. A Klimenko & Semblat vende as máquinas para o Brasil.

TECNOMAGNETE

O Quad-Press, um sistema magnético eletropermanente para fixação de moldes em injetoras, estará em destaque no estande da empresa. O equipamento apresenta alta produtividade e baixo estoque, por conta do pouco tempo entre as mudanças de moldes e a flexibilidade na operação de lotes menores e mais prensas, que podem ser manejadas por apenas um operador; as partes internas não se movimentam e isso significa que não há troca de componentes; a energia é usada somente por alguns segundos e seu consumo não se dá durante a operação, ou seja, quando o sistema está magnetizado, não haverá problema com falta de energia; os moldes podem ser trocados por um operador, posicionado do lado de fora da prensa, em aplicações de grandes moldes, por exemplo, não há necessidade de pré-fixadores nas cavidades da máquina para guiar aos furos das porcas T. Toda a área com atuação do magnetismo permite a operação de qualquer formato geométrico ou tamanho de molde, o sistema também é equipado com sensores de proximidade, unidade de controle de saturação, controle de fluxo e chave de segurança, entre outras características.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Controlador para múltiplas cavidades

TECNOSERV

Fabricante nacional de porta-moldes, acessórios, sistemas de câmara quente e controladores de temperatura destinados ao segmento ferramenteiro, a expositora levará para o evento sua nova linha de produtos: bicos valvulados para sistemas de câmara quente, bico valvulado para injeção de peça única, nova série de bicos MJ com corpo delgado, novos controladores de temperatura de câmara quente geração 4 e controlador para múltiplas cavidades CMC-5000 para controle de até 128 zonas de aquecimento. Na área de porta-moldes, a empresa apresenta nova linha de produtos com acesso digital em seu site, facilitando o projeto do molde com busca automática de desenhos. No campo de acessórios, exibe novidades em placas de isolação térmica, centralizadores e puxadores de placas para moldes. O acesso digital abrange também os acessórios e sistemas de câmara quente.

TERMOCOLOR

O fabricante de masterbatches reservou para a feira o lançamento de um superconcentrado de extensores. Trata-se do TCEX, uma resina com extensores que tem como diferencial a melhor homogeneização e cobertura, conquistada por meio de aditivos que melhoram o desempenho do produto final. Com essa novidade, a empresa pretende ampliar a sua atuação no mercado de descartáveis e embalagens flexíveis. Para o desenvolvimento do novo produto, além dos investimentos em pesquisas, a empresa contou com equipamentos de última geração em sua planta industrial. Além dos benefícios técnicos, o novo produto contribui na redução de custos ao substituir parte da resina, com ganho em competitividade.

THATHI

Tradicional distribuidora de resinas, a empresa comparecerá na feira com estande institucional, onde divulgará ampla linha de produtos, fruto de parcerias com duas das maiores fabricantes mundiais de plásticos de engenharia: a DuPont e a Sabic. Entre outros polímeros, divulgará PBT, poliacetal, poliamidas, ABS, policarbonato e blendas.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Resina da Ticona injeta peça técnica complexa

TICONA

Quem visitar o estande da Ticona terá a oportunidade de conhecer seu amplo portfólio que inclui os polímeros: Celcon e Hostaform polyoxymethylene (POM); Vectra, polímeros de cristal líquido (LCP); Celanex, Impet e Riteflex, poliéster polímeros e copolímeros; Vandar, ligas poliéster; Fortron, polissulfeto de fenileno (PPS); GUR, polietileno de ultra peso molecular (UHMW-PE); Celstran e Compel, termoplásticos reforçados com fibra longa (LFRT), e Impet, polietileno tereftalato (PET). A empresa também mostrará que é uma companhia global com uma equipe de cientistas em materiais, engenheiros de projeto, apoio técnico especializado, gestores de conta e representantes de serviço ao cliente. Ainda divulgará que se empenha na busca de soluções de engenharia com tecnologia avançada em polímeros de alto desempenho, utilizados num amplo espectro de aplicações.

TIDLAND

Novos tipos de cabeçotes (Raptor), compreendendo modelos pneumáticos e ativados por toque, poderão ser conferidos nesse estande. Reunindo características básicas como garras largas, adaptadores de 6”, manutenção sem retiradas, garantem vida do tubete mais prolongada e operações contínuas.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
3M leva soluções para tubos e cabos

3M

Entre as várias soluções oferecidas para a indústria do plástico, serão destacados os fluoroplásticos Dyneon, materiais inovadores para emprego nas indústrias químicas e alimentícias e na fabricação de semicondutores. Oriundo dessa família, apresentará o Dyneon THV, fluortermoplástico que oferece aos materiais resistência química e à permeabilidade, alta transparência e translucidez, bem como capacidade de aderência a diversos elastômeros e plásticos. Especialmente para revestimentos, filmes, fitas, tubos, fios e cabos para computadores, eletrodomésticos e aparelhos com aquecimento, a empresa desenvolveu os fluortermoplásticos Dyneon PFA e FEP. Em sintonia com a tendência de emprego de materiais mais leves, a empresa também vem oferecendo ao mercado microesferas de vidro ocas (3M Scotchlite Glass Bubbles), para a redução de peso em peças fabricadas com plásticos moldáveis, plastissol, termoplásticos e borrachas, reduzindo a densidade dos compostos, mas mantendo sua alta resistência à compressão.

TRIUNFO

Os mais recentes lançamentos estão na linha dos copolímeros de etileno acetato de vinila (EVA) e que resultaram no desenvolvimento de grades para filmes de alta transparência e com alta resistência mecânica, excelente soldabilidade à baixa temperatura e fácil processamento. Em EVA, divulgará o TN2005, destinado ao segmento de filmes em multicamadas, obtidos por coextrusão, em combinação com outros polímeros. Graças às suas características, esse EVA pode ser utilizado na produção de filmes para alimentos e também de filmes térmicos para usos agrícolas. Outro EVA em destaque por causa da sua alta elasticidade e resistência mecânica é o TN2006, com excelente desempenho em filmes para paletização, empregando o sistema stretch hood.

TSONG CHERNG

Presente há quase vinte anos no mercado brasileiro, a empresa, localizada em São Bernardo do Campo-SP, exporá diversas novidades na feira, como uma máquina injetora hidráulica, acionada por servomotor, capaz de reduzir o consumo de energia em 75% e o nível de ruído em 30%, além de gerar economia de água de 60%. O modelo também tem como benefício o aumento da velocidade e da precisão no processo de injeção, com sistema em malha fechada. Outra novidade será a série de injetoras totalmente elétricas. Esses modelos apresentam economia de energia de 90%, alto nível de velocidade, precisão e repetibilidade. São indicados para injetar peças técnicas e ambientes de sala limpa, pois não requerem o uso de óleo hidráulico e água. Além dos lançamentos, a empresa mostrará linhas de máquina e de molde para injeção de pré-forma de PET.

UNIGEL

A linha de chapas acrílicas cell cast será um dos lançamentos. As chapas atendem aos mais exigentes parâmetros de performance nos processos de termoformagem de banheiras e spas. A empresa lançará também sua linha de filmes de PC (PCLight Films) para aplicações na indústria automotiva e na eletroeletrônica, e a linha de resina de PC retardante de chama, com aditivos não-halogenados, e um novo policarbonato com baixíssimos níveis de solvente residual e de acidez e reduzida geração de gases durante a moldagem. A companhia divulgará ainda uma linha de chapas acrílicas extrudadas de alta resistência ao impacto e à radiação UV, além de mostrar o complemento da linha de blendas de PC/ABS para os setores automotivo e eletroeletrônico, e o lançamento da blenda especial PMMA/ABS.

UNIMIN

Partindo de reservas minerais próprias, de elevada pureza química, os carbonatos de cálcio precipitados da linha Hiwhite produzidos pela empresa são sintetizados para produzir cargas minerais funcionais para os setores de plásticos e de borrachas. Em destaque na feira, esses carbonatos são amplamente empregados para melhorar as características das superfícies dos compostos, como brilho, acabamentos lisos, alvura e manutenção das cores. O controle rígido da distribuição granulométrica de suas partículas e sua inércia química fazem com que o produto possa ser incorporado facilmente às formulações, mantendo a reologia adequada durante os processos de transformação.

UNIPAR

A Unipar Comercial enfatizará sua experiência adquirida em 32 anos na distribuição de produtos químicos e plásticos em todo o território nacional, com certificações ISO, OHSAS e Prodir. Na ocasião, apresentará sua ampla linha de produtos da petroquímica Quattor, como PEBD, PEAD, PEBD-L, PP, EVA e lineares metalocênicos; da Innova, o PS, e da Unilene, as resinas hidrocarbônicas.

UNIPLAST

A especialidade da empresa é desenvolver e produzir perfis termoplásticos para as mais variadas aplicações. Ao longo de mais de vinte anos exclusivamente dedicados ao ramo da extrusão de termoplásticos, fabrica em parceria com clientes e fornecedores perfis rígidos e flexíveis em vários tamanhos, formatos, cores e texturas, podendo também realizar operações de serigrafia, tampografia, hot stamping, soldagens, estampagens, furações e fresagens.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
UTZ mostra rebobinadeira completa

UTZ

A empresa de Novo Hamburgo-RS apresentará diversos equipamentos, entre os quais a linha de picotadeiras, com destaque para máquina de fabricação de sacos picotados em rolo, com tubetes, com ou sem dobra fundo-estrela, e troca automática. Da mesma linha, exibirá equipamento para fabricação de sacos de lixo, picotados, sem tubetes e com troca automática. De acordo com a expositora, a linha se caracteriza pela alta produtividade.

O estande ainda contará com equipamento que atende a diversas linhas de corte e rebobinamento de uma série de materiais (PP, PET, BOPP, laminados etc.), projetado de acordo com as necessidades do cliente.

Trata-se do modelo RE Standard Plus, composto por uma rebobinadeira completa, com sistema de corte por faca fixa e rotativa, levante automático de bobina-mãe, porta basculante para retirada de bobinas e ajuste rápido para nova produção.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Máquina da Vacuum faz 26 ciclos por minuto

VACUUM MACHINE

A empresa exibirá equipamento modelo VMCO6580 destinado à produção de peças em vacuum forming, blisters, estojos, bandejas e outros produtos bobinados. A máquina dispõe de 820 mm x 650 mm de área máxima de moldagem (a mínima é de 300 mm x 300 mm), altura e profundidade máxima de moldagem de 140 mm, passos mínimo e máximo do filme de 300 mm a 820 mm e capacidade de 40 m³/hora na bomba de vácuo. A produção pode chegar até 26 ciclos por minuto, de acordo com o tipo de matéria-prima e condições do molde.

VALENTE MOAGEM

A Brasilplast será palco para a companhia divulgar os serviços que presta para empresas de transformação de plástico, na área de sopro, injeção, extrusão e rotomoldagem, entre outros, e no segmento de moagem de termoplásticos. Destaques para a granulação de PP e PE, com aplicação em masterbatch e aditivos, e a micronização de PE, PVC, PS, PET e ABS. O diferencial da Valente Moagem se dá no uso de tecnologias avançadas e no fato de contar com um moderno laboratório para controle de qualidade e análises de acordo com as especificações técnicas do cliente.

VEMAX

Lançada recentemente, a rebobinadeira VRXS será uma das principais atrações do estande. O equipamento dispõe de eixos diferenciais de segunda geração, controlador lógico programável (CLP), IHM touch screen de sete polegadas colorido, controladores de tensão automáticos, sistema Venturi de eliminação de refile, alinhador eletrônico com fotocélula e motor de passo e largura útil customizada. Outra novidade da empresa será a revisora VRR V-350, desenhada para o mercado de rótulos e etiquetas. O equipamento é compatível com os modernos equipamentos de gerenciamento de impressão disponíveis no mercado mundial, além de contar com controle de tensão automático, IHM touch screen com memória para armazenamento de receitas, sistema de corte rotativo, sensores para contagem de etiquetas e rótulos e parada automática na falta destes.

VITOPEL

A mostra será palco para o lançamento oficial do papel sintético produzido de material plástico descartado pós-consumo pela Vitopel, maior companhia latino-americana e terceira no mundo na produção de filmes flexíveis biorientados. O produto utiliza a tecnologia dos filmes de BOPP, com diferentes tipos de polímeros em sua composição. O resultado é um material resistente, similar ao papel cuchê, que permite escrita manual com canetas esferográficas, canetas de ponta porosa ou lápis, e impressão pelos processos gráficos editoriais usuais. O diferencial se refere à inovação, pois não há outra tecnologia desenvolvida para usar diferentes plásticos reciclados, como PP, PE e EVA, na composição do papel sintético.

O projeto, que levou cerca de três anos para ser desenvolvido, é resultado dos esforços da Vitopel e do Departamento de Engenharia de Materiais da Universidade Federal de São Carlos. Os pesquisadores desenvolveram as formulações, contendo o material plástico descartado pós-consumo, e a Vitopel, além de fornecer a matéria-prima para o desenvolvimento, aprimorou as formulações originais e agregou a tecnologia de filmes multicamadas. A parceria conta ainda com o aporte da Fapesp.

VITRA

Sediada em Montenegro-RS, a expositora fará a divulgação institucional da empresa e de seus produtos. Não irá expor o maquinário por falta de espaço. No entanto, falará de sua vedete, a JD-54VE, modelo três em um, de corte e costura automática para sacos de ráfia acoplada a um módulo valvulador semiautomático. A máquina possui capacidade para cortar, costurar e valvular até 33 sacos de ráfia por minuto. Vem com duas máquinas de costura acopladas, uma direita e outra esquerda, e pesa cerca de duas toneladas. A empresa também oferece máquinas de corte e costura automáticas, de corte, de corte de big-bag, valvuladeira e avisa que para o segundo semestre aceitará encomendas de impressoras flexográficas, de quatro e seis cores.

VOMM

A empresa estará no estande da ICE, onde apresentará o Turbo Dryer Móvel, sistema Vomm, que pode ser deslocado com facilidade até a indústria de plásticos, geradora de material hidratado, e iniciar a operação em poucas horas. Caracterizada pelo reduzido gasto energético, a unidade móvel é vendida como a solução ideal para a moderna indústria de plástico reciclado, que tem dificuldades com a presença da água pós-lavagem. A Turbo Tecnologia Voom soluciona problemas de secagem mais complexos, comuns nas indústrias de processamento de plásticos, virgens ou reciclados.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Walmak apresenta nova flexográfica

WALMAK

O lançamento será uma impressora flexográfica banda média, oito cores. A máquina possui tambor central refrigerado, diâmetro de 1.600 mm, engrenamento externo, calandra eletrônica refrigerada, no sistema mestre-seguidor, desbobinador duplo com freio automático e controle de tensão por célula de carga, rebobinador duplo com motor de corrente contínua e controle de tensão automático por PLC, além de outras características, como doctor blade de troca rápida, motobombas elétricas, com filtro magnético, abertura de estufa pneumática e rolo banana de entrada e saída.

A companhia também mostrará seu novo modelo de impressora flexográfica Superflex WK-CN. A novidade dispõe de toda a tecnologia em automação do grupo impressor e é totalmente operada por um PLC central touch screen 10” e assistência técnica remota por meio de modem.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Robô da Wittmann incorpora novo Teach Box R8

WITTMANN

Entre os diversos equipamentos em exposição no seu estande, a empresa destacará alguns lançamentos: o robô cartesiano da Série 8, alimentadores a vácuo e desumidificadores de resina. Os robôs servocontrolados da nova série 8 incorporam o novo Teach Box R8 (pendente) e acionamento por toque na tela (touch screen). O novo software do produto permite criar ilimitados números de programas, com sub-rotinas que atendem a todos os níveis de programação, desde uma simples operação de remoção da peça injetada até as operações mais complexas, por meio de comandos e gerenciamentos de vários periféricos (dispositivos, esteiras, tesouras etc.). Esses programas podem ser armazenados em pen drives, por meio da porta USB. O controle R8 oferece diversas funções tais como: cálculo automático da velocidade dos eixos fora do molde em função do ciclo de injeção, evitando desgaste prematuro dos componentes; permite ajuste do limite de monitoramento do circuito de vácuo diretamente no painel de controle; possibilita o início da aceleração do eixo vertical durante o movimento de abertura da injetora; pode criar virtualmente a área de segurança de movimentação dos eixos, evitando que em eventuais erros de operação os eixos se choquem com partes da injetora; e função que economiza até 10% o tempo do eixo vertical dentro do molde, por meio da otimização do percurso entre dois pontos pré-programados dos eixos.

Da linha de alimentadores para central de alimentação, ou estações individuais, o principal modelo será o Feedmax BS (B) 206, construído com aço inox, capacidade para seis litros (também existem opções para 10, 15, ou 25 litros) e controle incorporado para uso em estação individual. Entre as principais características, o fabricante destaca novo design que permite a abertura sem o uso de ferramentas, facilitando a limpeza e manutenção em locais de difícil acesso; filtro metálico incorporado à tampa, fechamento da câmara de vácuo por acionamento pneumático por meio de um “sino”, o que proporciona perfeita vedação e possibilita o seu uso em salas limpas, pois não há interferência da pressão externa para o descarregamento; conexões intercambiáveis para as mangueiras, que permitem a troca dos diâmetros-padrão em um mesmo equipamento; além de válvula proporcional para mistura e para material abrasivo (opcional).

A linha de desumidificadores compactos, portáteis e integrados a alimentadores, que carregam o silo e a injetora, tem no ED80-200-PDC o seu principal modelo. O equipamento possui gerador com dupla câmara de desumidificação e tem capacidade máxima de 80 m³/h de ar seco, com função automática de ajuste do fluxo (40 ou 80 m³/h) em razão do consumo de material, sinônimo de economia de energia elétrica em caso de subutilização do equipamento. O silo isolado é de 200 litros (mas existem outras opções). Os modelos dessa linha possuem como funções: evitar o excesso de carga térmica e deterioração do material dentro do silo; proteção do circuito de regeneração contra excesso de carga térmica, reduzindo o consumo de energia elétrica; e timer para sete dias.

Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*
Zara destaca redutor italiano

ZARA

Representante e distribuidora dos redutores Zambello, renomada marca italiana, a expositora levará para a feira redutores para acionamento de extrusoras dupla-rosca corrotante (roscas de 26 mm a 133 mm, potências de 18 kW a 2.800 kW, e velocidade da rosca de 300 a 1.200 r.p.m.) e contrarrotante (roscas de 55 mm a 160 mm, potências de 13 kW a 331 kW, com velocidade de rosca de 50 r.p.m).

ZUMBACH

Várias novidades em produtos para medições e controle de qualidade poderão ser conferidos nesse estande. Entre eles: Usys multitarefas, sistemas Odac para aplicações multifacetadas, medidores Odex, de excentricidade e concentricidade e medidores de diâmetros de cabos, incluindo sistema Rayex, baseado em tomografia de raios x, para medições de espessura de parede durante o processo de extrusão. O público ainda poderá conhecer o sistema Capac para medições, o processador de dados Wallmaster, ultrassônico e com monitor colorido, e Profilmaster, desenvolvido para medições precisas in-line de perfis.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios