Máquinas e Equipamentos

Parceria binacional para reforçar extrusão de tubos

Marcelo Fairbanks
21 de agosto de 2014
    -(reset)+

    Nessa área, a Amut atua em uma grande operação em Buenos Aires, na Argentina, para reciclar lixo urbano. Nesse projeto, foi instalado um equipamento capaz de separar do lixo orgânico (enviado depois para aterros sanitários) materiais úteis como papel e papelão, plásticos, vidro, metais e madeira. Os plásticos passam por outra etapa, na qual um equipamento específico consegue separar peças injetadas ou sopradas dos filmes, facilitando as operações subsequentes. “Podemos separar os plásticos até pela sua cor, temos um equipamento que retira sozinho os rótulos das embalagens”, afirmou Milani, considerando a portfólio da Amut.

    A empresa italiana se apresenta como fornecedora de sistemas de alta trecnologia, incluindo multicamadas, diâmetros amplos, revestimento para tubos metálicos, e processamento de plásticos especiais, como TPU e PVDF. A Amut faturou 42 milhões de euros em 2013 e tem a expectativa de chegar a 65 milhões de euros em 2014.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *