Notícias

Notícias – Tubos de PVC têm tecnologia inédita

Rose de Moraes
23 de outubro de 2009
    -(reset)+

    Disponíveis nas bitolas de 200 mm, 250 mm, 300 mm, 350 mm e 400 mm, os tubos corrugados, pertencentes à linha Vinilfort Ultra, atendem às resoluções da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), NBR 7362:2005.

    “Na realidade, até 2009, apenas fornecíamos ao mercado tubos Vinilfort Ultra de 150 mm, mas resolvemos a partir deste ano expandir e tornar a linha de corrugados bem mais completa, oferecendo as novas opções em diâmetros”, informou José Luiz Gallardo Delgado, engenheiro de assistência técnica da Tigre.

    Além de contar com elevada classe de rigidez (5.000 Pa) por conta da configuração corrugada das paredes externas, esse tipo de tubo apresenta maior leveza, alto desempenho hidráulico por ter a superfície interna lisa, e alta estanqueidade assegurada por juntas elásticas, não sofrendo ataques de bolores e gases, como gás sulfídrico, existentes em esgotos sanitários, podendo ainda contar com aplicações em ligações prediais, sistemas condominiais, interceptores e estações de tratamento de esgotos.

    A Tigre também destacou na XX Fenasan novo dispositivo de medição, projetado para o maior controle do desperdício de água e inviolabilidade dos ramais prediais. Trata-se de kit de tubos de PVC pigmentado na cor azul para a instalação em hidrômetros em ligações prediais. Com bitola correspondente a 20 mm (DN 20 x ¾¨), e suportando pressões de serviço de 1 MPa, ou seja, o dobro da pressão em geral especificada por órgãos como a Sabesp (0,2 MPa até 0,5 MPa), o novo dispositivo em conjunto com o hidrômetro é inserido dentro de caixa de proteção especial, também conferida na exposição, no estande da Plastimax, transformadora de Barueri-SP, que já vem fabricando essas caixas com policarbonato cristal e pigmentado, para hidrômetros com vazões de 1,5 m3/h e 3 m3/h, oferecendo garantia de cinco anos para os produtos.

    Novos reservatórios de PRFV – A Mizumo, unidade de negócios pertencente ao grupo Jacto, lançou na feira reservatórios verticais para água potável, águas para reúso e também produtos químicos com pH ácido ou básico. Disponíveis nos diâmetros de 2,5 m e 3,2 m, comportam volumes até 50 m³, correspondentes a 50 mil litros. Fabricados com plástico reforçado com fibras de vidro (PRFV), atendem à norma da ABNT, NBR 14799/02, que estabelece os requisitos para reservatórios poliolefínicos para instalação em residências, edifícios, estabelecimentos comerciais, indústrias, hospitais e escolas, podendo também ser utilizados na agricultura, na piscicultura, ou em outras aplicações envolvendo o acondicionamento de água potável, apresentando conformidade também com as normas NBR 14800/02 e NBR 7675/05.

    A Tecniplas destacou a recente conquista da conformidade de tubos para saneamento de PRFV, de acordo com a NBR 15536. Resistentes à corrosão galvânica e química, os tubos de PRFV da Tecniplas, fabricados em diâmetros de 300 mm até 700 mm e com classes de pressão de 1 MPa a 2,5 MPa, são especialmente indicados para instalações de esgotos e efluentes agressivos, podendo ser selecionados quanto ao grau de resistência química desejado para cada tipo de aplicação, envolvendo, por exemplo, a adição de químicos como sulfato de alumínio, carvão aditivado e hipoclorito de sódio.

    Leia também:



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *