A Revista Plástico Moderno nos Apoiou e nos Apoia no Esclarecimento sobre os Mitos e Fatos sobre os Plásticos

Plastivida: Estamos muito honrados por fazer parte desta edição comemorativa dos 50 anos da revista Plástico Moderno, uma publicação de imensa importância na promoção de informações técnicas e científicas sobre os plásticos.

Tantas vezes nos comunicamos por meio destas páginas, levando ao setor e além dele informações sobre as qualidades e os benefícios dos plásticos na vida das pessoas. Da mesma forma, a revista nos apoiou e nos apoia no esclarecimento sobre os mitos e fatos sobre os plásticos e na disseminação das boas práticas de consumo e de descarte, que inserem esses produtos na Economia Circular, beneficiando a população, a economia e o meio ambiente.

Ao longo dos anos, insistimos em fazer do diálogo e da Educação Ambiental um braço transversal a todos os pilares da Plastivida e acreditamos que são as principais ferramentas para a transformação da relação da sociedade com os plásticos. Nessa jornada, a revista nos apoiou em diversos momentos.

Por meio dela, levamos ao conhecimento público os incontáveis cursos, oficinas, palestras e eventos que desenvolvemos, com o objetivo de levar informação técnica e científica aos públicos diversos; indústria, varejo, poder público, academia e sociedade de forma geral.

Os leitores da Plástico Moderno testemunharam o processo de transformação da relação de crianças, de seus familiares e de seus professores com os plásticos, em diferentes ações que realizamos pelo Brasil, como o Projeto Educação Ambiental e Reciclagem dos Plásticos nos CEUs – Centros de Educação Unificada (SP) e o Plástico do Bem (RS), ambos de grande impacto social.

Também puderam acompanhar o trabalho de fomento ao consumo e descarte adequados de sacolas plásticas nos anos em que desenvolvemos e implementamos o Programa de Qualidade e Consumo Responsável de Sacolas Plásticas e a Escola de Consumo Responsável, que promoveram a redução de mais de 30% no desperdício desses produtos no país, sempre com base na informação técnica e científica.

Plástico Moderno - Xarope de Fake News - Plastivida ©QD Foto: Divulgação
Miguel Bahiense é graduado em Engª Química (UFRJ), pós-graduado em Comunicação Empresarial (FAAP/SP) e é presidente da Plastivida – Instituto Socioambiental dos Plásticos.

Nos mesmos moldes, acompanharam a batalha que travamos contra o banimento de plásticos de uso único e os prejuízos que esse tipo de decisão traz à sociedade e ao meio ambiente.

A Plástico Moderno também teve oportunidades de registrar o trabalho realizado pela Plastivida no fomento de melhorias na gestão dos resíduos urbanos dos municípios brasileiros.

Nesse sentido, a entidade sempre observou os índices de reciclagem de plásticos no Brasil, para que pudesse alertar sobre a importância social, econômica e ambiental da coleta seletiva e da reciclagem.

Nossa atuação, em conjunto com outras entidades, na implementação da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), por meio do Acordo Setorial de Embalagens, também foi pauta da publicação.

A revista nos abriu espaço para alertarmos sobre a importância de se ter um olhar mais atento ao EPS, Poliestireno Expandido, mais conhecido pela marca comercial Isopor®, por sua importância em diversos setores e por sua reciclabilidade.

As ações do Comitê de EPS Plastivida, formado em 2015 para promover as informações técnicas sobre o produto e sua reciclabilidade, não passaram despercebidas pela publicação.

Por fim, a Plástico Moderno acompanhou a trajetória da Plastivida nos trabalhos voltados para o combate ao lixo plástico nos mares desde 2011, quando foi criado o Compromisso de Honolulu para discutir a questão em nível global e a Plastivida se tornou signatária da Declaração Global Conjunta da Indústria dos Plásticos, em seguida firmando parceria com o Instituto Oceanográfico da USP (IOUSP) para compreender e endereçar o tema no Brasil, a partir da formação do Fórum Setorial dos Plásticos Por Um Mar Limpo.

Mais recentemente, a revista noticiou o destaque positivo do setor brasileiro dos plásticos nas ações para zerar a perda de pellets para os oceanos.

Como licenciadora do Programa Internacional Operation Clean Sweep (OCS®) no âmbito do Fórum, a Plastivida deu início ao processo de implantação do Programa Pellets Zero – OCS® e, em seis meses de atuação, conta com 23 empresas orientadas e certificadas, sendo que uma delas já atingiu a certificação máxima, OCS® Blue, o mais alto da certificação.

Hoje, mais do que nunca, reforçamos a importância da informação técnica acima dos “achismos” ou “modismos”, para que possamos nos tornar efetivamente sustentáveis.

Nesse sentido, a importância de publicações como a Plástico Moderno é ainda mais ressaltada pelo apoio aos trabalhos de transformação da relação da sociedade com os plásticos.

Os nossos parabéns a toda a equipe da Plástico Moderno!

Miguel Bahiense é graduado em Engª Química (UFRJ), pós-graduado em Comunicação Empresarial (FAAP/SP) e é presidente da Plastivida – Instituto Socioambiental dos Plásticos.

Plástico Moderno -

PLASTIVIDA

Plastivida – Desde a sua invenção, os plásticos são um avanço para a sociedade. Mas além das suas funções e vantagens inquestionáveis, estamos aqui para iniciar uma nova fase da relação dos plásticos com a sociedade.

Uma relação mais racional no consumo e mais responsável no descarte; para o nosso bem e o bem do planeta.
Mais informações: http://www.plastivida.org.br/

Leia mais:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios