Braskem ampliará a capacidade produtiva de biopolímeros

Investimentos da Braskem ampliará a capacidade produtiva de biopolímeros até 2022, reforçando sua liderança mundial no mercado

Plástico Moderno - Investimentos da Braskem ampliará a capacidade produtiva ©QD Foto: iStockPhoto

Muito se fala sobre políticas socioambientais. Isso porque grande parte da avaliação do desenvolvimento econômico dos países leva em conta o impacto causado, tanto no meio ambiente como na sociedade, o que torna do o assunto um tema central de discussão no mundo inteiro.

A Braskem é referência em desenvolvimento sustentável e química verde e, por isso, está sempre em busca de novas ações e estratégias que ampliem sua influência positiva e diminuam o seu impacto ambiental.

Desde 2007, quando anunciou esforços em prol do desenvolvimento de eteno verde, monômero fabricado a partir do etanol da cana-de-açúcar e base para a produção de biopolímeros, a Braskem vem pesquisando, desenvolvendo e lançando produtos à base de matéria-prima renovável.

Foi desse constante investimento em pesquisa e desenvolvimento que nasceu, em 2010, a marca I´m green™, que identifica a linha de biopolímeros da Braskem.

O polietileno renovável foi o primeiro produto do portfólio, reforçado em 2018 com o lançamento do EVA renovável.

Sempre alinhado com o compromisso com a economia circular de carbono neutro, o portfólio I’m green™ engloba inúmeros produtos voltados ao tema, que contando com soluções renováveis, por meio da marca I’m green™ bio-based, soluções recicladas, identificadas como I’m green™ recycled, e ainda as renováveis e recicladas, posicionada como I’m green™ bio-based & recycled.

Disponíveis ao mercado em uma variação robusta de grades, o portfólio atende a uma série de aplicações e se faz presente em itens como embalagens, tampas, calçados, mobília, filmes, entre outros que são produzidos com a mais alta qualidade e tecnologia.

Crescimento na produção de biopolímeros será de 30% ao ano

 

A capacidade de produção anual da linha I’m green™ bio-based atualmente é de 200 mil toneladas, mas com os recentes investimentos, a Braskem vai ultrapassar as 260 mil toneladas/ano a partir de 2021.

A companhia vê essa expansão como mais uma importante iniciativa em sua busca para alcançar seu principal compromisso: neutralizar suas emissões de carbono até 2050.

O investimento e o aumento da eficiência nos processos de produção colaboram para a redução da emissão dos gases causadores do efeito estufa, já que o produto captura e fixa gás carbônico da atmosfera durante a sua produção.

Além disso, a ampliação da fábrica, localizada em Triunfo (RS), consolida a posição de liderança mundial da Braskem na produção de biopolímeros.

Essa unidade também é a responsável por, no decorrer dessa última década, evitar a emissão de mais de 5,54 milhões de toneladas de CO₂ na atmosfera, através das soluções I’m green™ da Braskem.

Essas soluções inovadoras, além de atraírem a atenção de incontáveis empresas em todo o mundo e serem utilizadas por centenas de marcas, ainda estão alinhadas com o que se espera para um futuro mais sustentável, hoje e para as próximas gerações.

 

 

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios