Gigantes da Cadeia Mundial do Plástico Redefinem a Área de Equipamentos e Máquinas Para Processamento de Resinas

Pesos Pesados da Cadeia Mundial do Plástico

O grande movimento de rearranjo da cadeia mundial do plástico bateu às portas das indústrias de máquinas e equipamentos para processamento das resinas.

Vários fabricantes de peso anunciam medidas que prometem chacoalhar o mercado global.

KraussMaffei e Toshiba

As primeiras notícias vieram da KraussMaffei e da Toshiba, que decidiram juntar forças e formalizaram um acordo de cooperação para desenvolver projetos conjuntos. Os parceiros apostam nas inovações para suprir as expectativas da transformação perante as novas exigências do mercado globalizado.

Ambas as companhias declaram a intenção de colaboração estreita, em âmbito mundial, e integração entre o que de melhor cada uma oferece nos vários campos de atuação.

Os primeiros frutos dessa união devem chegar ao mercado ainda em 2008.

A KraussMaffei acumula cerca de cem anos de experiência no desenvolvimento de máquinas para plástico e borracha e se proclama líder mundial em vendas desses equipamentos.

As soluções oferecidas pela companhia incluem projetos especiais e sistemas turnkey.

A Toshiba informa dominar a fabricação de equipamentos industriais, nos quais se insere uma ampla variedade de injetoras, extrusoras, máquinas com cabeçotes planos e robôs, entre outros.

Cadeia Mundial do Plástico: Demag Plastics Group e Sumitomo

Mais um acordo, assinado no início de fevereiro deste ano, transfere a Demag Plastics Group, com mais de cinqüenta anos na área e uma das pioneiras na indústria européia de injeção para plástico, para as mãos do grupo japonês Sumitomo.

Ainda mais antigo, com 120 anos de existência, este ocupa posição entre os líderes na fabricação de injetoras na Ásia e é mundialmente renomado no campo da injeção elétrica.

A intenção dos grupos é oferecer injetoras elétricas, hidráulicas e híbridas oriundas de uma só plataforma, bem como disponibilizar soluções completas, com automação integrada.

O Sumitomo planeja promover a sinergia entre as empresas, mantendo-as no âmbito de parceria, e investir nos pontos fortes de cada uma.

Mercado Global de Plásticos: Battenfeld e Wittmann

A notícia mais recente envolve a tradicional fabricante de injetoras Battenfeld, sediada na Áustria, onde mantém sua unidade fabril.

Insolvente, a empresa fechou as portas de sua fábrica e de suas subsidiárias espalhadas pelo mundo em 31 de março deste ano.

Em primeiro de abril, o também grupo austríaco Wittmann, sediado em Viena, assumiu os negócios, ainda sujeitos às leis antitruste.

Reconhecida mundialmente no campo dos periféricos para equipamentos processadores de plástico, em particular os manipuladores, a Wittmann tomou uma decisão estratégica ao incorporar a Battenfeld.

Juntas, constituem a primeira empresa em âmbito global capaz de oferecer células produtivas completas para injeção de plásticos, com a integração de máquinas e periféricos.

A união das empresas, contudo, não levará à fusão delas. Ambas continuarão a negociar seus produtos e serviços separadamente no mercado mundial, mas com atuação conjunta, oferecendo sistemas de moldagem integrados.

De acordo com o diretor-geral da Wittmann, Michael Wittmann, as empresas possuem bases de clientes semelhantes, possibilitando maior oportunidade de desenvolver novas sinergias e tornar os negócios mais eficientes, além de facilitar e aprimorar produções in house.

As linhas de produtos de cada empresa serão mantidas, porém complementares entre si.

A Wittmann planeja incorporar seus periféricos, em particular as linhas de robôs, ao portfólio da Battenfeld, sob a marca Wittmann Battenfeld. “Ambas oferecerão soluções integradas aos clientes que requisitarem pacotes completos”, explica o diretor-geral.

Ele informa que o corpo diretivo da fabricante de injetoras será mantido, pois considera seus membros um dos maiores ativos da empresa.

No Brasil, ambas as companhias atuarão lado a lado, com a oferta ao mercado doméstico dos pacotes completos, com a inclusão dos periféricos desenvolvidos pela Wittmann.

Na visão de seu diretor-geral, a principal vantagem para os clientes é encontrar em um só fornecedor os equipamentos e serviços necessários a todas as operações da injeção de plástico.

Do ponto de vista estratégico, a aquisição da Battenfeld abre à Wittmann caminhos para se tornar uma das líderes mundiais do setor.

A presença, agora de ambas, em diferentes países nos quais, até então, a fabricante de periféricos não participava, a habilita a penetrar em novas regiões e incrementar as vendas.

A Wittmann iniciou suas atividades há trinta anos. No mercado brasileiro desde 2000, atua com vendas e assistência técnica, em subsidiária instalada em Campinas-SP.

No ano passado, registrou um dos melhores faturamentos globais de sua história: 135 milhões de euros. Presente em 15 países, a empresa possui centros de excelência na Áustria, China, Canadá, Hungria, Alemanha, França e Estados Unidos.

A fabricante de periféricos oferece um cardápio variado, com sistemas centrais de alimentação, granuladores, controladores de temperatura, rotâmetros, dosadores, secadores, sistemas de aplicação in mold labeling (IML) e moldes para a produção de peças com paredes finas, além de seu carro-chefe: os robôs.

Só destes últimos, comercializou, no ano passado, mais de 3 mil unidades, dos diversos modelos.

A Battenfeld fabrica uma extensa gama de injetoras:

Injetoras hidráulicas, com sistemas de joelhos, elétricas, verticais, multicomponentes e injeção a gás.

O maior modelo, pertencente à série hidráulica, dispõe de 1.300 toneladas de força de fechamento. A menor, de 30 t, é elétrica.

A fabricante de injetoras está presente em 16 países e ainda possui representação em mais de 50 nações.

No Brasil, conta com uma subsidiária, em Osasco-SP. Seu faturamento, em 2007, alcançou 115 milhões de euros.

A transação comercial envolve os ativos da Battenfeld, o corpo de funcionários e a divisão de serviços da Áustria, bem como as operações de venda e organização de serviços em todo o mundo e a divisão de serviços independente na Alemanha.

Também estão incluídas as patentes e a carteira de clientes da empresa.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios