PubliEditorial

Filamentos Compósitos – Um novo conceito em materiais de alta performance para impressão 3D

Plastico Moderno
12 de abril de 2021
    -(reset)+

    Outro aspecto a ser levado em conta é o efeito abrasivo das fibras. O uso de fibras de carbono, e especialmente de vidro, pode resultar em um desgaste considerável do nozzle (bico de impressão) em um período curto. Por isso, quando se imprime com filamentos de materiais compósitos, é recomendado sempre trabalhar com o nozzle de um material resistente à abrasão, como aço endurecido, carbeto de tungstênio ou rubi.

    Figura 8: Nozzle com ponteira em Rubi - Material resistente ao desgaste por abrasão, indicado para a impressão de filamentos compósitos. Fonte: ALL3DP.

    Figura 8: Nozzle com ponteira em Rubi – Material resistente ao desgaste por abrasão, indicado para a impressão de filamentos compósitos. Fonte: ALL3DP.

    Portfolio de filamentos compósitos

    Comprometida com o desenvolvimento da manufatura aditiva a nível industrial, a BASF 3D Printing Solutions GmbH desenvolveu diferentes grades de filamentos compósitos, que atendem demandas extremamente exigentes e permitem que o usuário explore por completo o potencial da impressão 3D.

    Confira abaixo algumas características dos materiais compósitos da linha Ultrafuse®:

    Ultrafuse® PET CF15: 

    Ultrafuse® PET CF 15 contém 15% de fibra de carbono e foi desenvolvido para que o usuário da impressão 3D produza peças completamente funcionais. Sua elevada estabilidade dimensional e baixíssima absorção de umidade tornam ele um material ideal para aplicações em contato com água. Ultrafuse® PET CF 15 combina resistência a altas temperaturas, resistência à tração e elevada rigidez, tudo isso mantendo as características do PET puro, como facilidade de impressão, excelente adesão entre camadas e acabamento superficial.

    • Mais fácil processamento entre os filamentos compósitos
    • Baixíssima absorção de umidade
    • Elevada rigidez e resistência à tração
    • Custo extremamente acessível
    Figura 9: Ultrafuse® PET CF15

    Figura 9: Ultrafuse® PET CF15

    Ultrafuse® PAHT CF15:

    A Poliamida de alta temperatura reforçada com 15% de fibra de carbono combina resistência química e a altas temperaturas com propriedades mecânicas extremas. É um material sofisticado que abre novas possibilidades no campo da impressão 3D. A poliamida, classe à qual o nylon pertence, é um termoplástico que possui ampla aplicação no setor automotivo, peças expostas ao calor, proteção de equipamentos eletrônicos e ambientes industriais exigentes.

    O grade utilizado para a produção deste filamento possui maior resistência química que a grande maioria das poliamidas, além de uma maior estabilidade dimensional. A combinação com fibras de carbono no Ultrafuse PAHT CF15 faz com que o material:

    • Excelente resistência à tração e rigidez – Maior entre os compósitos
    • Resistência a temperaturas de até 150°C, com picos temporários de até 180°C valores extremamente significantes para um polímero!
    • Pode ser combinado com o filamento de suporte solúvel em água para produção de peças com geometrias complexas – Ultrafuse® BVOH.


    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *