Ferramentaria Moderna

Ferramentaria moderna – notícias: Verticalizados reforçam o setor

Jose Paulo Sant Anna
31 de janeiro de 2014
    -(reset)+

    Plástico Moderno, Shen comemora os ótimos resultados obtidos neste ano

    Shen comemora os ótimos resultados obtidos neste ano

    Nem todas as ferramentarias têm a missão de prestar serviços para terceiros. Muitos transformadores optam por verticalizar suas operações e produzir internamente as matrizes das peças plásticas a serem fabricadas pela empresa. Tais ferramentarias, não raro, são muito bem equipadas e representam nicho de mercado importante para os fornecedores do setor.

    “Os transformadores tiveram um ano bom e nos ajudaram a vender”, atesta Wilson Teixeira, diretor técnico da Tecnoserv, fornecedora de porta-moldes, câmaras quentes e outros produtos para empresas do ramo. O mesmo diz Claudir Sandro Mori, gerente comercial da Três-S, fabricante de porta-moldes e outros itens
    padronizados.

    Uma empresa que se encaixa nesse perfil é a gaúcha NTC, cujo foco de atuação é o desenvolvimento e a fabricação de itens de plástico. O carro-chefe da empresa é a injeção de peças técnicas para a indústria automotiva. Também atende as montadoras de ônibus e caminhões, a indústria náutica, a de eletroeletrônicos e as relacionadas com a suinocultura. A empresa possui duas plantas, uma no Rio Grande do Sul e outra em Mato Grosso do Sul.

    O desempenho da empresa foi bastante positivo em 2012. “Crescemos 50%”, informa o diretor Bernardo Shen. O profissional explica os bons resultados. “O mercado se movimentou em busca de inovação e, ao mesmo tempo, por custos mais competitivos de produção.” O cenário colaborou com o projeto de novas peças e seus respectivos moldes.

    Dentro dos padrões de atuação da NTC, contar com ferramentaria própria é uma diretriz valiosa. “Ela permite constantes desenvolvimentos de produtos e tem capacidade para gerar novos negócios. É essencial para a sobrevivência da empresa.” Para se ter uma ideia dessa importância, Shen credita ao desempenho da ferramentaria o fato de a empresa alcançar 75% dos objetivos e projeções de injeção em 2013. A divisão conta com 25 profissionais especializados no projeto e na construção dos moldes de injeção e trabalha com prestadores de serviços externos quando necessário.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *