Feiras e Eventos

Feira entra na onda da economia circular – Prévia K 2019

Marcelo Furtado
14 de outubro de 2019
    -(reset)+

    eficiência na autorregularão. Além disso, houve melhorias na função AIPC (Automatic Injection Pressure Control – Controle Automático da Pressão de Injeção), para garantir o menor custo de produção das pré-formas. A Piovan também destaca o novo misturador gravimétrico da linha GDS, da FDM, empresa do grupo com sede na Alemanha, e o Vakupulse, da Penta, sistema para transporte de matérias-primas delicadas em fase densa, a baixas velocidade e vazões, em curtas distâncias e, da Aquatech, uma unidade de controle de temperatura para moldes, da linha Easytherm.

    REYLON

    Plástico Moderno - Feira entra na onda da economia circular - K 2019

    A empresa especializada em tratamento de plasma a frio destaca parceria com mais duas empresas: a francesa STTS, da área de tratamento de superfície, e a alemã Ulbrich, de automação. A ideia é criar uma solução conjunta para linhas de tratamento de superfícies plásticas. A solução de plasma visa atender as demandas de ativação de superfície de plásticos e borrachas, para tornar os materiais mais propensos por exemplo a colagem com outros tipos de materiais, como vidro, utilizando-se de adesivos de epóxi. Outro campo de aplicação do plasma é para a impressão 3D, na qual a tecnologia permite que partes individuais em 3D sejam mais bem aderidas a outras. A parceria com as empresas, segundo o comunicado da Reylon, permitirá um serviço one-stop-shop em que será possível se aproveitar do know-how de tratamento corona da STTS, mais voltado para melhorar aderência em paredes finas de plásticos, e de robotização dos sistemas de tratamento pela Ulbrich.

    SOLVAY

    A Solvay apresentará pela primeira vez na K 2019 um novo polímero da sua linha de polieteretercetona (PEEK), de alta temperatura. Também destacará aplicações exclusivas de seus materiais de alto desempenho, como a primeira bicicleta elétrica reciclável fabricada integralmente em plásticos e polímeros, a partir do material termoplástico de fibra longa (LFT) da empresa. Essa e-bike foi desenvolvida pela empresa Stajvelo, de Mônaco, e já é comercializada na Europa. Ainda terão destaque novos desenvolvimentos em compósitos termoplásticos, material leve que aprimora os objetivos de mobilidade sustentável, incluindo a indústria aeronáutica e aeroespacial. O grupo belga programou para a feira alemã apresentações sobre mobilidade sustentável e eficiência de recursos e de energia, abordando uma variedade de tópicos, como baterias, manufatura aditiva para impressão 3D, hiperconectividade, transporte, filtragem de água, construção e bens de consumo. Essas palestras ocorrerão no estande da Solvay.

    SUMITOMO DEMAG

    A Sumitomo Demag vai operar, em sua injetora elétrica IntElect 500, o processamento da maior peça automotiva (console) decorada de forma interativa na tecnologia de In-Mould Decorating (IMD). A nova série IntElect agora é disponível até 500 toneladas de força de fechamento, com nova tencologia de servomotores que permitem melhor repetibilidade e ciclos mais curtos. Com maior espaço entre as barras, permite que a injetora trabalhe com moldes maiores, o que torna a máquina, segundo a empresa, com melhor eficiência energética em aplicações intensivas para demandas de peças automotivas, permitindo operar sob tonelagens de fechamento menores do que as usuais.

    TOMRA

    Plástico Moderno - Feira entra na onda da economia circular - K 2019

    A empresa norueguesa, especializada em equipamentos de triagem de reciclados, vai mostrar o recém-desenvolvido Innosort Flake, apresentado pela primeira em evento em Amsterdã, Na Holanda, em abril. Trata-se de sistema de classificação dupla em instalações de reciclagem de PET, para purificar flakes de plástico de 2 a 12 mm por critério de cor e simultaneamente por tipos de polímeros. Segundo a empresa, com a tecnologia, grandes proporções de contaminantes podem ser removidas e a potencial perda de material de flakes de PET é reduzida. A Tomra Sorting Recycling projeta e fabrica tecnologias de triagem baseadas em sensores para a indústria global de reciclagem e gerenciamento de resíduos e já instalou mais 5.500 sistemas em quase 80 países. Ainda de acordo com a empresa, ela foi responsável pelo desenvolvimento do primeiro sensor por infravermelho próximo (NIR) de alta capacidade do mundo para aplicações de classificação de resíduos.

    WACKER

    A empresa vai mostrar um novo aditivo de silicone para poliuretanos termoplásticos (TPUs). Sob o nome comercial Genioplast Pellet 345, o copolímero reduz a dureza dos TPUs, ao mesmo tempo em que melhora sua elasticidade e suas propriedades técnicas em geral. Segundo a empresa, as superfícies das partes moldadas com o polímero aditivado se tornam mais macias ao toque e resistentes a rasgos, abrasividade e contaminações. O aditivo complementa o portfólio de linha específica base silicone para compostos de termoplásticos. Mesmo desenvolvido especificamente para TPUs, podem ser



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *