Feiplastic 2013 – Periféricos: Setor exibe desde pequenos moinhos até soluções completas de automação

Outra atração da Seibt foi o lançamento de um tanque de lavagem feito de aço inoxidável. “Ele apresenta durabilidade muito maior”, garante. O diretor não se queixa do atual momento do mercado. “Acredito que teremos crescimento este ano”, diz. Isso apesar dos primeiros meses do ano não terem apresentado resultados entusiasmantes. “A feira historicamente colabora bastante com as nossas vendas.”

Calor e frio – Não faltaram na Feiplastic as empresas que atuam com equipamentos de termorregulagem voltados para o segmento de transformação. A brasileira Mecalor, criada em 1960, conta em seu portfólio com ampla linha de máquinas. Várias com versões aperfeiçoadas foram mostradas ao público.

Plástico Moderno, Série PL2 atende injetoras de 600 a 900 t de fechamento
Série PL2 atende injetoras de 600 a 900 t de fechamento

Um dos destaques ficou para o novo drycooler projetado pela empresa, destinado à geração de água industrial com até 35ºC, indicado, por exemplo, para o resfriamento dos sistemas de óleo hidráulico de injetoras e sopradoras. “Oferecido em até dez módulos agrupados, ele possui capacidade 20% superior ao modelo anterior da empresa”, informa Italo Leme, coordenador de marketing.

Também foi apresentada a nova linha de termochillers Duo, direcionada ao controle de temperatura de moldes de injeção. “É um equipamento bem compacto, que pode ser usado na produção de peças automotivas bem complexas, que necessitam de ajuste fino, além da estabilidade de vazão e de temperatura.” Outra novidade ficou por conta da linha de termorreguladores TMR, projetada para o controle de temperatura de moldes de injeção ou sopro, com limitação de 140ºC. Completa a série de lançamentos da empresa um painel de gerenciamento a distância wireless, dotado com tela sensível ao toque. Ele é capaz de controlar uma rede de chillers e drycoolers instalada a uma distância de até 500 metros.

Especializada em refrigeração industrial, a Refrisat mostrou em seu estande diversos equipamentos que passaram por aprimoramento. Na linha de água gelada, destaque para a linha SAT-AR Touch, dotada com serpentina interna e ventiladores para gerar a condensação do fluido refrigerante. Os chillers Touch, oferecidos em diversos modelos, são gerenciados por CLP. Eles podem ser usados em linhas de produção de sopro, injeção, extrusão, laminação e flexografia. O termorregulador TMTI e o trocador de calor TC W/AR, por condensação a ar ou a água, completam a lista de novidades.

A Refriac, empresa brasileira de origem familiar há 37 anos no mercado, apresentou vários modelos de sua linha de periféricos de refrigeração. Entre eles, drycoolers, chillers e secadores de ar para moldes, além de reservatórios e skids de bombas. “Temos as máquinas mais robustas do mercado e peças de reposição nacionais. Os equipamentos têm grande durabilidade e são simples de utilizar”, resume sem qualquer falsa modéstia o diretor Leonardo Padeiro. A empresa não fez lançamentos durante o evento. “Promovemos alguns aperfeiçoamentos para melhorar o desempenho e reduzir o consumo de energia.”

Plástico Moderno, Empresa francesa apresentou robô de seis eixos
Empresa francesa apresentou robô de seis eixos

Robôs – Há uma década, o uso de robôs pela indústria do plástico nacional ainda era raro. Os bons resultados obtidos pelos usuários têm proporcionado aumento crescente das vendas desses equipamentos nos últimos anos. Os principais fornecedores do mercado brasileiro puseram seus modelos para funcionar em seus estandes.

A marca italiana Dal Maschio, pioneira na fabricação de robôs para a indústria do plástico no país, há mais de dez anos mantém uma planta industrial na cidade de Diadema-SP. Na feira, a empresa mostrou a linha PL, formada por unidades cartesianas dotadas com de três a cinco eixos servomotorizados. Os modelos PL1 são indicados para injetoras de 400 a 600 toneladas de força de fechamento; e a PL2, para injetoras de 600 a 900 toneladas.

Página anterior 1 2 3 4Próxima página

2 Comentários

  1. bom dia!!!!! reciclar é preciso para manter o planeta limpo! pois nós seres humanos precisamos mais dele do que ele de nós….Seja consciente….

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios