Notícias

18 de julho de 2017

Clariant e Huntsman aprovam fusão de seus ativos e negócios globais

Mais artigos por »
Publicado por: Marcelo Fairbanks
+(reset)-
Compartilhe esta página

     

    Plástico Moderno, Peter Huntsman (esq.) e Hariolf Kottmann firmaram o acordo

    Peter Huntsman (esq.) e Hariolf Kottmann firmaram o acordo

    As companhias globais Clariant e Huntsman anunciaram, em 22 de maio, que seus comitês diretivos aprovaram a união de seus ativos e negócios para formar um gigante de especialidades químicas e plásticas com vendas combinadas de US$ 13,2 bilhões/ano e valor de mercado de US$ 20 bilhões.

    Os termos do acordo de fusão prevêem formar a HuntsmanClariant, com sede global em Pratteln (Suíça) e centro operacional em Woodlands (Texas, EUA). O comitê diretor terá participação igualitária de representantes de cada companhia formadora, mas o capital será distribuído em 52% para os acionistas da Clariant e 48% para os da Huntsman. Como explicou o comunicado oficial, após as avaliações, cada acionista da Hunstamn deverá receber 1,2196 ação da nova companhia para cada ação da empresa original. Os acionistas da Clariant farão a troca de uma por uma.

    A captura de sinergias foi estimada em US$ 400 milhões/ano com redução de custos, mas espera-se adicionar US$ 3,5 bilhões ao valor da companhia pelo desenvolvimento de negócios combinados.

    A nova companhia seguirá as normas suíças de governança corporativa e será listada nas bolsas SIX (Suíça) e NYSE (Nova York, EUA), e suas operações serão iniciadas no primeiro trimestre de 2018. O atual presidente da Clariant, Hariolf Kottmann, presidirá o conselho de administração da HuntsmanClariant, enquanto o atual CEO da Huntsman, Peter Huntsman, será o CEO da nova companhia.

    Até o fim de 2017, espera-se que a nova companhia tenha obtido a aprovação dos seus acionistas, governos e órgãos regulatórios, permitindo formar um gigante com presença efetiva em todas as regiões geográficas. O anúncio oficial confirmou que os negócios de pigmentos e aditivos da Huntsman serão desvinculados com o nome de Venator, cuja oferta inicial de ações (IPO) será realizada nos próximos meses.



    Compartilhe esta página







      0 Comentários


      Seja o primeiro a comentar!


      Deixe uma resposta

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *