Feiras e Eventos

Brasilplast 2011 – O que há para ver na feira

Plastico Moderno
4 de abril de 2011
    -(reset)+

    BENERPlástico Moderno, Brasilplast 2011 - O que há para ver na feira

    O grupo estreia na feira com uma linha completa de máquinas de eletroerosão da marca Novik Electrocut, composta de cinco modelos, com variadas configurações dimensionais, para atender desde os processos mais simples até as usinagens 3D. Os visitantes poderão conhecer máquinas de eletroerosão por penetração, voltadas, principalmente, ao setor de moldes para plásticos, e equipamentos de erosão a fio de molibdênio e de latão, destinados às ferramentarias de corte, repuxo e dobra. Presente no mercado brasileiro desde 1995, o grupo atua associado a fabricantes nacionais ou em parceria com grandes corporações internacionais, oferecendo também estrutura de pós-venda ao mercado nacional.

    Plástico Moderno, Brasilplast 2011 - O que há para ver na feiraBÉRKEL

    Presente pela primeira vez na Brasilplast, a Bérkel destacará novidades em chapas acrílicas, PET-G e policarbonato. Uma das inovações apresentadas será a chapa acrílica Shinkolite LGP (Light Guide Panel), da Lucite, cuja distribuição é feita com exclusividade pela expositora no país. Desenvolvida especialmente para aplicações de iluminação de borda (edge illumination), essa chapa tem diferenciais como espessura mais fina, maior leveza e mais brilho. Além disso, sua capacidade natural de propagação da luz, associada ao uso do LED, agrega ao projeto uma maior economia de energia. Outra novidade fica por conta da linha de chapas Ecoshade, capaz de absorver 97% dos raios ultravioleta e evitar aquecimento do local coberto de até 8ºC. O produto é destinado a coberturas, domos, vitrines e proteção de sacadas e balcões. Chapas acrílicas fantasia, como as linhas Alabastro e Radiant, são outra aposta da empresa para o mercado de living design, assim como as variações com aparências de aço escovado, metalizadas ou de corais. A Bérkel ainda conta com uma linha própria de produtos finais, chamada Rio Design, para a qual desenvolve produtos com as séries de acrílico em granito e mármore.

    BEVI PLASTIC

    A empresa, especializada em pesquisa e fornecimento de masterbatch e dry blend (pigmentos), levará para a feira sua linha de produtos para resinas de alto desempenho, tais como policarbonato, acrílicos poliacetais, polissulfeto de fenileno, poliamidas 6/6.6/12, entre outros. Todos os masterbatches que produz são fabricados com os mesmos veículos das resinas aos quais serão aplicados, evitando, assim, que ocorra incompatibilidade.

    BGMPlástico Moderno, Brasilplast 2011 - O que há para ver na feira

    A fabricante de periféricos para linhas de extrusão lançará o Packing Line, um novo equipamento de envase e distribuição de materiais termoplásticos granulados, que tem como diferencial a facilidade de operação e limpeza. Automática, para garantir a precisão do processo, a máquina vem com uma impressora a jato de tinta para imprimir, em quatro cores, o logotipo do cliente em cada embalagem a ser envasada, com secagem ultrarrápida (UV). A empresa fornece equipamentos como granuladores para até 1.500 kg/h, ensacadeiras automáticas e semiautomáticas, sistemas de ensaque até 6.000 kg/h, silos homogeneizadores com capacidade máxima de 8.000 litros, peneiras seletivas para processar até 6.000 kg/h, secadores de fios com capacidade máxima de 1.200 kg/h e misturadores horizontais para 800 kg, no máximo. Seus equipamentos atendem a indústria petroquímica, de reciclagem, de resinas e masterbatches, bem como os fabricantes de compostos.

    BLUFER/PINTARELLI

    No mesmo estande, a Pintarelli Industrial apresentará uma sopradora modelo Sopratica 3600S automatizada, dotada de cortadora de cabeças perdidas e enfardadeira automática, operando em conjunto com os periféricos da Blufer Tecnoplast. As sopradoras Pintarelli, próprias para processar PP e PE, oferecem facilidade de operação, baixo consumo de energia elétrica, manutenção simplificada, baixo nível de ruído, e se mostram adequadas para instalação em salas limpas. Buscando oferecer ao mercado novas opções em equipamentos com capacidade de sopro de peças de até 5 litros de volume, a empresa fabrica suas sopradoras acopladas a extrusoras nos diâmetros de 40 a 90 mm, dotadas de mesa simples ou dupla, deslizando em guias lineares e com cabeçotes de até oito cavidades, e, ainda, com saídas dos frascos do tipo frontal ou lateral orientadas e totalmente automatizáveis.

    BOBST GROUPPlástico Moderno, Brasilplast 2011 - O que há para ver na feira

    A empresa apresentará suas inovações na concepção de seu estande, mostrando as aplicações das cores e as marcas que compõem o grupo. Paralelamente ao evento, abrirá suas portas para receber seus clientes e visitantes, com o intuito de mostrar ao público suas instalações no Brasil, sua estrutura de fabricação, de serviços, de vendas de máquinas, equipamentos e peças de reposição. Também terá destaque durante a feira e na visita à empresa a tecnologia da nova impressora flexográfica Fischer & Krecke FP 15-S 8, equipada com o sistema de registro automático smartGPS. A máquina, de baixa manutenção e operação bastante amigável, proporciona redução significativa do dowtime. Possui tela touchscreen colocada na posição central da máquina para facilitar sua operação, tem largura de impressão de 1.250 mm e opera com repetição de até 880 mm e velocidade de 400 m/min, podendo imprimir em até oito cores. Trabalha com todos os movimentos realizados por servomotores, garantindo maior precisão de registro de cores e rapidez no setup. Estarão em exposição, ainda, as linhas de máquinas de corte e vinco, de máquinas dobradeiras/coladeiras.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *