Brasilplast 2011 – O que há para ver na feira

SEIBTPlástico Moderno, Brasilplast 2011 - O que há para ver na feira - Foto: Divulgação

Serão expostos pela primeira vez em uma feira três equipamentos da empresa, além dos já tradicionais modelos de moinhos convencionais, para aplicações especiais e de baixa rotação, bem como a linha de trituradores convencionais e de pastilhas. Um dos estreantes em feiras é o rasgador de rótulos modelo RR800, como parte dos sistemas de reciclagem para PET, equipamento construído com aço SAE 1020 galvanizado, de 29 hélices de alta resistência e quatro pás cada uma, e dotado de capacidade de processamento de até 1.000 kg/h e de dimensões de 2.000 x 4.000 x 3.200 mm, respectivamente de largura x comprimento x altura. Outro equipamento em destaque na exposição será a pré-secadora vertical PSV 640 de aço inoxidável 304 e dimensões de 640 mm de diâmetro e 1.500 mm de altura. Destina-se à secagem do material com menor consumo de energia e pouca emissão de pó, devido à sua forma construtiva vertical, que gera menos atrito do flake com a parede perfurada em comparação aos modelos horizontais. O triturador de garrafas MGHS 700 GF completa o trio de estreantes da Feira. Desenvolvido para atender às necessidades do mercado de reciclagem pós-consumo, para a moagem de garrafas e filmes, o equipamento tem fácil manutenção para acesso às facas e peneira, sem necessidade de uso de ferramentas. Tem bocal de articulação pneumática, para garantir mais segurança e nenhum esforço ao operador, e, além das características dos tradicionais moinhos da empresa, este modelo traz como inovação a moagem de filmes por rotor. Ocupa área de 1.320 x 2.350 mm, podendo ser fornecido com base elevada a 3.000 mm ou não e 2.000 mm de altura.

SEHI

Mostrará em primeira mão o distribuidor de linha simples RH-3000, acoplado a um pino visor para detectar entupimentos, o qual pode ser de duas, três ou cinco saídas, possibilitando ligação em série para a mais variada quantidade de pontos. O equipamento pode ser aplicado na lubrificação de máquinas injetoras, sopradoras e termoformadoras de plásticos, assim como em máquinas operatrizes em geral. Estará, também, em destaque a bomba de lubrificação modelo AMGP-CFW-2, dotada de painel de comando digital. Trata-se de uma motobomba de engrenagens, acoplada a painel de comando e controle digital com regulagem de tempo de pausa de 0 a 999 minutos e tempo de lubrificação de 0 a 999 segundos. O equipamento opera com tempo de acionamento do alarme programado via display e aloja válvula limitadora de pressão e de despressurização, possuindo manômetro com escala de 0 a 40 kg.

SEPRO ROBOTIQUEPlástico Moderno, Brasilplast 2011 - O que há para ver na feira - Foto: Divulgação

Apresentará sua nova gama S5 Line de robôs cartesianos, controlados pela eletrônica Visual 2, sinônimo de automatização facilitada por uma programação simples e por um comando convidativo, próprios para automatizar máquinas injetoras de 3.500 a 8.000 kN. Em comparação à gama GIV, a linha S5 Line possibilita aumento de 50% quanto à capacidade de carga e de 16% em relação aos cursos. Possui braço para extração 10% mais estreito, permitindo curso de abertura do molde menor, o que resulta em aumento da velocidade dos ciclos. Possui um dispositivo de lubrificação integrado, para garantir tempo de funcionamento máximo para manutenção mínima (apenas uma vez por ano), pois efetua lubrificação permanente. Integrantes da 5ª geração de robôs da empresa, os modelos S5-25 e S5-35 foram concebidos para máquinas de médio porte e podem atingir altas velocidades, com cargas de até 20 kg. O modelo S5-35 é rápido e flexível e pode ser utilizado em injetoras com força de fechamento média de 3.500 a 8.000 kN e com descarregamento de peças de até 15 kg. Realiza curso horizontal de 2.000 a 7.000 mm, com velocidade máxima instantânea de 3,5 m/s, e curso vertical de 1.400 mm, possibilitado por um braço telescópico opcional de 1.800 mm, atuando sob velocidade de até 4 m/s.

SICCUSPlástico Moderno, Brasilplast 2011 - O que há para ver na feira - Foto: Divulgação

Irá expor sua linha de secadores e desumidificadores para grãos de plásticos e flakes-PET, empregados para secar, desumidificar e cristalizar de forma dinâmica todos os lados do material, em pouco espaço de tempo, conservando suas propriedades físico-químicas. Os equipamentos estão disponíveis em três tamanhos, próprios para processar 50, 300 e 500 kg/h. Também será apresentada uma peneira vibratória com capacidade de até 1.000 kg/h, destinada a auxiliar na extração de pó dos grãos.

Plástico Moderno, Brasilplast 2011 - O que há para ver na feira - Foto: DivulgaçãoSIG-ROOL

Um elastômero à base de cortiça será o destaque do estande. O produto oferece maior resistência à abrasão e menor atrito ao contato com diversos tipos de materiais, diminuindo a eletricidade estática entre filmes e papéis com os maquinários, tais como rebobinadeiras, desbobinadeiras e extrusoras. Especializada em revestimento de borracha e fabricante de camisa de silicone, rolo curvo (rolo banana) e revestimento de poliuretano (PU), para diversos segmentos, entre eles indústrias de embalagens plásticas, papel, papelão, indústrias gráficas, têxteis, siderúrgicas e moveleira etc., a empresa é certificada pela Norma ISO 9001. Outros destaques ficarão por conta dos diversos tipos de elastômeros produzidos, tais como Neoprene, nitrílicos, Ebonite, silicone, EPDM, natural e SBR, assim como canecas de alumínio, rolamentos blindados e capas tubulares feitos de acordo com a necessidade de cada máquina.

Página anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37Próxima página

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios