Feiras e Eventos

Brasilplast 2009 Commodities – Distribuição acelera o processo de integração e movimentos de fusão ganham força no setor

Maria Aparecida de Sino Reto
14 de maio de 2009
    -(reset)+

    Plástico Moderno, Diretor da Fortymil, Ricardo Mason, Braskem incorpora a Petroquímica Triunfo e dá pontapé inicial ao biopolímero

    Mason quer investir mais nos compostos com resina reciclada

    Até então reticente a incorporações, a direção da Premix, distribuidora da Quattor e da Videolar (poliestireno), reviu sua postura. O seu diretor de marketing, Reinaldo Marques, admitiu que uma proposta para unir forças e sinergia com outra empresa de maior porte seria bem-vinda. “É a saída para ganhar musculatura”, justificou. Distribuidor das olefinas da Quattor e do poliestireno da Videolar, ele se queixou da concorrência agressiva dos produtos importados, reflexo da crise financeira global.

    Braço comercial dos polietilenos e polipropileno da Quattor, a Unipar Comercial, de Mauá-SP, marcou presença institucional na feira. O seu gerente-comercial, Jaime Utrera, reforçou o coro dos que acreditam em um forte encolhimento do setor. “Até o final do ano, o mercado de varejo deve se acomodar e restar um máximo de dez distribuidores oficiais”, prevê. A distribuidora também supre o mercado de poliestireno, com a bandeira da Innova, e de borrachas, como representante oficial da Evonik.

    Entre os distribuidores oficiais presentes na feira, o estande da Activas, de 350 m², representava bem os ganhos de musculatura e expansão necessários à sobrevivência no setor. Só o da Piramidal chegou perto. As duas empresas conseguiram ocupar as maiores áreas de seu setor na feira. “Crescemos cerca de 30% em volume no primeiro trimestre deste ano”, comemorou o diretor da primeira, Laercio Gonçalves. De acordo com ele, a Activas conseguiu equalizar os estoques e equilibrar os custos a partir de janeiro.

    Plástico Moderno,Laercio Gonçalves,  diretor da primeira, Braskem incorpora a Petroquímica Triunfo e dá pontapé inicial ao biopolímero

    Gonçalves comemora crescimento no primeiro trimestre deste ano

    Quanto à remodelagem da distribuição, ele endossou a opinião de seus colegas: “A depressão nas margens nos últimos anos já afunilou o mercado, mas ainda não está totalmente reconfigurado.” Além da participação institucional e da divulgação da já conhecida carteira de produtos, a Activas compareceu com novidades. Gonçalves informou ter fechado contrato para distribuir o negro-de-fumo, da Cabot, para plásticos e compostos. Além disso, iniciou uma linha de pré-marketing da Integrated Refinety & Petrochemical Complex Public Co., Ltd. (IRPC) e da Formosa Plastics, respectivamente de ABS (coloridos) e poliacetais. No campo das commodities, a Activas distribui para a Quattor e a Basf (poliestireno), além de diversos outros polímeros e especialidades.

    Animada pelo bom movimento da exposição, a diretora-comercial da Mais Polímeros, Daniela Dias, aproveitou a oportunidade para consolidar a marca e a sua parceria com a Quattor. “A feira foi excelente, muito melhor do que se imaginava”, exultou no último dia da Brasilplast. No entender dela, o processo de integração será benéfico para o setor. “A fatia de mercado diminuiu e a redução no número de distribuidores será saudável”, acredita. Entre as novidades, Daniela anunciou a abertura de uma nova filial em Curitiba-PR e planos para inaugurar outra, em local ainda indefinido, até o final deste ano.

    A diretora da Mais Polímeros sentiu pouco os efeitos da crise financeira. Ela não enfrentou problemas de inadimplência, apenas recuo nos investimentos por parte de seus clientes, afetados pela dificuldade na obtenção de crédito. “Mas o segundo semestre será melhor.”

    Plástico Moderno, Daniela Dias,  diretora-comercial da Mais Polímeros, Braskem incorpora a Petroquímica Triunfo e dá pontapé inicial ao biopolímero

    Daniela sentiu pouco os efeitos da crise e achou a feira ótima

    A nova marca foi o principal foco da participação da quantiQ (ex-Ipiranga Química, ou IQ) na Brasilplast, mas a empresa também aproveitou a ocasião para divulgar novos produtos e  parcerias. Da já parceira ExxonMobil, a quantiQ incorpora à distribuição nova família de elastômeros, a Vistamaxx, lançada nos Estados Unidos e apresentada ao mercado na feira, em primeira mão. São copolímeros com atributos únicos de elasticidade, resistência, flexibilidade e adesão a vários tipos de resina. A linha compõe grades para filmes e injeção. “O produto tem processabilidade idêntica à do polipropileno e é aprovado para contato com alimentos”, explicou o gerente de unidade de negócios, Fabiano Bianchi. 



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *