Sem categoria

NPE 2012 – Em novo local, a tradicional mostra festeja crescimento

Plastico Moderno
8 de outubro de 2012
    -(reset)+

    Lanxess
    Por intermédio de sua unidade de negócios Semi-Crystalline Products (SCP), a expositora destacará sua tecnologia premium de compósito híbrido plástico/metal utilizado em front-ends de veículos. A rigidez adicional proporcionada por esse compósito torna o veículo mais leve e seguro, segundo informa o fabricante, que ainda destaca ser a primeira vez que esse componente híbrido utiliza chapas de compósitos de náilon mais leves em conjunto com o alumínio. Esse material leve é usado para criar uma seção com formato em U com 1 mm de espessura na parte inferior do front-end híbrido. Ele pesa 20% a menos do que seu equivalente de alumínio. O Durethan Poliamida 6 customizado é utilizado em compósitos de chapas de náilon e no processo de moldagem por injeção.

    LPKF Laser & Eletronics 
    Fabricante de sistemas eletrônicos a laser, a companhia vai simular seu sistema de soldagem a laser para plásticos. A tecnologia permite maior controle e melhor qualidade na adesão, menos esforços dos componentes e a habilidade de soldar peças de maior complexidade. Primariamente desenvolvida para áreas como a indústria automobilística, setor médico e de eletrônicos, a soldagem a laser para plásticos permite aplicações desde cateteres médicos até recipientes fechados para sensores.

    Maguire 
    O destaque da empresa é o Purging Recovery System (PRS), usado para transformar borras em moídos. O equipamento atua em duas etapas: primeiro tritura ou prensa os resíduos em pedaços menores e, depois, reduz esse material a um remoído uniforme e de alta qualidade. Os resíduos são materiais de transição, resultantes da mudança de um trabalho para outro ou de uma cor para outra na linha de produção. Com o PRS, existe a possibilidade de recuperação desse material, que muitas vezes fica no piso da fábrica até que seja descartado.

    Maxter Termoplásticos 
    A empresa comparece à feira no estande da sua representada Lindner Resource, fabricante alemã de trituradores tipo Shredders e uma das líderes mundiais na produção desse tipo de equipamento. O triturador tem a função de destroçar e diminuir o tamanho das peças e, normalmente, está acoplado a uma linha de recuperação. O escopo de equipamentos inclui modelos que produzem desde 400 kg/h até 10 t/h.

    Milacron 

    A Milacron Plastics Technologies, fornecedora de tecnologias de processamento plástico, vai mostrar suas máquinas injetoras desenvolvidas pela Ferromatik Milacron India, sua afiliada indiana. Um dos diferenciais dos equipamentos é a substituição de tecnologia tradicional por bombas servodirecionadas. Denominada Magna Servo, essa linha oferece modelos de tamanhos variáveis, de 55 a 400 toneladas, com maior eficiência energética, da ordem de 40% a 60%, em comparação aos equipamentos hidráulicos. Essa linha ainda assegura repetibilidade equivalente às máquinas totalmente elétricas.

    Milliken 
    A empresa americana vai ressaltar as características de seu clarificador de polipropileno (PP) Millad NX 8000, que permite que o PP seja clarificado em temperaturas menores do que os processos que usam clarificadores tradicionais. Além da redução de energia e de emissão de dióxido de carbono, o Millad NX 8000 também conferiria maior brilho e transparência ao PP. Durante a feira, os integrantes da Milliken vão mostrar como os potenciais usuários podem calcular sua economia de energia ao adotar o produto. O uso do clarificador também permite uma gama maior de aplicação do PP, substituindo materiais menos sustentáveis ecologicamente.

    Molecor Tech 
    A espanhola Molecor vai mostrar sua nova tecnologia para produção de tubos do tipo PVC-O. De acordo com a empresa, a solução combina menor custo, melhor desempenho e baixa emissão de CO2, justamente as demandas que têm pautado as aplicações na área de saneamento. A tecnologia adota a orientação molecular, um processo físico que modifica a estrutura molecular de plásticos, pela qual a estrutura amorfa PVC-U é reorganizada em uma estrutura de camadas que conferem destacadas propriedades mecânicas às tubulações plásticas, incluindo resistência à fadiga e a impactos e flexibilidade, entre outras. A geração mais recente da tecnologia permite uma transformação simples de linhas padrão PVC-U para PVC-O, agregando ganhos para os fabricantes de tubulações e grandes benefícios para potenciais consumidores desses produtos.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *