Feiras e Eventos

20 de abril de 2009

Vitrine Brasilplast 2009 – O que há para ver na feira*

Mais artigos por »
Publicado por: Plastico Moderno
+(reset)-
Compartilhe esta página

    * O texto desta seção foi editado com base nas informações das empresas, em resposta ao convite enviado por Plástico Moderno a todos os expositores da Brasilplast 2009

    ACTIVAS

    Em sua nona participação na Brasilplast, a Activas quer divulgar o amplo portfólio de resinas, que inclui PPs, PEs e EVAs (Quattor), PS e estirênicos (Basf), ABS (Lanxess), policarbonatos e acrílicos (Unigel), copoliésteres e celulósicos (Eastman), TPE (Multibase), modificadores de impacto para plásticos de engenharia (Rohm and Haas), blendas (Bayer) e as poliamidas 11 e 12 e outras especialidades (Arkema), além de masterbatches, compostos e serviços de sua linha própria, a Actplus. Segundo a direção da empresa, o estande aberto vai favorecer o contato com os clientes e auxiliar no desenvolvimento de novos negócios.

    AÇOESPECIAL

    Ao firmar contrato de distribuição com a Industeel, unidade francesa da ArcelorMittal, uma das maiores produtoras de aço do mercado mundial, a empresa se tornou fornecedora exclusiva dos aços-ferramenta da linha Superplast Family para o mercado brasileiro. O aço Superplast 300 (SP300) constitui material comercializado com valor médio de 300HB (aproximadamente 32 HRc) de dureza, e substitui, de acordo com informações da empresa, com vantagens o P20, quer pela sua usinabilidade, polimento, soldabilidade ou por suas características de condutividade térmica, melhorando a produtividade dos moldes nas ferramentarias e nas indústrias que injetam peças que poderão contar com moldes mais produtivos e com ciclos térmicos mais efetivos. Já o aço Superplast 400 (SP400), comercializado com 370HB de dureza, aproximadamente 40 HRc, também se destaca por suas elevadas características mecânicas e de usinabilidade, observadas principalmente nos processos de furação, encontrando-se disponível em espessuras até 820 mm e em larguras até 1.650 mm. Na oportunidade, ainda será apresentado ao público o aço 1045, agora com pequenas modificações em sua composição e que resultaram em melhorias no processo de usinagem.

    ADIRPLAST

    Criada no final de 2006, a Associação Brasileira de Distribuidores de Resinas Plásticas (Adirplast) participará pela segunda vez consecutiva da Brasilplast. A ideia é mostrar sua atuação nas dezessete empresas associadas que constituem a totalidade das atuantes na distribuição oficial das resinas termoplásticas, produzidas pelas petroquímicas com unidades produtoras no país. A associação visa à defesa dos interesses dessas empresas, além da promoção do desenvolvimento e a especialização da atividade, agregando valor ao produtor e ao transformador dessas matérias-primas.

    ALFAVINIL

    A empresa argentina, especializada em compostos de PVC rígidos e flexíveis, abastece com sua produção vários dos mais importantes mercados atendidos pelo setor plástico. No mercado elétrico, mantém a liderança nacional e regional no fornecimento de materiais para aplicações elétricas e telefônicas, notadamente no setor de cabos unipolares, multipolares, subterrâneos e que suportam altas temperaturas. No mercado da construção civil, tem participação destacada, fornecendo compostos de PVC para a fabricação de perfis, molduras e tubulações. No mercado de embalagens, os compostos de PVC se destacam em recipientes comportando volumes até 20 litros, utilizados pelas indústrias alimentícias, farmacêuticas e cosméticas. No mercado de calçados, as bases e solados de PVC compactos, expandidos e ultraexpandidos são encontradas numa infinidade de produtos. Em todos esses setores, incluindo as aplicações nas áreas médica e hospitalar, o PVC estará em destaque.

    Plástico Moderno, Vitrine Brasilplast 2009 - O que há para ver na feira*

    Altec exibe montadora de clichês

    ALTEC

    Sistemas de visão flexíveis e customizados para inspeção de rótulos e etiquetas e sistemas para detectar defeitos de dimensão, formato, cor, envase, tampas e lacres compõem alguns dos itens em exibição nesse estande. O público também poderá conferir equipamentos para controle e automação para as áreas de conversão e impressão como alinhadores de borda, controladores de tensão, freios e embreagens, células de carga, estroboscópios e sistemas de videoinspeção para imagens impressas, além de montadoras de clichês Smart Eye.

    AMC

    Especializada na fabricação de produtos químicos para o segmento de plásticos, a empresa divulgará os investimentos realizados em uma nova unidade fabril, recém-inaugurada. Totalmente automatizada, a fábrica absorveu R$ 5 milhões. A expositora ainda divulgará sua linha de aditivos, a saber: antibloqueio, antiestáticos, auxiliadores de fluxo, estabilizantes térmicos, estearatos, cargas minerais e ceras promoverá diversos produtos, entre os quais a nova linha Liquidmetal de concentrados que conferem aos frascos produzidos pelo processo convencional de sopro (blow) e aos de PET efeito metálico: as peças reluzem tanto quanto um metal altamente reflexivo. Além da novidade, a empresa destacará ainda o masterbatch auxiliar de processo 102823-BB para extrusão de filmes difíceis de processar, permitindo um desempenho mais eficiente, em especial no caso de filmes soprados de baixa espessura. O antilensing 103725-AB é constituído por agentes avançados que combatem problemas provocados pela umidade, tais como “olhos de peixe”. Destina-se principalmente a aplicações de filmes do tipo blow e cast. Entre outros benefícios, o fabricante assegura aumento de produtividade e redução de custos com equipamentos para secagem de matéria-prima. O purga 100400 e o antioxidante 100401 constituem soluções para limpeza e paradas de máquinas, com redução de custo relevante. O primeiro acelera a transição na mudança de cores ou fórmulas e reduz o tempo necessário à limpeza da extrusora. O concentrado de antioxidantes consegue um rápido set-up de máquina e minimiza os efeitos da degradação material. Segundo o expositor, o deslizante para laminação 102109 representa o maior avanço no controle do coeficiente de atrito, pois permite mantê-lo abaixo de 0,25 em filmes mono e multicamadas, mesmo após a laminação adesiva. Os retardantes à chama completam os destaques do estande. A Ampacet ressalta a melhoria significativa com respeito à estabilidade térmica, elevada eficiência antichama, mantendo a resistência à tração e alongamento, além de garantir um baixo ou nenhum impacto sobre os processos pós-conversão.


    Página 1 de 3812345...102030...Última »

    Compartilhe esta página







      0 Comentários


      Seja o primeiro a comentar!


      Deixe uma resposta

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *