Feiras e Eventos

17 de agosto de 2016

Interplast 2016: Euromold integra desenho, produção e ferramentaria

Mais artigos por »
Publicado por: Jose Paulo Sant Anna
+(reset)-
Compartilhe esta página

    Plástico Moderno, Interplast 2016 - Prévia: Boa localização e foco em tecnologia atraem visitação qualificada

    Em paralelo à Interplast será promovida a terceira edição da Euromold Brasil, feira mundial de construtores de moldes e ferramentas, design e desenvolvimento de produtos. “Com o lema ‘Da ideia à produção em série’, a Euromold Brasil conta com todos os setores da cadeia de desenvolvimento de produtos representados”, explica Richard Spirandelli, diretor da Messe Brasil. A cadeia engloba design, materiais, simulação, visualização, engenharia, realidade virtual, CAD & CAM, prototipagem rápida, construção de protótipos e modelos, modelação e ferramentaria, equipamentos, máquinas ferramenta, garantia de qualidade e automação, além de processos e acabamentos.

    A Euromold contará com expositores de 14 cidades brasileiras e de representantes da China, México, Portugal e Suécia. A Polimold, maior fabricante de porta moldes e sistemas de câmara quente da América Latina, vai apresentar o sistema valvulado Facility, utilizado para injeção em molde bicomponente (dois materiais diferentes) com pontos de injeção perpendiculares ao produto, inovação presente nas mais modernas ferramentas do mundo. Também serão expostos portamoldes e bases de estampo com usinagens, além de toda linha de acessórios e componentes oferecidos pela empresa ao mercado.

    A Cliever, maior fabricante nacional de impressoras 3D, mostrará seu lançamento mais recente, a impressora SL 1, equipamento com tecnologia SL (estereolitografia). “A partir da tecnologia que aplicamos na SL 1, tornamos real a possibilidade de reproduzir, com muita facilidade, peças complexas e de pequeno porte com os melhores resultados esperados”, explica o CEO da empresa, Rodrigo Krug.

    A impressão por SL tem como base a fotopolimerizacão de uma resina acrílica. Tal tecnologia viabiliza a criação de peças com até 30 µm de precisão, o equivalente a cerca de um terço de um fio de cabelo. “Vale ressaltar que, como se trata de uma resina diferenciada e produzida por fornecedores nacionais, tem propriedades mecânicas e térmicas peculiares, o que amplia o leque de aplicação”. São muitos os mercados que, a partir de agora, poderão desfrutar dessa tecnologia de ponta, entre eles o automotivo, de embalagens e engenharia.

    As ferramentarias também terão estandes com representantes. A Vision Moldes produz moldes de injeção para indústria automotiva, linha branca e utilidades gerais. Além de exibir seus produtos, ela apresentará ao público a nova empresa do grupo, a J. Junckes Plásticos, destinada à injeção de peças e que atuará no mercado de serviço de try-outs e transformação.

    A GTF desenvolve projetos de ferramentas de injeção para as mais diversas partes plásticas que compõem os automóveis, como revestimentos internos, molduras externas e peças estruturais. Também atende outros segmentos, como os de linha branca e utilidades domésticas, além de equipamentos eletroeletrônicos. Seu carro-chefe é o nicho de moldes com até 20 toneladas. “Possuímos equipe especializada para desenvolver projetos de produtos envolvendo injeção de resina reforçada com fibra de vidro, superfícies complexas, linhas de partição invisíveis, sobreinjeção e biinjeção”, conta Thiago Hobus de Freitas, diretor comercial.



    Compartilhe esta página







      0 Comentários


      Seja o primeiro a comentar!


      Deixe uma resposta

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *