Feiras e Eventos

15 de setembro de 2010

Interplast 2010 – Feira reúne tecnologias de diversas nacionalidades

Mais artigos por »
Publicado por: Rose de Moraes
+(reset)-
Compartilhe esta página

    A 6ª edição da Interplast – Feira e Congresso Nacional de Integração da Tecnologia do Plástico exibiu grande aparato em máquinas nacionais e importadas e muitas novidades em matérias-primas. Realizada de 23 a 27 de agosto, no Expoville, em Joinville-SC, pelo Sindicato da Indústria de Material Plástico no Estado de Santa Catarina (Simpesc), sob a organização da Messe Brasil, a exposição apresentou 25% de crescimento no número de expositores, que chegou a 500 empresas, e 12% na área ocupada (20 mil m²), refletindo o atual momento econômico de aquecimento no consumo e nas vendas. O aumento de interesse dos participantes pela feira levou os organizadores a rever o espaço reservado para a exposição, que deverá ser ampliado para o próximo evento, em 2012.

    Os 25 mil visitantes desta Interplast encontraram muitas opções em máquinas, com tecnologias de diversas nacionalidades. Com encomendas já tomando conta praticamente de toda a capacidade produtiva deste ano, os fabricantes se apresentaram nessa feira com o intuito de integrar-se melhor com seus clientes e prospectar novos negócios para o próximo ano.

    Elétricas mais econômicas – As injetoras elétricas chamaram a atenção, tanto sob o ponto de vista tecnológico, pois oferecem sistemas avançados de alta precisão e repetibilidade, entre outros recursos, quanto pelos atuais níveis de preço, bem mais convidativos às compras em relação àqueles praticados há quatro ou cinco anos.

    Assim, não faltaram opções aos visitantes para conhecer de perto modernos sistemas elétricos em vários estandes, como o da Wittmann Battenfeld, que pela primeira vez expôs na Interplast um exemplar da linha Ecopower. Trata-se de modelo com 110 toneladas de força de fechamento, representante da quarta geração de máquinas elétricas.

    Bem-sucedidas em vendas em todo o continente europeu, as injetoras elétricas dessa linha também começaram a ter suas vantagens e alta eficiência reconhecidas no mercado brasileiro. Com placas retangulares de grande distância entre colunas e sistema de lubrificação das articulações totalmente selado, esses sistemas silenciosos operam com travamento dos moldes simultâneo com o início da injeção, reduzindo os tempos de ciclo, e proporcionando altas acelerações.

    “A demanda de máquinas elétricas no Brasil ainda é pequena, está engatinhando, mas as perspectivas de vendas são muito promissoras porque os preços estão hoje bem mais acessíveis”, afirmou Ironi Fernandes, diretor-geral da Wittmann Battenfeld.

    Plástico Moderno, Udo Löhken, Diretor da Engel do Brasil, Interplast 2010 - Feira reúne tecnologias de diversas nacionalidades

    Löhken: injetora elétrica reduz gasto energético

    O visitante da Interplast deste ano também conheceu um dos modelos da linha Emax, a nova família de injetoras elétricas da Engel. Lançada em 2007, na última edição da maior feira mundial do setor plástico, a alemã K, é provida de acionamentos elétricos para executar todos os movimentos de abertura e fechamento dos moldes, extração, injeção e também os sistemas de dosagem.

    “Nossas injetoras são 100% elétricas e a principal vantagem está na economia obtida no consumo de energia em relação aos equipamentos híbridos e aos sistemas hidráulicos, pois quanto mais eletrificada for a máquina, maior será a economia a ser obtida no consumo de energia”, explicou Udo Löhken, diretor da Engel do Brasil.

    Segundo Löhken, todos os segmentos que transformam peças muito delicadas e que não podem sofrer variações de peso, nem de espessura de parede e tampouco de medidas, atentos a essa tecnologia, estão adotando sistemas elétricos para poder fabricar com maior segurança e precisão.

    No estande da KraussMaffei, o visitante apreciou injetora hidráulica com 160 toneladas de força de fechamento, cujo diferencial está na tecnologia de duas placas, com colunas de fechamento que funcionam como êmbolos, garantindo o paralelismo de fechamento dos moldes.

    “O modelo, totalmente fabricado em Munique, na Alemanha, está disponível há mais de dez anos, mas a robustez da máquina e a estabilidade oferecida à injeção são primordiais para que vários mercados, como os de embalagens, utilidades domésticas e principalmente o automobilístico, continuem a adquirir os nossos sistemas, especialmente para a injeção de para-choques e painéis laterais de portas”, comentou o assessor Carlos A. Buest Filho, da KraussMaffei.

    Na oferta de injetoras, a empresa disponibiliza ao mercado máquinas com várias forças de fechamento, desde 35 toneladas até 4 mil toneladas. Segundo o assessor, a maior demanda do mercado brasileiro se situa na faixa de injetoras desde 500 toneladas de força de fechamento até 2 mil toneladas de força de fechamento, embora, ultimamente, esteja havendo grande procura por máquinas menores, para injetar peças técnicas.

    Sopro em alta velocidade – Vários sistemas avançados para sopro também se destacaram nessa Interplast. A Romi, detentora da tecnologia JAC, levou pela primeira vez para a exposição o modelo Compacta 5TS, para extrusão contínua. Trata-se de máquina capaz de soprar embalagens, como galões e bombonas até 5 litros, e alcançar produções, em média, de 1.500 frascos/hora.

    Projetadas de forma modular, essas máquinas possuem roscas de extrusão especialmente desenhadas para resinas poliolefínicas, visando assegurar plastificação perfeita e a distribuição homogênea de matérias-primas e pigmentos. Além desses atributos, podem comportar moldes com até oito cavidades em cada estação, em larguras até 520 mm. Seu sistema de controle é feito por meio de unidade hidráulica superdimensionada e o controle geral é realizado por CLP e programador de Parison de 128 pontos, garantindo alta qualidade dos produtos finais.


    Página 1 de 612345...Última »

    Compartilhe esta página







      0 Comentários


      Seja o primeiro a comentar!


      Deixe uma resposta

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *