Plástico

10 de abril de 2007

Fabricantes – Resinas – Vitrine

Mais artigos por »
Publicado por: Plastico Moderno
+(reset)-
Compartilhe esta página

    Plástico Moderno, Fabricantes - Resinas - Vitrine

    BASF

    Tecnologias globais e inovadoras em plásticos, químicos, produtos de alto desempenho, entre outras soluções, poderão ser conferidas no estande da companhia, cada vez mais comprometida em viabilizar negócios dentro do princípio da sustentabilidade.

    Plástico Moderno, Fabricantes - Resinas - Vitrine

    Ecoflex degrada em contato com o solo

    A empresa destaca diversos produtos como o Ecoflex, plástico biodegradável por microorganismos presentes no solo, especialmente em adubos, e o Ecobras (Ecoflex mais amido de milho), produzido a partir de fonte renovável para emprego na fabricação de tubetes para reflorestamento, canetas, embalagens para cosméticos, entre uma infinidade de outras aplicações. No segmento de poliéster termoplástico semicristalino, a expositora apresenta o Ultradur High Speed, primeiro plástico de engenharia da Basf a receber o selo de eco-eficiência, em 2006.

    Trata-se do polibutileno tereftalato (PBT), destinado a aplicações mais exigentes quanto à rigidez, estabilidade dimensional, baixa absorção de umidade, alta resistência a produtos químicos, além de excepcional resistência a intempéries e desempenho quando exposto a altas temperaturas.

    As espumas estão representadas pela Basotect, feita de resina melamínica, com propriedades diferenciadas pela combinação da estrutura espacial com a química do produto. Seu alto poder de absorção de ruídos, aliado à alta resistência ao calor e à característica antichama abrem leque de aplicações automotivas, particularmente em áreas do compartimento de motor, e aeronáuticas, em cabines e assentos para aviões.

    Outras novidades são as espumas viscoelásticas. A Elastofoam I 4402 é apropriada para peças da indústria automobilística e moveleira, principalmente em braços de cadeiras e poltronas, enquanto a Elastoflex W 5906 é indicada para uso em colchões de alta tecnologia, que apresentam a particularidade de moldar-se ao corpo.

    Plástico Moderno, Fabricantes - Resinas - Vitrine

    Ecobras é produzido de fonte renovável

    A Basf ainda destaca o Elasturan, um sistema de poliuretano bi-componente de alto desempenho, desenvolvido para a fabricação de peças geométricas complexas e com requisito de alta resistência ao desgaste por abrasão, como peneiras, membranas, pás de misturas, rolos e recobrimentos de tubos. O produto oferece como diferencial desmoldagens após curto período de tempo.

    A exposição ainda conta com produtos para PVC e outros materiais para revestimentos internos em automóveis, espumas de alta resistência ao fogo, bem como sistema de elastômeros rígidos e flexíveis. Este último, constituído integralmente de sólidos compostos por poliuréia, poliuretano ou ambos, oferece excelentes propriedades mecânicas, isenção toxicológica, resistência a altas temperaturas e também a químicos agressivos, apresentando a grande vantagem de não gerar gases tóxicos como o clorofluorcarbono (CFC), condições que viabilizam sua aprovação para uso em contato com alimentos e água potável.

    O estande repleto de destaques exibe ainda o SPS – Sandwich Plate System, elemento construtivo composto por chapas de aço unidas por um poliuretano compacto da linha Elastocore, desenvolvido para substituir construções convencionais de aço na indústria naval e na construção civil. Para solados, entressolas e palmilhas, quatro novos produtos da família Elastopan oferecem vantagens que vão desde redução de peso até maior dureza. Já o sistema de TPU Elastollan alia elasticidade e durabilidade sob diversas faixas de temperatura. Um deles, o Elastollan Light, desenvolvido para injeção de solados, combina leveza com baixo desgaste por abrasão.

    BAYER

    Descoberto há sete décadas nos laboratórios da Bayer, o poliuretano continua a motivar inovações. Algumas delas estarão sendo destacadas nesse estande, pela Bayer MaterialScience, como os poliuretanos termoplásticos (Desmopan) empregados em solados de calçados esportivos e o sistema poliuretânico não-expandido e de alta performance (Baytec), utilizado para revestir superfícies e peças técnicas, como tanques, com o propósito de propiciar o mais perfeito isolamento.

    Além de novidades em PU, o visitante poderá também conferir peças e componentes feitos de policarbonato (Makrolom e Bayblend) desenvolvidos para o setor automotivo e outros segmentos da indústria.

    BOREALIS BRASIL

    A expositora apresenta uma nova geração de produtos para a indústria automobilística. O Borcom microcomposites consiste num concentrado de polipropileno modificado com fibras de vidro longas, para peças de alta performance. A tecnologia aplicada reduz o peso e custos entre 8% e 24%, com desempenho único e excelente processabilidade. A empresa expõe também o Xmod, compostos de polipropileno modificado com fibra curta de alto desempenho (HPGF) que atendem à necessidade do mercado por uma alternativa de custo mais baixo. O produto apresenta menor densidade, menor absorção de umidade e pode substituir a poliamida em peças técnicas automobilísticas abaixo do capô, tais como defletores e coletores de ar, distribuidor de água, entre outras.

    BRASKEM

    A petroquímica preparou vários lançamentos especialmente para a feira, com maior número na área de PP. O novo grade H 125 contempla aplicações para a fabricação de não-tecidos destinados a fraldas descartáveis e vestimentas de uso médico-hospitalar. Outra novidade, o RP 344 constitui um PP do tipo copolímero randon para embalagens flexíveis. Para injeção, o novo CP 284 R beneficiará a produção de baldes industriais, enquanto o RP 145 refere-se a um grade de PP transparente, especialmente desenvolvido para ciclos rápidos. As novidades se estendem, ainda, ao grade de PP H 503 HS, de alto desempenho para ráfia. Para termoformagem, a expositora reservou o grade H 616. No segmento dos polietilenos, o novo grade LL 79015 beneficiará a produção de embalagens flexíveis para frigoríficos, e o BS 600, a fabricação de bombonas e frascos para os setores químico e agroquímico. A inovação em PVC contempla resina de alto peso molecular para o mercado de compostos, laminados, calçados e fios e cabos.


    Página 1 de 612345...Última »

    Compartilhe esta página







      0 Comentários


      Seja o primeiro a comentar!


      Deixe uma resposta

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *